Pular para o conteúdo principal

Postagem recente.

Os bozonaristas terroristas e golpistas atacaram a democracia.

  Os atos terroristas de Brasília foram inspirados no Capitólio americano. Os terroristas golpistas invade o Congresso Nacional/créditos: Revista Veja.     A perigosa e desastrosa invasão na Praça dos Três Poderes no DF, Brasília, em 8/01/2023 foi nos mesmos "modus operandi" do Capitólio americano nos Estados Unidos. Lamentavelmente lá houve perdas humanas. No Brasil, porém, felizmente ocorreram perdas materiais nas sedes dos Três Poderes da República Federativa do Brasil. Contudo, os terroristas e golpistas brasileiros foram ousados, porque já estavam com o roteiro cinematográfico pronto, era apenas seguir as ordens do diretor que estava no exterior em viagem muito suspeita, isso porque ele era o responsável para manter a segurança do Distrito Federal. Contudo, o roteirista do filme golpista tipo amador, já havia escrito pessimamente e no guião (do inglês: “script”), era aplicar o Golpe de Estado e desta vez seria no mais estilo vil, o militar, entretanto e felizme

O país se livrou daquele presidente que usava vocábulos chulos.

O mandato termina, mas os fatos vistos estão gravados e postados.


A foto mostra o mapa do Brasil na cor preta e está inscrito a frase: O Brasil viveu 4 anos nas trevas (1/01/2019 a 31/12/2022).
O Brasil viveu 4 anos nas trevas (1/01/2019 a 31/12/2022).


O governo que se finda foi sem dúvida a maior decadência da história recente do País. A população vivenciou por 4 anos um apagão, viveram no blecaute, ainda assim, restou a fagulha da luz da esperança. Contudo, essa luz brilhou resplandecente e rompeu o horror das trevas do atraso em 30 de outubro de 2022. A população  com alegria retorna a um novo período, o das luzes que brilhará no alvorecer  de 1.º de janeiro de 2023 com a posse do Presidente Lula para comandar  o Brasil.

Nunca na história recente deste país a nação conviveu com um chefe de Estado que em suas entrevistas com a mídia se utilizava de vocábulos inadequados, para uma pessoa pública e investida, através do voto direto, de autoridade do Presidente da República. Infelizmente a população passou por essa vergonha durante quatro anos e foram repugnantes. Faltam poucos dias para todos se livrar em definitivo desse cidadão que não tinha o mínimo de zelo com as palavras que soltava ao vento, ao ser questionado pelos profissionais da imprensa e mídias, em geral.

Quantos palavrões indignos foram ditos nesta era da decadência brasileira! Foram grandes espetáculos dos horrores o que se ouviu em áudios e vídeos que nunca mais desapareceram da história. Porque tudo o que é falado, gravado e postado pela mídia nas redes sociais, permanecerá para sempre. O seu mandato terminará em 31/12/22, mas as coisas ruins ficarão para todos pesquisarem e constarem os fatos vis.


Nunca mais a população terá o desprazer de ouvir um presidente com o vocabulário chulo.


Há quatro anos a população brasileira conviveu com um ex-Presidente desrespeitoso com as mulheres, os jornalistas, trabalhadoras, trabalhadores, a família e os brasileiro, em geral.

Quando aquele cidadão fazia aquelas malditas entrevistas naquele horrendo cercadinho com seu gado, os palavrões corriam sem controle. Contudo, não havia uma alternativa, correr para desligar a televisão porque a boca podre iria falar palavras de baixo calão. Todas as famílias passavam vergonha se continuassem a ouvir as asneiras. Era uma tremenda falta de respeito aos brasileiros. Não obstante, aquele cidadão foi eleito como o defensor dos valores familiares e foi o que mais esculachou as famílias ao pronunciar palavras e frases indecentes em entrevistas ou nos seus excessos de chiliques. Foi uma vergonha nacional e mundial, tanto que neste período de obscurantismo o mundo se afastou do Brasil.

O país permaneceu 4 anos de apagão, em trevas totais.


Todavia, o país viveu 4 anos de apagão e todos permaneceram sob profundo blecaute, entretanto, em meio às sombras, havia pequenas fagulhas de luzes da esperança que foi crescendo e se mantendo cada vez mais, radiante até romper em definitivo com as trevas que teimava permanecer no Brasil.

O feixe de luz que rompeu as trevas dessa era maldita, ocorreu em 30 de outubro de 2022. Foi a vitória do [Lula] tão esperada, sofrida e dolorosa. Era algo semelhante às dores do parto, após os gemidos de agonias e angústias, vieram sobre as trevas o grito guiado pelas luzes da esperança e da libertação do jugo do retrocesso e do apagão bozonarista. Foi 4 anos de grandes lutas da esquerda unida num único objetivo, derrotar os extremistas de direita e agora, 50,90% dos brasileiros estão em serenidade e os contrários em agitações, exigem o retrocesso, não terão volta. Chegou o fim do pesadelo que parecia invencível, entretanto, a força do voto democrático, libertou a nação da escravidão da extrema-direita.


A boa notícia é que em 2022, o país volta às luzes, com Lula Presidente.


No entanto, será uma grande (satisfação) saber que a partir de 2023 o país terá um novo Presidente da República, que jamais se comunicará com a população, ou a imprensa, em geral, de maneira desrespeitosa e usar de vocabulário torpe, baixo e insuportável. A partir de 1 de janeiro de 2023 o Brasil e o Mundo terão no comando desta nação o Presidente Luís Inácio Lula da Silva, o maior estadista político do Brasil e da comunidade internacional. Nunca o [Lula] em sua trajetória política se dirigiu à nação de maneira desrespeitosa. Ele sabe falar com fineza e tem um trato especial com as mulheres jornalistas e de todas as áreas profissionais, ele tem um zelo humano e profissional com todas as trabalhadoras femininas do país e todas as cidadãs anônimas brasileiras. Contudo, este mesmo cuidado é extensivo para todas as pessoas, todos os cidadãos que compõem essa grandiosa nação.

No entanto, os brasileiros terão em 2023 a boa notícia de volta à era das luzes com o Presidente Lula, na administração deste País gigantesco e de uma nação que ama ser respeitada e por quem está no poder.


A vitória do Presidente Lula, é o resgate da democracia e do respeito ao povo.

Portanto, parte da nação brasileira foi sábia ao escolher o [Lula] para administrar este país neste período singular de sua história. Contudo, é importante frisar que a decadência do Brasil tem sua origem com o golpe de 2016 ao destituir a Presidenta Dilma Rousseff de maneira torpe. Entretanto, a partir de então, entraram os golpistas na era temista que foi marcada pela reforma trabalhista que levou a geração da crise do desemprego que se mantém até hoje e sem data para o fim.

Todavia, a decadência se recrudesceu na era das trevas, a era bozonarista entre 1/01/2019 a 31/12/2022, que foi marcada, por tudo que há de mais obscuro, torpe, atrasado e ruim durante 4 anos de declínio e de tempo perdido para todos. O que restou foi a fome e a miséria da população! Além das mortes por COVID-19, violência e atraso econômico e social, neste olho do furacão do retrocesso estava as constantes ameaças à democracia. Foram anos de muitas tensões e sofrimentos para a nação. O revoltante foram as indiferenças e os repudiáveis de broches daquele cidadão para com as famílias das vítimas da pandemia mais devastadora deste século.

Todavia, em 30 de outubro de 2022, chegou à redenção, com a vitória do [Lula] com mais de 60 milhões de votos válidos. A vitória do [Lula] representa a vitória da democracia que estava ameaçada e o respeito, o zelo, o cuidado para com todos os habitantes deste país que já ultrapassam os 215 milhões.

Na alvorada de  1.º de janeiro de 2023 o país entra para as luzes.

Portanto, ao raiar do primeiro de janeiro de 2023 o Brasil, entrará para uma nova fase da história, sai da escuridão e volta a era da luz, do conhecimento, da ciência, da arte e sobretudo da valorização humana. O Presidente Lula como uma pessoa humanista que é, vai saber cuidar dessa nação tão carente e sofrida como somente ele saberá respeitar. Ele que é a prova de todos os tipos de sofrimentos e inclusive da injustiça, saberá zelar por essa nação brasileira e se espera que ele possa fazer o melhor governo de sua existência e que sirva de exemplo para as futuras gerações. Viva a democracia, a militância de esquerda e o Presidente Luís Inácio Lula da Silva.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O abc da mãe, para expressar, as suas qualidades.

As mães possuem suas qualidades no abc da vida.   A imagem diz o  abc da mãe  As mães, quantas qualidades elas possuem, desenvolvem e as colocam em prática, diariamente, vinte e quatro horas; durante uma vida inteira em prol dos seus filhos. Entretanto, dificilmente os filhos percebem e reconhecem esta árdua luta das mães e são gratos a elas. Observem neste singelo texto, quanto as progenitoras fazem para seus filhos.   Estes dons surgem desde quando ela engravida pela primeira vez dando à luz seus filhos (as). Elas no cotidiano colocam em prática através de sua consciência maternal todas suas qualidades de mães para a proteção, provisão e educação dos filhos. O mais estranho e ingrato é que poucos filhos reconhecem a importância da sua mãe enquanto estão juntos. Muitos somente irão reconhecer e lamentar a sua real importância quando elas morrem. Os filhos deveriam observar e valorizar as qualidades da mãe.   Neste simples abc da mãe, todos os filhos deveriam sempre obser

Você já rotulou alguém de burro?

Essa atitude é preconceituosa, ela  ferirá o sentimento de outrem e ruim para o convívio social. A expressão Burro comprova o preconceito  entre as pessoas.  Quando alguém utiliza este vocábulo burro para qualificar outrem, somente vem comprovar como muitas pessoas têm uma mentalidade maldosa, preconceituosa e intolerante em relação aos seus semelhantes. É inaceitável como é usado no Brasil o termo “burro” entre as pessoas. Muitos usam de maneira intencional para ofender covardemente os seus semelhantes. Alguns humanos a utilizam de maneira maldosa, preconceituosa e ofensiva. Isso vem ocorrendo desde o início da colonização até os dias atuais.

Candeeiro ou lamparina antiga, mas muito usado no Brasil.

O candeeiro fez parte da vida do povo nos tempos remotos e na atualidade.   Sem luz se usa o candeeiro. Candeeiro é a lamparina, artefato antiquíssimo, composta por duas partes simples. A sua base é feita de lata comum. Pode-se observar que é um desenho simplório, num formato de uma pirâmide. No topo desta pirâmide usa-se pavio de fabricado de algodão. Ele é umedecido com querosene, que é colocado na parte de baixo, como podemos observar tem uma forma redonda, mas como base piramidal.