Pular para o conteúdo principal

Postagem recente.

Atenção! Crianças desliguem a TV o bozo17 vai falar.

A reunião torpe do presidente bozo17 e   seus ministros.
O conteúdo e o mérito a quem aquela reunião beneficiará não é objeto de interesse desta postagem.  Os personagens desse enredo sinistro, são todos iguais, são anódinas e aborrecível. Nenhum nunca nos representou, e nunca nos representará. O único fato preocupante é a postura dessa gente pública usando de linguagem imprópria, ofensiva e deselegante,  a grosseria ao se dirigir a nação, o vocabulário nojento, a quebra de decoro, quebra da liturgia de uma reunião de autoridades do país e o zelo para com a nação, do chefe do poder executivo da República e seu ministério.

A pandemia da covid-19..

A pandemia do COVID-19 está pressionando fortemente os sistemas de saúde em todo o mundo. 

O vírus tem uma foma de coroa  vista no microscópio eletrônico.  A  doença causada por esse vírus foi denominada de coronavírus que recebeu o nome de covid-19 a atual pandemia mundial do século XXI.
A foto do covid-19 visto do microscópio.
*O rápido aumento da demanda de instalações e profissionais de saúde ameaça sobrecarregar alguns sistemas de saúde e impedir sua operação efetiva.
Em surtos anteriores, observou-se que, quando os sistemas de saúde são sobrecarregados, a mortalidade por doenças para as quais existem vacinas ou tratamentos também pode aumentar drasticamente. Durante o surto da doença pelo vírus Ebola 2014-2015, o excesso de mortes por sarampo, malária, HIV / AIDS e tuberculose atribuíveis ao colapso dos sistemas de saúde excedeu o número de mortes por Ebola (1,2) .

"A melhor defesa contra qualquer surto é um sistema de saúde robusto", disse o diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus. "O COVID-19 mostra a fragilidade de muitos sistemas e serviços de saúde em todo o mundo e está forçando os países a tomar decisões difíceis sobre a melhor forma de atender às necessidades de seus cidadãos".

Para ajudar os países a escolher o caminho certo diante desses desafios, a Organização Mundial da Saúde (OMS) atualizou suas diretrizes de planejamento operacional para equilibrar as demandas de resposta direta ao COVID-19 com a necessidade de continuar prestando serviços. sanitários essenciais e atenuar o risco de colapso do sistema. Isso abrange uma série de medidas imediatas específicas que os países devem considerar nos níveis nacional, regional e local para reorganizar e manter o acesso a serviços de saúde essenciais de qualidade para toda a população.

Os países precisam determinar quais serviços essenciais eles priorizarão em seus esforços para manter a continuidade da prestação de serviços e introduzir mudanças estratégicas para garantir que recursos cada vez mais limitados ofereçam o máximo benefício à população. Devem também atender aos mais rigorosos requisitos de precaução, especialmente em relação às práticas de higiene e ao fornecimento de suprimentos adequados, em especial no que diz respeito aos equipamentos de proteção individual. Isso requer planejamento sólido e ação coordenada entre governos e unidades de saúde e seus gerentes.

Exemplos de serviços essenciais incluem vacinação de rotina, serviços de saúde reprodutiva - incluindo cuidados durante a gravidez e o parto - atendimento a bebês e adultos mais velhos, tratamento de doenças mentais, doenças não transmissíveis e doenças infecciosas como HIV, malária e tuberculose, tratamentos hospitalares críticos, tratamento de problemas de saúde urgentes e serviços auxiliares, como imagens básicas, serviços de laboratório e bancos de sangue.
Sistemas de saúde bem organizados e bem preparados poderão continuar a fornecer acesso equitativo à prestação de serviços essenciais durante uma situação de emergência, limitando a mortalidade direta e evitando a mortalidade indireta desnecessária.

As diretrizes destacam a importância de manter as informações atualizadas, o que requer comunicação frequente e transparente com a sociedade e um forte envolvimento das comunidades, para que o público possa continuar confiando que o sistema responde com segurança às suas necessidades e controles essenciais o risco de infecção nos serviços de saúde. Isso ajudará a garantir que as pessoas continuem a procurar atendimento médico quando necessário e a seguir os conselhos de saúde pública. *Nota:  créditos deste artigo  para a [OMS] que é autora.

Confira o mapa da OMS sobre a evolução da covid-19 no mundo.

https://experience.arcgis.com/experience/685d0ace521648f8a5beeeee1b9125cd

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O abc da mãe e suas qualidades.

As mães e suas qualidades no seu abc. As mães quantas qualidades elas possuem, desenvolvem e as colocam em prática, diariamente, vinte e quatro horas; durante uma vida inteira em prol dos seus filhos. Entretanto, dificilmente os filhos percebem e reconhece está árdua luta das mães e são gratos a elas.  Observem neste singelo texto, quanto as progenitoras fazem para seus filhos.
Estes dons surgem desde quando ela engravida pela primeira vez dão à luz seus filhos (as). Elas no cotidiano colocam em prática através de sua consciência maternal todas suas qualidades de mães para a proteção, provisão e educação dos filhos. O mais estranho e ingrato é que poucos filhos reconhecem a importância da sua mãe enquanto estão juntos. Muitos somente irão reconhecer e se lamentarem a sua real importância quando elas morrem.

Você já rotulou alguém de burro?

É uma atitude preconceituosa para ferir o sentimento de outrem e ruim para o convívio social.Quando alguém utiliza este vocábulo burro para qualificar outrem, somente vem comprovar como muitas pessoas têm uma mentalidade maldosa, preconceituosa e intolerante em relação aos seus semelhantes. É inaceitável como é usado no Brasil o termo “burro” entre as pessoas. Muitos usam de maneira intencional para ofender covardemente os seus semelhantes.  Alguns humanos a utilizam de maneira maldosa, preconceituosa e ofensiva. Isso vem ocorrendo desde o início da colonização até os dias atuais.

Candeeiro ou lamparina antiga, mas muito usado no Brasil.

O candeeiro fez parte da vida do povo nos tempos remotos e na atualidade. Candeeiro é a lamparina, artefato antiquíssimo composta sobre duas partes simples. A sua base é feita de lata comum. Um desenho simplório num formato de uma pirâmide. No topo desta pirâmide usa-se pavio de fabricado de algodão. Ele é umedecido com querosene, que é colocado na parte de baixo, como podemos observar tem uma forma redonda, mas como base piramidal.
Este utensílio domestica há muitos anos foram usados no país inteiro até chegar às primeiras transmissões de energia elétrica nas capitais e aos poucos foram se disseminado para o restante do país.