Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2020

A intolerância lesa o convívio, nas redes sociais.

Hoje a intransigência é presente entre muitos internautas. A barra de pesquisa na internet com https indica que o site é seguro. Essa realidade ruim ascendeu de forma perigosa e de maneira descontrolada principalmente no Brasil a partir do ano de 2014. Quando foram realizadas as eleições gerais e principalmente para Presidente da República. A partir do momento em que o TSE divulgou o resultado oficial das eleições presidências , ocorreu então uma enorme fenda entre a nação brasileira com tendências crescente. Continua as agressões extremistas, da direita reacionária, inconformados com a esmagadora derrota eleitoral; nessas últimas eleições. Contudo, do outro lado, continuou a esquerda consagrada festejando, essa vitória majestosa, ratificada pela vontade do povo expressada nas urnas. Essas reações geram atritos intermináveis entre os ambos internautas.

Atenção! Não esquecer do prazo da entrega do IR.

Não perca a data de entrega do seu Imposto de Renda, evite problemas futuros. Imposto de Renda 2020.  Em razão da pandemia da covid-19 a Receita Federal adiou o costumeiro prazo de 30 de abril para 30 de junho. Porém não deixe de entregar a sua declaração do Imposto de Renda 2020 base 2019 para última hora. Pode sim, ter problemas de congestionamentos no site da Receita Federal. A Receita Federal não perdoa entregar fora do prazo e as consequências são grandes para quem não acertar as contas com o leão na data estabelecida.

Boato artifício nefasto para todos os cidadãos.

Esta prática nefasta, o boato está presente na política durante campanha eleitoral do Brasil. A imagem diz: boato é nefasto, é crime!  Alguém de má fé tem o costume maldosos para produzir boatos sobre tudo e todos. Este é um método extremamente negativo, ruim, nefasto, perigoso em qualquer época da vida.   Este artifício é péssimo para todos os cidadãos ou especificamente as quais seja direcionado, contra pessoas, empresa ou negócios os danos são quase irreversíveis. Como este tema têm múltiplas facetas, apenas pretendo focar esta matéria no aspecto político. Justamente porque estamos vivendo o período da campanha eleitoral oficial no Brasil. E infelizmente esse péssimo costume sempre tem a tendência de se alastrar por todos os lugarejos, as grandes cidades, além das capitais brasileiras onde as campanhas eleitorais são mais volumosas.

Na era digital conversar entre família é arte.

Dialogar atualmente entre família é um tremendo desafio, a internet roubou a cena. A convivência humana real e virtual na  world, wide e web. Hoje existe entre as famílias que não determinam regras claras, sobre o uso moderado da internet, há um grande desafio para conversar tranquilamente em relação a assuntos familiares. É um verdadeiro problema entre as pessoas atualmente parar alguns minutos para simplesmente conversar e ouvir os familiares, amigos etc.   Essa atitude ruim, está se configurando sintomas patológicos, é uma tarefa, uma       competição dificílima, com as redes sociais. A força da internet é tremenda e roubou aquela cena familiar das longas e boas horas de conversas saudáveis.

O Brasil passa de 1 milhão de infectados do novo coronavírus.

O sofrimento do povo continua sem data para terminar.  O vírus da covid-19 visto a partir da lente do microscópio. Em 20 de junho de 2020 o país bate o recorde sinistro de mais de  1.070.139 de casos confirmados, das pessoas infectadas com o novo coronavírus o responsável pelas mortes em todo o mundo. No Brasil os números são macabros e já se atingiu a marca triste; dos mais de  50 mil mortes de pessoas. Infelizmente já se contabilizam 50.058  mil brasileiros mortos, são vidas, sonhos e projetos interrompidos precocemente.

O Brasil tem diversos sons musicais regionalistas.

Brasil é rico em som, letras e músicas entre as suas cinco regiões.   O violão mostra a diversidade da música  regionalista brasileira.  A música regionalista brasileira é uma área riquíssima a ser estudada pelo nosso povo. Todos cantam, dançam e preservam este gênero musical, mas poucos conhecem realmente, as origens e seus significados das letras, de cada canção que expressam; a vida de cada povo, dos seu Estado das regiões do país.

Tempos de dores e sofrimentos no Brasil.

O país vive diariamente na dor e sofrimento das perdas dos entes queridos. O vírus da covid-19 visto das lentes dos microscópio.  Como suportar esse período de tantos sofrimentos no país. A realidade é cruel dia a pós dia; gerada por essa pandemia. Os números de óbitos oscilam acima das mais de mil vítimas diariamente. Com essas estatísticas dramáticas, traduzem o sofrimento das famílias arrasadas, são vidas perdidas, são sonhos e projetos abortados precocemente, através desse novo coronavírus letal.   O mais revoltante é que ainda assim, há pessoas insensíveis e debochadas. Elas riem da dor e sofrimento do povo que estão com os corações em frangalhos.  

A era bozonarista é uma desgraça no Brasil.

A palavra é enfadonha na política brasileira. A imagem diz: A era Bozonarista. Esta palavra é indigesta! Ela é ruim tanto para escrever, quanto para pronunciar atualmente, entre os brasileiros e certamente em muitos países; é o nome do Presidente do Brasil. Entretanto, o mesmo ainda que foi eleito democraticamente, através das manobras da elite revanchista, não soube gerar simpatia entre os contrários. No entanto, somente até agora tem criado repulsa em torno de si, e gerou divisão, entre os brasileiros através da destilação, do veneno do seu ódio sobre os seus adversários políticos. É especialista em afastar o público contrário ao seu jeito de governar e agregar aos seus apoiadores. Essa era do governo de extrema-direita repleta de confusões, intransigências e várias tentativas de perseguições a liberdade de expressão, se compreende o período macabro de iniciou em 1/01/2019 e irá até o próximo dia 31/12/2022 quando findará esse ciclo maldito; dessa era bozonarista. As classes so

As crises no Brasil é proporcional ao avanço da covid-19.

A crise da pandemia no Brasil. A foto do novo Coronavírus visto a partir do microscópio. Nunca se viu em toda história do país; um drama de tamanha envergadura, igual a essa do novo Coronavírus, o gerador da doença respiratória letal, que recebeu a nomenclatura científica de covid-19. A pandemia no país tem provocado o maior número de contaminações e óbitos, nunca visto na história recente. É dramático ver tantas vidas serem ceifadas durante um único dia no país.  As previsões dos técnicos da área da saúde tanto nacionais, quanto internacionais, asseguraram que o pico dessa doença ainda está no porvir entre fim de julho ou agosto. Diante dessa situação muitos Estados começam a abrir o comércio e todos os setores da economia, mas os efeitos dessas medidas precoces diante do avanço da pandemia será imprevisíveis nos próximos dias.