Pular para o conteúdo principal

Brasil do medo e do ódio entre as pessoas.

Casos enigmáticos de ódio domina o Brasil.

O mapa mostra São Paulo em verde onde está a Cidade de Suzano.
Atualmente o país vive sob o medo e a obscuridade do ódio que avança em todas as partes dessa nação honesta e trabalhadora. Infelizmente não existe paz em nosso país. O medo seguido de ódio avança de maneira violenta em todos os setores da sociedade.   As famílias não têm mais aquela tranquilidade, para sair de suas casas para trabalhar, ou para algum evento de entretenimento, mas não sabe se volta viva ou não. 

O mais grave é que esse ódio desenfreado das milícias, que atuam no país, age de maneira sorrateira, e causam horrores entre as pessoas.  Geralmente se leva tempo para ocorrerem algumas elucidações das atrocidades (quando existe) após grandes pressões populares e das organizações nacionais como Rio ONG de paz, a anistia internacional; todas ligadas aos direitos humanos, interessadas nos esclarecimentos desses casos. Agora quando ocorrem com as pessoas comuns, infelizmente em absoluto; nada acontece.

Atualmente se vive tempos de medo em todo o Brasil.

É o período mais inseguro onde se vive no país após a presença da extrema direita no poder central. Assim ocorrem nos poderes dos Estados, onde se compõe a Federação do Brasil. A direita raivosa que assumiu o poder em 2016 via golpe mais abominável da história recente do país. Essa investida contra a democracia, se consumou nas eleições de 2018. A partir de então vem provocando medo a todos os cidadãos trabalhadores, e principalmente, aqueles que possuem algum cargo eletivo contrário ao pensamento de ódio desse atual governo; brotado das fake News do WhatsApp.

A pergunta que se pode fazer até quando essa situação irá permanecer no Brasil? A resposta direta não se sabe, ou a mais correta será quando esse governo provindo das forças do mal chegar ao seu fim. Também há uma vida a ser trilhada por todos, é a resistência sem medo, e permanente até culminar com o fim desse governo sem rumo, mas de perfil violento.

É chegado o momento de todos botarem o medo para correr e lutar por liberdade, paz e democracia forte nesse país.

Perante a tudo o que está acontecendo no Brasil não é hora de ninguém esmorecer, mas pelo contrário, agir de maneira organizada e contínua contra a esse governo sem noção, mas odioso, excludente e preconceituoso.  Ninguém, poderá permanecer, acuado, mas todos que são contrários a tudo o que está aí, precisa fazer a sua parte. Dar a sua parcela de contribuição, se indignar e começar o trabalho de formiguinha, para começar a encher as ruas. 

Começando no seu bairro, se estendendo de maneira unida e forte em sua cidade e seu ritmo formar uma grande trincheira humana, contra esse governo do ódio; e do desgoverno. Permanecer parado em casa, esperando que alguém faça algo ou ação no seu lugar, ninguém verá nunca ocorrer mudanças e botar esse governo filhote das fake News, do maldito aplicativo WhatsApp para fora do poder. Ele e toda a sua equipe que está levando a nação a falência.  

O Brasil retrocedeu ao obscurantismo e barbárie de maneira cruel e dolorosa para a população brasileira.

Ainda há pessoas que pensa que a nação deu um passo a frente com a vitória da elite raivosa de extrema-direita, pelo contrário todos retrocederam aos tempos da ignorância e tristemente da barbárie. Como é difícil explicar esse retrocesso de trezentos e sessenta graus, para as pessoas que parece cegas e não enxergam essa realidade brasileira. 

As coisas ruins são divulgadas praticamente todos os dias e essas pessoas ainda pensam que está bom. É o ódio exasperado em todos os sentidos, como é atualmente na sociedade brasileira, e escancarado nas redes sociais. É lamentável, o que ocorre no dia a dia; hoje no campo virtual. Basta quaisquer discordâncias entre as pessoas alienadas e manipuladas, que são tremendos motivos para as brigas intermináveis e até de vis ameaças as pessoas que navegam na internet.

Fim dos direitos sociais para a população.

A carteira de trabalho digital totalmente vazia de direitos sociais.
Primeiro foi a reforma trabalhista que levou os direitos trabalhistas de todos os trabalhadores atuais e futuros. Ninguém tem seus direitos garantidos como era antes. Os legisladores golpistas levaram a toque de caixa tudo que desde Getúlio Vargas criou e agora todos voltaram a ser escravos modernos. Todos trabalham sob a forma de terceirização e sem garantias para seu futuro para terminar a vida com qualidade. A próxima destruição a caminho será a Reforma da Previdência Social a qual arruinará a nação.Os direitos sociais são banalizados entre os legisladores. Os prejuízos da população são divulgados a todos os instantes. O exemplo atual é a destruição da previdência Social através dessa reforma. A mesma irá larapiar e vilipendiar os trabalhadores, que dependem da previdência social, para obter um sustento pífio no fim da vida; através da aposentadoria. Se algo não for feito tudo isso irá deixar de existir no Brasil.

Os desdobramentos dessa abominável reforma da Previdência Social certamente respingarão ainda mais forte para os mais desprotegidos, será também o fim do SUS (Sistema único de Saúde) que atualmente é o refúgio de muitos cidadãos e cidadãs que não podem pagar planos de saúde. Na sequência o SUS será vendido a preços irrisórios para as grandes operadoras e os brasileiros desvalidos permanecerão na rua da amargura, sem médicos, e medicações. Todos Terão um fim triste.

Esse é o governo do atraso que representa toda a elite dominante brasileira e que tem nojo dos pobres.
Nesses poucos meses de administração do governo bozo (como é conhecido no país) todos os dias se a anunciada mais uma tragédia.

A violência se alastra após a liberação do porte de armas.

A cruz simboliza morte e dor fruto da violência no Brasil.
É visível o avanço da violência no país inteiro e a vida começa a ser banalizada e as chacinas estouram em todos os lugares. São dores imagináveis das famílias que perdem seus entes queridos nesses atos violentos.  Em (13/03/2019) na Cidade de Suzano-São Paulo, Brasil, 8 crianças foram assassinadas na escola. Todas foram mortas através do ódio dos dois atiradores e ex-alunos que se apresentaram, e mostraram as intenções de voltarem a estudar. Todavia a as intenções eram outras a de matar e matar. Os dois atiradores cometeram suicídios. O Brasil está criando uma maldita cultura a do ódio que se iniciou nas eleições, mas precisa urgente de um fim.

Todos lembram da campanha eleitoral de 2018 onde o atual presidente só falava em armas e fazia gestos com armas. Lembram também que o primeiro decreto assinado com uma caneta Bic foi o decreto de liberação do porte de armas no Brasil. Os resultados começam a aparecer em menor e maior complexidade, são casos violentos em todo o Brasil. E assim está o país todos vivendo em insegurança e a violência assolando a nação fruto do ódio implantados pela direita e a elite asquerosa dessa nação.  Antes de 2016 todos gozavam de paz e harmonia social. Atualmente, todos vivem sob o medo e o fruto do ódio disseminado por essa direita que somente pensa em armas, atirar e matar e matar.

Comentários

  1. Sem a liberação de uso de armas para a população já é perigoso ,imagino qdo liberar geral .
    Fim do mundo????

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já está liberado com o primeiro decreto que o atual governo assinou com uma caneta Bic e fez grande pouse para a mídia ver a caneta das aramas. Os resultados não demoraram a parecer extremamente preocupante. Se vou fazer uma rápida avaliação dessa administração o resultado é o seguinte; Educação investimento zero. Saúde também zero. Investimento para a geração de emprego zero. Segurança o cidadão pode ter até 4 armas em casa fora as clandestinas. Fake news e micos a todo vapor a cada vez que o chefe de Estado faz ou tenta fazer um pronunciamento. Realmente o país já está no fundo do poço em pouco messes de governo filho das fake news.

      Excluir

Postar um comentário

Por gentileza deixe seu comentário é muito importante para nosso trabalho.

Postagens mais visitadas deste blog

O abc da mãe e suas qualidades.

As mães e suas qualidades no seu abc. As mães quantas qualidades elas possuem, desenvolvem e as colocam em prática, diariamente, vinte e quatro horas; durante uma vida inteira em prol dos seus filhos. Entretanto, dificilmente os filhos percebem e reconhece está árdua luta das mães e são gratos a elas.  Observem neste singelo texto, quanto as progenitoras fazem para seus filhos.
Estes dons surgem desde quando ela engravida pela primeira vez dão à luz seus filhos (as). Elas no cotidiano colocam em prática através de sua consciência maternal todas suas qualidades de mães para a proteção, provisão e educação dos filhos. O mais estranho e ingrato é que poucos filhos reconhecem a importância da sua mãe enquanto estão juntos. Muitos somente irão reconhecer e se lamentarem a sua real importância quando elas morrem.

Você já rotulou alguém de burro?

É uma atitude preconceituosa para ferir o sentimento de outrem e ruim para o convívio social.Quando alguém utiliza este vocábulo burro para qualificar outrem, somente vem comprovar como muitas pessoas tem uma mentalidade maldosa, preconceituosa e intolerante em relação aos seus semelhantes. É inaceitável como é usado no Brasil o termo “burro” entre as pessoas. Muitos usam de maneira intencional para ofender covardemente os seus semelhantes.  Alguns humanos a utilizam de maneira maldosa, preconceituosa e ofensiva. Isso vem ocorrendo desde o início da colonização até os dias atuais.

Indiferença é este sentimento negativo presente nas relações humanas.

Este sentimento ruim, a indiferença está presente na vida e setores sociais. A indiferença é um dos sentimentos humanos extremamente impresumível inerte em sua índole humana. Todavia, quando é despertada provoca indignação à pessoa alvejada. Este sentimento negativo pode estar infiltrado em inúmeras circunstancias da vida. O mais preocupante é a insensibilidade neste mundo individualista; mesmo diante de muitas amizades virtuais vazias e geladas de sentimentos. Podem-se perceber nas relações familiares em gerais e entre amigos. 
No plano social, há muitas situações onde as pessoas reagem plenamente indiferentes, em relação aos semelhantes nas situações de fragilidade e incapacidade. São característicos dos homens reagirem indiferentemente frente aos problemas de outrem. No âmbito governamental, o sentimento de indiferença é visível e constante por parte das autoridades que se comportam em total indiferença frente aos problemas sociais do povo. Também este sentimento é muito presente ent…