Pular para o conteúdo principal

A história revela as insatisfações humanas.

Insatisfação políticas e humanas a história as traduz.

A imagem de fundo Preto e caracteres em vermelho diz: 1964 nunca mais!
1964 Nunca Mais!

A História revela fiel e autenticamente as insatisfações humanas, vamos pensar agora que estamos vivendo, prestes a ser decidido voto a voto em outro futuro desconhecido sob todos os aspectos do nosso Brasil. O povo brasileiro que amargou a ditadura militar, entre os anos de 1964 e 1985, sempre estava insatisfeito diante da violência, assassinatos e grandes corrupções praticadas no silêncio da noite.

A população não aceitava ser excluída de poder votar em escolher seus representantes democraticamente. Diante desta insatisfação, multidões de jovens tomaram as ruas durante os vinte e um anos sangrentos da ditadura militar para resgatar a democracia e ter de volta o direito soberano de votar. 

Foi uma conquista da nação, que é impossível avaliar seu preço, ou melhor, foi um valor incomensurável; onde muitas vidas foram ceifadas precocemente. Contudo, até hoje não se sabe o paradeiro de muitos cidadãos que se tornaram mártires da ditadura, que lutaram pela democracia. Onde predomina os direitos fundamentais do cidadão e entre tantos o voto livre e soberano?

A desinformação leva muitas pessoas a pedirem a ditadura.
 

Tem muitas pessoas desinformadas ou até mesmo mal-intencionadas, que defendem a ditadura argumentando falaciosamente afirmando que foi o melhor período da história brasileira havia ordem e progresso. Pelo contrário foi o período de maior desastre econômico, o endividamento externo aumentou em ritmo galopante, os níveis de corrupção foram astronômicos, os assassinatos a quem não concordasse com os militares eram certos. Todos os cidadãos brasileiros foram violentados em seus direitos fundamentais. 

A Constituição foi rasgada e baixaram os homicidas Atos Institucionais que atribuíam plenos poderes e direto zero para os cidadãos e congresso Nacional fechado e repressão total. Estes fatos servem para relembrar aqueles que defendem este regime truculento. Tudo o que ocorria nos bastidores era varrido para debaixo do tapete sangrento da ditadura. A imprensa era proibida de fazer qualquer denúncia da podridão dos militares que atuaram no poder por mais de vinte anos. No entanto, quem ousasse fazer algo neste sentido tinha a sede da redação invadida, os jornalistas e familiares presos e assassinados, e o veículo de comunicação interditado.

O Brasil vive numa democracia, mas com problemas históricos.

 

Hoje a sociedade brasileira gozando de uma democracia, mas a insatisfação permanece por inúmeros motivos e com razão. Entretanto, muita gente não sabe o valor que tem o voto e desperdiça. Nem mesmo votar ou simplesmente por birra partidária que não leva a nada, anularam ou votaram em branco. Esta atitude não vai ajudar no aperfeiçoamento da nossa democracia.

A justificativa é que todos os políticos são ladrões e corruptos, na ditadura não era diferente, era muito mais nojento, a corrupção disseminava entre os ditadores e a população jamais ficava sabendo. Hoje tem corrupção também em todos os setores administrativos, jamais 'tapar o sol com a peneira’ porque muitos políticos ao chegarem ao poder se corrompem mesmo, é mau-caráter. 

Contudo, todo o político que usar deste expediente, quando descoberto automaticamente será denunciado, aos órgãos investigativos oficiais que arrolaram provas irrefutáveis que comprovarão do ato abjeto, abominável e receberá as punições previstas em lei. Deixar de votar porque existe corrupção é um argumento fraco. É mesmo uma insatisfação humana que revela o comportamento humano na história. Na política que os perversos políticos vêm promovendo esta baixaria cada legislatura, é compreensível que os cidadãos honestos e trabalhadores se revoltam contra estes homens públicos e malfeitores.

O país vive momento político ruim, mas é necessário votar em pessoas honestas.

 

Entretanto, com ou sem corrupção, mordomias, altos salários, que não é segredo para nenhum cidadão brasileiro, no próximo dia 05/09/2014 vamos escolher os representantes e novos dirigentes do nosso país. Sabemos que tudo de ruim existe no meio político, não estou defendendo esta podridão, estou enfaticamente condenando tudo que há de errado, mas somente será possível mudar votando consciente.

Votar consciente é conhecer a história de lutas de quem pretende escolher para administrar o país. Podemos ter a certeza de que cada eleição é o momento correto de promover uma faxina desses maus políticos. Eliminando a participação destes malfeitores, sanguessugas, parasitas do meio político. Estes devem trabalhar como todos os trabalhadores para viver do suor do seu trabalho e não dos impostos do povo.

A solução é votar em pessoas honestas e para saber se um postulante a um cargo eletivo é idôneo, basta verificar sua vida pregressa e seu envolvimento social na comunidade, município, estado e país. Por isso, não deixe de votar, antes de eleger passe um tempo na “web”, cartório eleitoral da sua cidade e investigue se o candidato (a) que pretende dar o seu voto tem credenciais honestas para ser seu representante nos poderes legislativos e executivos, estaduais e federais.

Não deixe a insatisfação impedir de participar do compromisso de construir um Brasil melhor para todos nós, nossos filhos e netos. O “blog” analiseagora deseja uma boa eleição para todos os leitores e amigos do brasil e do mundo.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O abc da mãe, para expressar, as suas qualidades.

As mães possuem suas qualidades no abc da vida.   A imagem diz o  abc da mãe  As mães, quantas qualidades elas possuem, desenvolvem e as colocam em prática, diariamente, vinte e quatro horas; durante uma vida inteira em prol dos seus filhos. Entretanto, dificilmente os filhos percebem e reconhecem esta árdua luta das mães e são gratos a elas. Observem neste singelo texto, quanto as progenitoras fazem para seus filhos.   Estes dons surgem desde quando ela engravida pela primeira vez dando à luz seus filhos (as). Elas no cotidiano colocam em prática através de sua consciência maternal todas suas qualidades de mães para a proteção, provisão e educação dos filhos. O mais estranho e ingrato é que poucos filhos reconhecem a importância da sua mãe enquanto estão juntos. Muitos somente irão reconhecer e lamentar a sua real importância quando elas morrem. Os filhos deveriam observar e valorizar as qualidades da mãe.   Neste simples abc da mãe, todos os filhos deveriam sempre obser

Você já rotulou alguém de burro?

Essa atitude é preconceituosa, ela  ferirá o sentimento de outrem e ruim para o convívio social. A expressão Burro comprova o preconceito  entre as pessoas.  Quando alguém utiliza este vocábulo burro para qualificar outrem, somente vem comprovar como muitas pessoas têm uma mentalidade maldosa, preconceituosa e intolerante em relação aos seus semelhantes. É inaceitável como é usado no Brasil o termo “burro” entre as pessoas. Muitos usam de maneira intencional para ofender covardemente os seus semelhantes. Alguns humanos a utilizam de maneira maldosa, preconceituosa e ofensiva. Isso vem ocorrendo desde o início da colonização até os dias atuais.

Candeeiro ou lamparina antiga, mas muito usado no Brasil.

O candeeiro fez parte da vida do povo nos tempos remotos e na atualidade. Sem luz se usa o candeeiro. Candeeiro é a lamparina , artefato antiquíssimo composta sobre duas partes simples. A sua base é feita de lata comum. Um desenho simplório num formato de uma pirâmide. No topo desta pirâmide usa-se pavio de fabricado de algodão. Ele é umedecido com querosene, que é colocado na parte de baixo, como podemos observar tem uma forma redonda, mas como base piramidal. Este utensílio domestica há muitos anos foram usados no país inteiro até chegar às primeiras transmissões de energia elétrica nas capitais e aos poucos foram se disseminado para o restante do país.