Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de maio, 2022

A corrupção no Brasil é generalizada.

Não seja ingênuo a corrupção no país, está mais atuante como nunca. As palavras da imagem dizem: corrupção. A corrupção é uma espécie de maldição generalizada e presente na história da sociedade humana. Este termo corrupção representa todos os atos ruins, procedimentos desprezíveis, mas de tanto ocorrer no país, parece se dar a essa discussão de falsas aparências de desgastados, banalizadas e até mesmo mortas; para iniciar uma contestação. Tanto os corruptos, quanto os corruptores querem sim, que a população permaneça na indiferença ou na ingenuidade de que a corrupção no Brasil foi erradicada. Infelizmente muitos pensam erroneamente dessa forma. Este pensamento somente vem reforçar a ação e a impunidade de quem faz a prática dos atos de corrupção no país.

O dia nacional para saborear o café.

O café tem uma história aromática brasileira de muitos anos. O café a bebida histórica do Brasil. O café é uma bebida especial rica em cafeína, servida praticamente em todo o mundo. O amigo de sempre presente em todos os momentos distintos das pessoas. Hoje no Brasil, os apaixonados    dessa maravilhosa bebida, tem seu dia no calendário reservado como o dia nacional do café.   Claro pelo seu grau de popularidade, entre os amigos de todos os dias e de tantos momentos especiais na vida. E cada um de suas mais diversificadas histórias, o café nem precisaria está data para ser lembrado. Entretanto, devido sua influência e presença nas vidas das pessoas é fundamental comemorar. Nada mais justo que o café, tenha este dia para muitas pessoas abrilhantar ainda mais a vida, seus encontros, e seus negócios regados a esta bebida deliciosa e imprescindível de todos os momentos e encontros especiais. Para brindar as grandes vitórias nos fechamentos comerciais e tantas outras boas circunstânci

A firme luta do homem, para obter perfeição.

Reconhecer e corrigir o erro é uma ação nobre do ser humano. A luta humana para conquistar a perfeição. Todos os seres humanos inconscientemente possuem em sua mente a pretensão da perfeição. Algo que jamais conseguirá, pois, em sua essência todos são constituídos de uma centelha de imperfeição. Muitos seres humanos lutam a vida inteira de maneira regrada, para se obter um corpo quase perfeito tipo modelo. Contudo, muitos se deparam com grandes dramas humanos em busca da perfeição e geralmente muitos destes, caem em doenças, porque a plenitude é algo inatingível por qualquer ser mortal. Assim se estende para outras áreas da existência e se precaver de todos os cuidados para construir e produzir as coisas em seu último grau de perfeccionista inquestionável.   É sim, uma atitude louvável, no entanto, nem sempre todos podem cumprir em sua radicalidade, não por incompetência, mas devido às casualidades inesperadas e geralmente inexplicáveis no momento dos acontecimentos. A partir do pr

Silenciar e ouvir na incerteza é ser sábio.

Na ambígua conjuntura política e histórica, é melhor ouvir do que opinar. Ser sábio é ouvir na  incerteza.  Existem momentos na vida, em que a mais sábia estilo e decisão é permanecer no silêncio, para observar os desdobramentos, dos vários acontecimentos dúbios aqueles os quais estão a acontecer sem ninguém saber as reais motivações. Contudo, é melhor ouvir com intensidade do que, opinar insensatamente. No entanto, esta atitude não significa se neutralizar do contexto e da conjuntura política, pelo contrário é ser prudente para opinar com sensatez em momentos oportunos. No entanto, é prudente partir para a posição do distanciamento e do silêncio. São atitudes difíceis nesta conjuntura onde se predomina a velocidade de querer ser sábio e dar uma resposta para todas as coisas ao se considerar o sabe tudo, o dono da verdade, algo que nunca nenhum ser humano saberá de todos os conhecimentos. Poder ouvir e não falar em dados contextos é prudência.   Aprender serenamente a ouvir do

A vida no sistema capitalista é difícil.

Em meio às crises econômicas a vida é árdua no sistema capitalista. A Cédula de Duzentos Reais (R$ 200) e  está corroído pela o dólar  e a inflação nas alturas. Apesar de tudo, a vida é muito complicada na economia capitalista radicada na ideia de escassez, portanto, o incentivo é para todos irem à luta, ou buscar formas para resolver os problemas; num país onde impera o caos do desemprego e todos os seus desdobramentos para todas as vítimas. Num sistema econômico egoísta, onde a minoria detém todas as riquezas e as forças de trabalho da maioria. A concentração de rendas é selvagem para meia dúzia de pessoas que dispõe de tudo. No entanto, por outro lado, há a maioria da população, são dependentes deste grupo mínimo e trabalham de maneira escrava nestes tempos modernos, para manter a ostentação da pequena elite dominante no mundo. Eles são os sugadores das energias, das forças de trabalho, da maioria da sociedade; onde o capital é o centro de tudo.