Pular para o conteúdo principal

Os doze condenados do mensalão brasileiro.

Todos os doze condenados do mensalão ganharam um novo julgamento.

A imagem diz;Supremo Tribunal Federal.
A imagem diz;Supremo Tribunal Federal.
Esse tempo será uma grande possibilidade de ganharem a prescrição processual. Se isso correr certamente muitos poderão sair dessa história de corrução ilesos e poder debocharem da sociedade brasileira.
Essa história está parecendo nome filme de ficção repleto de ação policial, criminalidade, investigação, espionagem, quadrilha, julgamento e impunidade. Apesar disso, não é filme de ficção, ou outro gênero qualquer e nem histórias de novelas românticas cheias de tramas fictícias adaptadas à realidade.  É mesmo uma história real e vergonhosa da corrupção dentro da política brasileira.

Talvez no final dessa vergonhosa história de corrupção brasileira; algum cineasta ou escritor de novela possam se interessar para criarem um roteiro cinematográfico de um filme de longa-metragem. No intuito de registrar e passar nas telas do cinema esse escândalo nacional. Provavelmente a sétima arte repulsará, esse enredo desprezível desse, da atual história brasileira, que poderá vir embutido algum vírus da corrupção e impunidade e manchar a arte do cinema, melhor não arriscar.  

As prisões doze condenados.

Hoje 18/09/2013 ocorreu mais um capítulo dessa história real e abominável, que gerou torcida para saber quem vai ganhar ou perder. Como se fosse uma decisão de copa do mundo ou de uma decisão de qualquer campeonato ou modalidade esportiva. Porém, antes fosse, mas foi mais um desfecho dessa história nojenta que já fazem oito anos de badalação na imprensa e que envergonha o nosso país e o mundo. Pelo desempate de 6 a 5 e favorável aos embargos de infringentes o STF ofereceu a chance de um novo julgamento em 2014, para os doze condenados. Havendo uma grande possibilidade de prescrição processual e todos permanecerem na impunidade. Os outros 13 vão para prisão para cumprirem uma sua pena.

A vontade da grande maioria da população brasileira era ver todos os 12 condenados presos e devolverem aos cofres públicos o dinheiro, que roubaram do povo sofrido. Esse dinheiro se não for outra vez, alguém passar a mão, será importante para fazer melhorias nas áreas sociais como educação, saúde, segurança, transportes, habitação etc.
Contudo a justiça mais uma vez frustrou a vontade popular e postergou para mais um tempo indeterminado, essa história absurda. Mas estão respeitando a lei, e o amplo direito de defesa a todos. Protegendo também as garantias dos direitos individuais de qualquer cidadão como reza a Constituição Federal, em seu artigo quinto.

A decisão da justiça não se discute, simplesmente se cumpre.

Como não sou dessa área jurídica e mesmo que fosse não teria nenhuma autoridade para discutir uma decisão do supremo. Contudo, como todos os cidadãos têm o direito e o dever de expressar comentários. Nesse sentido poderemos enfatizar, que no decorrer da argumentação, a decisão do voto foi para desempatar o julgamento e aceitar os embargos de infringentes.  Houve transparência absoluta do juiz decano do STF para fundamentar seu voto dentro da lei. Trazendo exemplos desse embasamento no regimento do STF que tem força de lei e que já foi usado em outros momentos da história. E principalmente foi plenamente isento de qualquer pressão externa, permitindo aos condenados espaçosos condições integrais para se defenderem. Isto ocorrerá nos próximos passos desse julgamento do mensalão para haver uma justiça justa seja para condenar ou absolver.

Dia marcante para todos os envolvidos nesse escândalo de corrupção.

No entanto foi um dia relevante na vida dos doze condenados e dos 25 envolvidos, nessa roubalheira do dinheiro público. Todos ganharam mais uma possibilidade, para   não pagarem absolutamente nada, pelos seus crimes de corrupção. Esses crimes foram comprovados através das investigações dos órgãos competentes e abalizadas pela justiça brasileira.
O mais conhecido mensalão brasileiro da atualidade política nacional veio à tona desde o dia 14/05/2005 quando ocorreram as primeiras denúncias até hoje. A imprensa teve a liberdade de fazer o seu trabalho de denunciar e cobrar punições. Estão cumprindo seu papel como meios de comunicações livres e isentos a serviço da sociedade que luta e busca a honestidade. Cabe à justiça finalizar a tarefa da mídia brasileira seja ela grande (É importante frisar que essa mídia grande é golpista, nunca esquecer isso. ), pequena ou minúscula como esse singelo blog. Que não compactua com nenhuma forma de corrupção, mas tem o dever de denunciar e exigir que a nossa justiça julgue e puna qualquer culpado dentro dos tramites processuais e oferecendo o amplo direito de defesa.
Em outros períodos da história do Brasil isso seria simplesmente impossível à mídia golpista, fazer uma denúncia dessa envergadura e cobrar punições para os culpados.  Automaticamente, seria punida radicalmente pela truculência do governo ditatorial. E a sujeira de qualquer magnitude de corrupção era varrida para debaixo do tapete público ou privada e ninguém ficava sabendo nada. Além do mais, todos os corruptos, que pousavam de honestos de maneira cínica. Poderiam ser eles políticos, funcionários públicos envolvidos, ou empresas que promoviam as mais torpes corrupções nas entranhas governamentais.

O regime democrático tem seus defeitos, mas é o melhor do mundo.

A democracia é excelente porque todos podem investigar, denunciar, e se pronunciar com liberdade e responsabilidade.
Graças o momento democrático em que vivemos e ampla liberdade de expressão, os escândalos começaram a aparecerem e os culpados serem processados alguns condenados e outros ganhando mais tempo para a condenação. Todos os culpados não tardam por esperar, a hora deles chegará. O importante é que tudo seja transparente nesse Brasil e nenhuma uma vírgula possa permanecer em suspeita tudo deve ser denunciado e investigado e levado a julgamento. 
A justiça tem seus métodos legais para finalizar qualquer caso de suspeição, tanto nas administrações públicas e privadas que evolvam as esferas das administrações governamentais para tirarem proveitos ilícitos. 
Graças ao trabalho implacável da mídia em geral veio a público o mensalão um dos mais famosos escândalos de corrupção no Brasil. Contudo outros casos de corrupções a justiça estão investigando e coibindo lentamente, essa prática nociva a sociedade brasileira.

Portanto, chegamos ao fim de mais um capítulo da história do mensalão brasileiro os doze condenados ganharam mais esse tempo de defesa porque tinham cacife para impetrar recursos e mais recursos. Seria justo que todos brasileiros tivessem em pé de igualdade para fazer isso. "Quem pode, pode e quem não pode se sacude”(dito popular); é a mesma coisa que aplicar na realidade: para os ricos todas as garantias do direito porque esses podem pagar renomados juristas e advogados para defendê-los. Por quanto para os pobres, o rigor do direito rígido. Devido suas condições financeiras não os permitirá contratar renomados advogados que os defendam. Esses dependem dos defensores públicos que não tem muito interesse em defender os excluídos do poder econômico e político. A justiça deve ser justa para todos esses embargos de infringentes devem ser estendidos a todos e não somente aqueles que gozam do poder político e econômico.  


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O abc da mãe e suas qualidades.

As mães e suas qualidades no seu abc. As mães quantas qualidades elas possuem, desenvolvem e as colocam em prática, diariamente, vinte e quatro horas; durante uma vida inteira em prol dos seus filhos. Entretanto, dificilmente os filhos percebem e reconhece está árdua luta das mães e são gratos a elas.  Observem neste singelo texto, quanto as progenitoras fazem para seus filhos.
Estes dons surgem desde quando ela engravida pela primeira vez dão à luz seus filhos (as). Elas no cotidiano colocam em prática através de sua consciência maternal todas suas qualidades de mães para a proteção, provisão e educação dos filhos. O mais estranho e ingrato é que poucos filhos reconhecem a importância da sua mãe enquanto estão juntos. Muitos somente irão reconhecer e se lamentarem a sua real importância quando elas morrem.

Você já rotulou alguém de burro?

É uma atitude preconceituosa para ferir o sentimento de outrem e ruim para o convívio social. Quando alguém utiliza este vocábulo burro para qualificar outrem, somente vem comprovar como muitas pessoas tem uma mentalidade maldosa, preconceituosa e intolerante em relação aos seus semelhantes. É inaceitável como é usado no Brasil o termo “burro” entre as pessoas. Muitos usam de maneira intencional para ofender covardemente os seus semelhantes.  Alguns humanos a utilizam de maneira maldosa, preconceituosa e ofensiva. Isso vem ocorrendo desde o início da colonização até os dias atuais.

Candeeiro ou lamparina antiga, mas muito usado no Brasil.

O candeeiro fez parte da vida do povo nos tempos remotos e na atualidade. Candeeiro é a lamparina, artefato antiquíssimo composta sobre duas partes simples. A sua base é feita de lata comum. Um desenho simplório num formato de uma pirâmide. No topo desta pirâmide usa-se pavio de fabricado de algodão. Ele é umedecido com querosene, que é colocado na parte de baixo, como podemos observar tem uma forma redonda, mas como base piramidal.
Este utensílio domestica há muitos anos foram usados no país inteiro até chegar às primeiras transmissões de energia elétrica nas capitais e aos poucos foram se disseminado para o restante do país.