Pular para o conteúdo principal

Postagem recente.

A felicidade é efêmera no materialismo.

A ostentação transforma o homem carente de valores éticos e morais. O homem moderno é rico, vive na ostentação promovida com o materialismo, mas é pobre em valores éticos e morais e nunca o dinheiro poderá comprar. Nesta correria diária e frenética da vida moderna para buscar a sobrevivência, é imprescindível e interessante fazer algumas vezes momentos de paradas e iniciar uma reflexão para perceber o quanto o homem faz opção, mais pelo ter do que do ser. Atualmente existe uma pretensão fortíssima para a opulência materialista, que traz e promove uma espécie de felicidade efêmera. Consequentemente nascem necessidades insaciáveis para adquirir mais e mais coisas instigadas pelo consumismo sem limites. Fundamental também verificar que ao mesmo tempo o homem moderno é extremamente carente quanto aos valores morais e éticos, os subjetivos, são duradouros como paz, amor, felicidade, saúde e segurança, coisas que de modo nenhum; o dinheiro comprará.

Homem o único ser pensante.

O homem pensante criado por Deus que é vivo e perfeito.

A imagem está escrito a palavra:homem.
Quem criou o homem somente pode ser um ente vivo perfeitíssimo e constituído do atributo pensar. Todos os argumentos que procuram comprovar que não foi Deus o autor da vida são falíveis de refutações.  Há inúmeras teses, teorias e tratados em relação a esse assunto. Cada um defende sua ideia de acordo com seu ponto de vista, conhecimento, ciência, crença, filosofia e ideologia. Não vou discutir nenhuma teoria, apenas respeitarei o pensar de todos. E farei uma reflexão a partir do meu conhecimento e principalmente do que creio.

Deus em sua absoluta sabedoria gerou tudo perfeito.
Pense bem! Quão Deus é a perfeição em si mesmo, Ele é intenso e possui o predicado de pensar e arquitetar uma criação perfeita em absoluto. Não precisamos de muitas especulações para comprovar esta verdadeira tese que foi Deus que em sua onipotência, sabedoria e perfeição, é o gerador do ser humano. Criatura que também é fisicamente perfeito, pensante, mas pecador. 

A natureza revela a perfeição Divina.

As flores lindas criação de Deus mostram sua perfeição.
Basta observar e contemplar a imensidão do universo e todos os grandes e pequenos detalhes que concluem o conjunto de uma obra completa, perfeita, como toda a imensidão incomensurável e desconhecido do universo.  Até agora não tem nenhuma explicação que não seja refutável pelos que defendem que tudo foi criado por uma explosão. Ainda que tudo tivesse sido iniciado por uma explosão, somente Deus tem este poder para provocar esta explosão que daria o início da criação. E nem outro ser que não teria poder para dar início um processo de criação, a não ser que não fosse Deus o ser vivo, eterno e pensante.

O homem ser pensante, gera teorias contra e a favor da soberania de Deus.
O próprio homem, esse serpensante, mas extremamente limitado, elabora e comprova as suas próprias objeções. Todas contra as teorias que afirmam, que não foi Deus o criador dessa obra prima e perfeita, o universo, e todas as suas criaturas vivas e inertes aí existentes. Olhem e contemplem a natureza e observe como ela é perfeita e completíssima. Elas representam em sua totalidade, a presença do artífice Divino. 

Nenhum homem, ainda que pensante foi capaz de criar vida.
Qual homem pensante e limitado jácriou uma vida menor que seja de qual quer espécie: vegetal, animal ou mineral? Ainda que o homem em todo seu conhecimento tecnológico e científico criasse uma vida, antes de tudo Deus criou o homem como ser pensante, e para criar uma espécie de vida e modificar. Deus tem o controle de seu pensar e agir.

Todas as invenções humanas somente foram possíveis ao seu pensar.

Lindas frutas de bergamotas ricas em vitamina C a serviço da vida.
Todos os inventos desde os rústicos aos mais sofisticados que existem na atualidade, somente foi possível graças ao pensar e este refletir, foi concedido porque Deus criou o homem, dotado desse atributo pensante.  Somente assim, todos os humanos, poderão inventar coisas e mais coisas, e muitas delas, são maravilhosas para facilitar a vida diária de todos os homens.

Toda a comodidade, sofisticação em todos os setores da nossa vida é fruto do nosso pensar. Entretanto, já mais poderemos esquecer que esta capacidade de pensar foi Deus que quando nos gerou no ventre materno nos habilitou deste atributo espetacular o pensar. Sem esta característica espetacular seriamos iguais aos outros seres do universo, que fazem algo por instinto. 

Quão Deus é vivo e pensante Ele gerou o homem uma criatura pensante e a partir desta característica o homem transforma o mundo para seu uso adequado ou simplesmente destrói o que foi criado para a sua provisão de vida. Ele deu o livre arbítrio para seguir o caminho do bem ou do mal.

O homem ser pensante deveria só construir objetos em prol da vida e não o contrário.


Portanto, o homem é perfeito em sua estrutura física, mas imperfeito espiritualmente.  Todos   trazem em si mesmos a natureza pecaminosa desde quando; ocorreu o pecado no mundo.  É por isso que, geralmente, nem todos usam seu pensar, nem sempre a serviço do bem, mas muitos o usa; a serviço do mal.
A inteligência humana sendo sem limites, é usada nas áreas das ciências e das tecnologias para fabricarem objetos para facilitar a vida, mas nem sempre é assim. Podemos perceber quantas coisas que já foram construídas e que ainda vão ser criadas, e que transformou a história, os comportamentos sociais, as relações humanas.  
Pena que o intelecto humano tenhaconstruído objetos que destroem vidas, se tudo que fosse pensado e inventado até a contemporaneidade, estivessem totalmente em prol da vida, as pessoas que habitam este mundo seriam mais humanas. E teríamos uma sociedade sem violência e injustiças sociais.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O abc da mãe e suas qualidades.

As mães e suas qualidades no seu abc. As mães quantas qualidades elas possuem, desenvolvem e as colocam em prática, diariamente, vinte e quatro horas; durante uma vida inteira em prol dos seus filhos. Entretanto, dificilmente os filhos percebem e reconhece está árdua luta das mães e são gratos a elas.  Observem neste singelo texto, quanto as progenitoras fazem para seus filhos.
Estes dons surgem desde quando ela engravida pela primeira vez dão à luz seus filhos (as). Elas no cotidiano colocam em prática através de sua consciência maternal todas suas qualidades de mães para a proteção, provisão e educação dos filhos. O mais estranho e ingrato é que poucos filhos reconhecem a importância da sua mãe enquanto estão juntos. Muitos somente irão reconhecer e se lamentarem a sua real importância quando elas morrem.

Você já rotulou alguém de burro?

É uma atitude preconceituosa para ferir o sentimento de outrem e ruim para o convívio social.Quando alguém utiliza este vocábulo burro para qualificar outrem, somente vem comprovar como muitas pessoas tem uma mentalidade maldosa, preconceituosa e intolerante em relação aos seus semelhantes. É inaceitável como é usado no Brasil o termo “burro” entre as pessoas. Muitos usam de maneira intencional para ofender covardemente os seus semelhantes.  Alguns humanos a utilizam de maneira maldosa, preconceituosa e ofensiva. Isso vem ocorrendo desde o início da colonização até os dias atuais.

Candeeiro ou lamparina antiga, mas muito usado no Brasil.

O candeeiro fez parte da vida do povo nos tempos remotos e na atualidade. Candeeiro é a lamparina, artefato antiquíssimo composta sobre duas partes simples. A sua base é feita de lata comum. Um desenho simplório num formato de uma pirâmide. No topo desta pirâmide usa-se pavio de fabricado de algodão. Ele é umedecido com querosene, que é colocado na parte de baixo, como podemos observar tem uma forma redonda, mas como base piramidal.

Este utensílio domestica há muitos anos foram usados no país inteiro até chegar às primeiras transmissões de energia elétrica nas capitais e aos poucos foram se disseminado para o restante do país.