Pular para o conteúdo principal

Postagem recente.

Os escombros das eleições de 2018.

O Brasil vive sobre os escombros da guerra gerada nas urnas de 2018. Considerando o Brasil a partir do golpe de 2016, se apronta que está arrasado. Atualmente se vive nos escombros do golpe. Se pode dividir a história após a redemocratização em 1985 em duas sub etapas: 1. A história do Brasil a partir das administrações dos Presidentes Lula a Dilma Rousseff. Durante esse período da história recente os brasileiros viveram de fato; uma realidade próspera. 2. A presente fase da história inicia após o maldito golpe de 2016, consumado nas eleições de 2018, o país passou a conviver com a era da decadência. Essa decadência está materializada na ideologia fascista capitaneada pela força da direita e de todos os grupos, partidos, e organizações políticas de extrema direita.

Os prejuízos do álcool na vida humana.

Número de alcoólatras no Brasil é preocupante.

A imagem mostra um copo de Whisky/uísque uma das mais fortes.  
Infelizmente a quantidade de pessoas viciadas no consumo nas bebidas alcoolizadas no país é muitíssimo preocupante e já superou a média mundial.Enquanto o consumo de álcool per capita no Brasil chegou a 8,9 litros em 2018 e superou a média mundial, chegou a taxa de 6,4 litros por pessoa.
A Organização Mundial de Saúde (OMS), revela uma trágica estatística e alarmante segundo essa agência especializada em saúde, fundada em 7 de abril de 1948 e subordinada à Organização das Nações Unidas. Sua sede é em Genebra, na Suíça.



O país atualmente contabiliza 3,3 milhões que vem a óbito ao ano. Tudo são consequências sinistras geradas através do consumo exagerado de álcool. A pessoa que coloca em sua vida o uso abusivo do álcool, pode rapidamente atingir o grau de dependência e um vício perigoso que abre caminho para outras drogas químicas fatais e os resultados são dramáticos. 
Os especialistas no tratamento do alcoolismo afirmam que esse hábito ruim poderá provocar mais de duzentos tipos de doenças e principalmente as psíquicas e tem como uma das mais temidas a depressão que praticamente não tem cura, apenas controle rigoroso com medicações administradas através dos psiquiatras. 
O sofrimento somente se multiplica para os usuários do álcool que precisa de tratamento urgente para não se chegar ao nível de crônico e ao atingir esse patamar doentio dificilmente há cura, mas simplesmente um rigoroso controle para não haver os terríveis recaídas.

A escravização do álcool inicia na infância e na adolescência.

O ser humano escravizado através do álcool cria problemas diversos não somente para si mesmo, mas em demasia para sua família, parentes, amigos e a relações sociais de maneira generalizada. Incluindo a perda do trabalho, acidentes de trânsito e sua dignidade como cidadão e cidadã.

O uso desenfreado das bebidas alcoolizadas pelos adolescentes, jovens e adultos pode ser sim considerado um grande problema de saúde pública generalizada. Essa situação tem suas origens geralmente nos primeiros anos de convivência entre os adolescentes. Essa socialização com pessoas que já tem um histórico familiar ruim, ou seja, viciados, em todos os tipos de bebidas alcoólicas pode sim influenciar outros adolescentes e jovens a se transformar num alcoólatra em potencial.

Muitos adolescentes e jovens que nunca tomaram o primeiro gole de álcool, em suas vidas, são levados a experimentar pela curiosidade e essa curiosidade é a chave ou a senha para iniciar um caminho sem volta no alcoolismo.
Experimentou o primeiro gole é como se tivesse se contaminado com um vírus de uma doença contagiosa muito difícil de melhorar, após ter contaminado o sistema imunológico do organismo. No caso do álcool essa contaminação inicia gole a gole, festinhas e festinhas todos os fins de semana durante uma vida inteira. O futuro desse jovem quando adulto será infelizmente um escravo do álcool quase irreversível. Muitos terminam nas valetas da sociedade e geralmente morrem e são enterrados como indigentes.   Eles desaparecem de casa e a família nunca mais sabe de seu paradeiro.

Na fase adulta o álcool começa a destruir a vida de diversas maneiras.

a)    Quando as pessoas recorrem o álcool para superar problemas.
É triste quando muitas pessoas em razão de diversas circunstâncias não superadas querem encontrar soluções no álcool. Em vez de solucionar um problema arruma outros, milhares de vezes pior do que, o primeiro que não soube enfrentar no momento. Quantas pessoas tem sua família estabilizada, um casamento sólido de vários anos e perde tudo. Vem as intermináveis brigas e terminam em separações e divórcios. Os filhos sofrem tremendamente com toda essa situação dolorosa.
b)    Na fuga começam a frequentar os locais onde vende-se bebidas alcoólicas e geram violência doméstica.
Os viciados nas bebidas alcoolizadas, normalmente, começam a frequentar os bares onde vendem as bebidas fortes, eles se embriagam e ao chegarem em casa, iniciam as brigas inacabáveis com a esposa e filhos e essa sequência arruinadora termina em violência doméstica.
A mulher nessa situação, quando é sábia, começa aconselhar o esposo do mau que está causando a si mesmo e a família. Ela    quando o esposo está sóbrio, chama atenção do mesmo de maneira amorosa. O esposo já escravizado, promete inutilmente não mais repetir essas cenas trágicas.
Porém, o indivíduo ao passar alguns dias ou semanas, volta ao mal caminho e contorna cada vez mais bêbado e violento. Muitos comentem o feminicídio movido a álcool. Esse tipo de crime tem aumentado abruptamente no Brasil nesses últimos tempos. Muitas mulheres denunciam as agressões, mesmo assim, permanecem sem a proteção do estado para afastar de casa esse esposo violento. É em razão do descaso que ocorrem o feminicídio e muitos deles tem sua origem no alcoolismo onde os agressores agem covardemente sob o poder da cachaça.
c)     Os motoristas bêbados causam acidentes fatais no trânsito e mantam inocentes.
Quantos acidentes de trânsitos, são cometidos por motoristas embriagados e ceifam a vida de pessoas inocentes no trânsito das estradas e rodovias do Brasil. Muitos saem das baladas e assumem o controle irresponsáveis de dirigir seu carro totalmente bêbados. Nessa situação eles assumem a responsabilidade de matar e ferir outrem. Muitas vítimas de acidentes dos trânsitos quando não morrem permanecem com sequelas irreversíveis.
O governo através do dpvat gasta grandes cifras de dinheiro para custear as vítimas ou as que permanecem aposentadas por invalidez definitivas. Quantos sonhos e projetos de vidas de pessoas jovens foram ceifados através dos motoristas embriagados.
Muitos motoristas bêbados são causadores de discussões violentas e mortes no trânsito do país. Por tanto, evite discutir e brigar no trânsito, por que nunca se sabe com quem está discutindo em razão de coisas mínimas. Principalmente agora onde o porte de armas foi liberado e certamente muitos andam armados. E como eles banalizaram a vida, não precisa muito para os condutores violentos sacarem de armas e alvejarem de maneira fatal pessoas inocentes.
d)   O álcool afasta muitos trabalhadores dos seus postos de serviços.
Quantos trabalhadores em função da escravização do álcool, perdem seus empregos que era a base do sustento familiar, e na sequência vem o empobrecimento, o despejo das casas, fome e miséria. A família sofre terrivelmente quando o chefe de família se vicia no álcool os prejuízos são incalculáveis. Todavia evite tomar o primeiro cole por que poderá está iniciando uma caminhada para o precipício existencial. É melhor mesmo nem tomar socialmente ou em casa só para experimentar. Afasta-se desse mal gerador de dores e sofrimentos imagináveis para os escravizados do álcool.

Há saídas para controlar e em alguns casos curar o alcoolismo.

A imagem mostra o copo de cerveja e a frase:o alcoolismo é uma doença! inicia cedo de copo em copo.
Se o paciente alcoólatra quiser parar de beber, somente ele, tem a necessidade e a boa vontade e a coragem de assumir que é alcoólatra. Esse é o ponto de partida   para uma nova vida.

A partir de então procurar ajuda nas clínicas de tratamentos especializadas, nos Centros de Atenção Psicossocial (CAPS) e no AA (Alcoólatras Anônimos) de seu município. É fundamental procurar a secretaria municipal de saúde para pedir ajuda e informações onde existem os locais e horários de reuniões do AA. Lá você estará no lugar certo e simplesmente só precisa demonstrar a boa vontade de mudar de vida. Você seguindo os doze passos corretamente se libertará da escravização do alcoolismo. O alcoolismo é uma doença destrutiva do ser humano.

O álcool destrói a sua saúde, seu casamento, sua família, seus estudos, seu trabalho, seus negócios e seus amigos. Também aborta seus mais belos sonhos e projetos de vida.
Portanto não beba o primeiro gole, nunca entre nesse  barco furado com amigos para   tomar socialmente, isso não existe e pode ser o início da perdição de sua vida. Fuja dos locais onde tenha bebidas alcoolizadas e procure viver saudavelmente com sua família. Isso sim é  qualidade de vida.



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O abc da mãe e suas qualidades.

As mães e suas qualidades no seu abc. As mães quantas qualidades elas possuem, desenvolvem e as colocam em prática, diariamente, vinte e quatro horas; durante uma vida inteira em prol dos seus filhos. Entretanto, dificilmente os filhos percebem e reconhece está árdua luta das mães e são gratos a elas.  Observem neste singelo texto, quanto as progenitoras fazem para seus filhos.
Estes dons surgem desde quando ela engravida pela primeira vez dão à luz seus filhos (as). Elas no cotidiano colocam em prática através de sua consciência maternal todas suas qualidades de mães para a proteção, provisão e educação dos filhos. O mais estranho e ingrato é que poucos filhos reconhecem a importância da sua mãe enquanto estão juntos. Muitos somente irão reconhecer e se lamentarem a sua real importância quando elas morrem.

Você já rotulou alguém de burro?

É uma atitude preconceituosa para ferir o sentimento de outrem e ruim para o convívio social.Quando alguém utiliza este vocábulo burro para qualificar outrem, somente vem comprovar como muitas pessoas tem uma mentalidade maldosa, preconceituosa e intolerante em relação aos seus semelhantes. É inaceitável como é usado no Brasil o termo “burro” entre as pessoas. Muitos usam de maneira intencional para ofender covardemente os seus semelhantes.  Alguns humanos a utilizam de maneira maldosa, preconceituosa e ofensiva. Isso vem ocorrendo desde o início da colonização até os dias atuais.

Indiferença é este sentimento negativo presente nas relações humanas.

Este sentimento ruim, a indiferença está presente na vida e setores sociais. A indiferença é um dos sentimentos humanos extremamente impresumível inerte em sua índole humana. Todavia, quando é despertada provoca indignação à pessoa alvejada. Este sentimento negativo pode estar infiltrado em inúmeras circunstancias da vida. O mais preocupante é a insensibilidade neste mundo individualista; mesmo diante de muitas amizades virtuais vazias e geladas de sentimentos. Podem-se perceber nas relações familiares em gerais e entre amigos. 
No plano social, há muitas situações onde as pessoas reagem plenamente indiferentes, em relação aos semelhantes nas situações de fragilidade e incapacidade. São característicos dos homens reagirem indiferentemente frente aos problemas de outrem. No âmbito governamental, o sentimento de indiferença é visível e constante por parte das autoridades que se comportam em total indiferença frente aos problemas sociais do povo. Também este sentimento é muito presente ent…