Pular para o conteúdo principal

13 presidenciáveis disputarão o voto dos mais de 147 milhões de eleitores.

Com o registro do candidato petista, já se sabe o total dos concorrentes, nas eleições em 2018. 

Eleições gerais 2018.
A disputa nessas eleições gerais de 2018, com a oficialização no (TSE) do Partido dos Trabalhadores (PT); estão claras. Os eleitores agora já podem escolher os melhores projetos, e todos os competidores e seus programas de governo, para fortalecer a democracia e retirar o país; dos escombros do golpe de 2016.
A partir de agora todos os cidadãos e cidadãs eleitor(a)s apto(a)s a votarem, segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), são 147,3 milhões. No dia 7 de outubro, são exatos 147.302.357 eleitores. Todos terão a possibilidade em suas mãos para poder livremente escolher, o novo presidente da República do Brasil, através do voto direto.
Ainda que a democracia em frangalhos, embora existe essa possibilidade singular de votar. Estes 147.302.357 eleitores ou votos será disputado entre 13 presidenciáveis no primeiro turno. Importante saber se algum concorrente conseguir 50% +1 dos votos válidos será eleito. Porém, se nenhum conseguir esse valor de mais de 50%, dos votos válidos, os dois mais votados irá travar a grande batalha final no segundo turno em 28 de outubro de 2018.
Muitos países os cidadãos gostariam de ter essa oportunidade de poder nomear os seus representantes e administradores e não podem.

Portanto, nunca pense em desperdiçar seu voto. O ato de votar é algo sublime num regime democrático. Então, faça um esforço e vote nessas eleições, a mais importantes dos últimos tempos. O futuro do país está em suas mãos, ou seja, no ato digno de votar e votar com consciência na certeza de estar contribuindo para a reconstrução do país.

A importância de votar nessa eleição histórica para o Brasil.

Quando se pensa em construir e reconstruir uma obra seja ela de pequena, médio e grande porte, se inicia com a planta arquitetônica, é lá onde se inicia tudo desde os fundamentos aos acabamentos. A eleição é a mesma situação. os votos dos cidadãos eleitores, são os fundamentos para reconstruir essa nação devastada por todos os golpistas. Aí se encontra a importância da valorização do voto de cada eleitor. Somente deixe de votar em situações realmente extremas onde não se pode fazer nada para reverter e poder comparecer às urnas. Não vote nulo, não jogue seu voto precioso no lixo, mas vote em candidatos que defendam a democracia e todos os seus direitos sociais, no desenvolvimento econômico e etc. Importante conhecer a história daqueles que pretende votar, mas não esqueça de verificar se sua vida pregressa é regrada na honestidade em todas as suas atividades públicas e particulares. 

O Brasil vive a maior crise econômica gerada pelos golpistas, em dois anos.

Do golpe ao caos politico,social e econômico no Brasil. 
Atualmente o Brasil passa pela a maior crise econômica sem precedentes nestes últimos tempos. Não esqueça, quando era os governos populares, todos tinham dignidade, trabalho, casa, alimentação e educação a nível superior para todos, nas universidades. Os golpistas destruíram isso em apenas 2 anos de administração. Eles promoveram uma destruição total de tudo de bom que os petistas, em 13 anos fizeram de bom para melhorar a vida da população. Nesse período havia qualidade de vida para todos. Hoje existe milhões sem esperança e na miséria sem fim.   A nação vive hoje em uma situação de humilhação, vexame, muitas pessoas passando fome, sem casa e sem trabalho.

A inadimplência assola o país de norte a sul, leste a oeste. Todos endividados, o nome sujo nos serviços de proteção ao consumidor. A recessão é geral, o país parou e mesmo assim, ainda tem pessoas que tinha uma vida sem sofrimento antes do golpe e sem consciência, falam asneira e culpam as administrações populares. Não conseguem perceber que a ruina do país surgiu a partir do golpe de 2016. São dois anos de extremos, perigosos e doloroso sofrimentos para todos os brasileiros. A violência acompanha o ritmo da cruel crise econômica nacional.
 As pessoas voltaram a experimentar a fome, coisa que não existia mais, essa amargura e dor é triste para milhões de brasileiros. É uma vergonha, uma covardia, o que os golpistas fizeram com os brasileiros.
Muitos cidadãos honestos, perderam seus empregos, são aproximadamente 14 milhões de trabalhadores, que estão sem seus trabalhos. O resultado é dramático, em todos os sentidos.  

O dinheiro perdeu o seu valor de compra, as coisas básicas para a manutenção, da família aumentam de preço diariamente.   Então, agora é o momento de todos se unirem em torno do mesmo objetivo retirar o país dessa situação de miserabilidade e situação vergonhosa para o mundo e principalmente, amarga para todos os habitantes desta terra de trabalhadores honrosos, ninguém aguenta mais e não precisam viver em tantos sofrimentos.

É imprescindível aceitar e respeitar os resultados das urnas.

Portanto, mais uma vez é fundamental, enfatizar a importância, dessas eleições gerais de 2018, para toda a nação. É bom lembrar que todos são responsáveis, para escolher através do poder do voto, quem irá administrar seu Estado, legislar nas assembleias estaduais e no Congresso Nacional. Aqueles deputados estaduais, federais e mais os senadores que   serão eleitos por você. São eles que irá te representar e elaborar as leis futuras. E, se espera que sejam as melhores possíveis que venham a serem a favor do cidadão e não contra o cidadão.
Além do mais, todos os que votarem, tem a mais importante responsabilidade, a de indicar via voto direto, o próximo Presidente da República do Brasil.

Espera-se sabedoria e discernimento para que os eleitores possam eleger aquele que de fato apresente propostas claras, e que sejam viáveis de serem executadas durante a nova legislatura de 4 anos. A aceitação e o respeito ao resultado das urnas são outro item importante, que precisa ser observado e respeitado para quem for derrotado nas urnas. Que respeite quem for escolhido também nas urnas. Quem sair vitorioso nessa eleição, deve ser sim, respeitado por que o eleito emanou da vontade e a maioria do povo nas urnas.

 Que se respeitem a democracia e a constituição desse país.

Na bandeira do Brasil está escrito:eleições 2018.
Nunca mais se repita o que ocorreu em 2014, quando a elite dominante encabeçada pelo derrotado, não aceitou a sua derrota. E no mesmo instante, começou uma campanha maldosa, para impedir o exercício do mandato do Presidente reeleita, Dilma Rousseff; com mais de 54 milhões de votos. Desrespeito absoluto a soberana vontade dos eleitores.   O derrotado conspirou de todas as formas até culminar no golpe mais torpe da história recente do país. Simplesmente rasgaram a Constituição e a colocaram na lata do lixo. As consequências de tudo isso, está sendo o sofrimento da nação e certamente ainda levará muito tempo a ser resolvido e acabar com a dor da fome das pessoas. O fim desse golpe sujo, está próximo, mas somente é possível, se os eleitores votarem certos. Isto é, com consciência e responsabilidade, na certeza de estarem a reconstruir o país.
Então, é fundamental que se respeite e aceite os resultados das urnas nessas eleições de 2018, para o bem de todos os brasileiros. Somente assim o país poderá ter uma democracia forte e justiça social para todos.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O abc da mãe e suas qualidades.

As mães e suas qualidades no seu abc. As mães quantas qualidades elas possuem, desenvolvem e as colocam em prática, diariamente, vinte e quatro horas; durante uma vida inteira em prol dos seus filhos. Entretanto, dificilmente os filhos percebem e reconhece está árdua luta das mães e são gratos a elas.  Observem neste singelo texto, quanto as progenitoras fazem para seus filhos.
Estes dons surgem desde quando ela engravida pela primeira vez dão à luz seus filhos (as). Elas no cotidiano colocam em prática através de sua consciência maternal todas suas qualidades de mães para a proteção, provisão e educação dos filhos. O mais estranho e ingrato é que poucos filhos reconhecem a importância da sua mãe enquanto estão juntos. Muitos somente irão reconhecer e se lamentarem a sua real importância quando elas morrem.

Você já rotulou alguém de burro?

É uma atitude preconceituosa para ferir o sentimento de outrem e ruim para o convívio social.Quando alguém utiliza este vocábulo burro para qualificar outrem, somente vem comprovar como muitas pessoas tem uma mentalidade maldosa, preconceituosa e intolerante em relação aos seus semelhantes. É inaceitável como é usado no Brasil o termo “burro” entre as pessoas. Muitos usam de maneira intencional para ofender covardemente os seus semelhantes.  Alguns humanos a utilizam de maneira maldosa, preconceituosa e ofensiva. Isso vem ocorrendo desde o início da colonização até os dias atuais.

Indiferença é este sentimento negativo presente nas relações humanas.

Este sentimento ruim, a indiferença está presente na vida e setores sociais. A indiferença é um dos sentimentos humanos extremamente impresumível inerte em sua índole humana. Todavia, quando é despertada provoca indignação à pessoa alvejada. Este sentimento negativo pode estar infiltrado em inúmeras circunstancias da vida. O mais preocupante é a insensibilidade neste mundo individualista; mesmo diante de muitas amizades virtuais vazias e geladas de sentimentos. Podem-se perceber nas relações familiares em gerais e entre amigos. 
No plano social, há muitas situações onde as pessoas reagem plenamente indiferentes, em relação aos semelhantes nas situações de fragilidade e incapacidade. São característicos dos homens reagirem indiferentemente frente aos problemas de outrem. No âmbito governamental, o sentimento de indiferença é visível e constante por parte das autoridades que se comportam em total indiferença frente aos problemas sociais do povo. Também este sentimento é muito presente ent…