Pular para o conteúdo principal

Copa do mundo 2014 a mais polêmica e onerosa desde 1930.

Entre todas as copas do mundo a partir de 1930, a de 2014 é a mais polêmica.

A imagem mostra o cifrão o simbolo universal do dinheiro. 
A copa de 2014 até agora vem se mostrando a mais polêmica e dispendiosa da história de todas as copas do mundo; realizadas até esse momento. Segundo os analistas e organizadores desse acontecimento da história do esporte mundial há grandes incógnitas a serem explicadas.  Os gastos apenas nesse evento esportivo, já ultrapassaram o montante além   do previsto. O enorme resíduo de 85,5% de reais todos sairão do bolso do povo brasileiro é um despautério.

Enquanto isso o Brasil continua em plena euforia festiva para sediar essa copa. O país foi eleito o anfitrião em 30 de outubro de 2007 na sede da FIFA.
O Brasil certamente foi avisado através da Federação Internacional de Futebol (FIFA) dos gastos que o país faria para sediar e organizar esse megaevento esportivo. Essa organizadora do maior evento esportivo do mundo, certamente passou o montante, que o Brasil gastaria e tranquilamente afirmou que não arcaria com as despesas luxuosas, dos estádios e todas as infraestruturas em tornos das arenas. Absolutamente já previu do quanto se gastaria nos montantes exorbitantes, que já alcançou a   cifra de 28 bilhões de reais.  Muitos analistas afirmam que o país poderá, pagar uma pesada quantia que poderá ultrapassar a casa dos 45 bilhões de reais. 

O mais grave é que nessas monstruosas somas de dinheiro público, infelizmente, bilhões são desviados para a corrupção. As obras são superfaturadas, e a população terá que pagar centavo por centavo, mesmo ganhando um salário mínimo brasileiro de fome. 
Estes números estratosféricos são para garantir o conforto das arenas esportivas, e outros complementos fundamentais, tais como mobilidade, segurança, rede hoteleira, revitalizações dos aeroportos e outras coisas exigidas a mais e que são desnecessárias.  Porém, essa copa do mundo, que será realizada no Brasil, em junho próximo, deixará um legado muito indigesto para todos os contribuintes e a nação brasileira em geral. As consequências depois da copa poderão serão imprevisíveis para a economia futuramente.

A importância para a população permanecer em alerta e na fiscalização.

Cem Reais da moeda do Brasil.
Bem como antes do sorteio para esse evento, certamente cada país concorrente deve ter recebido da FIFA as planilhas contendo todas as exigências, e os comprometimentos em dinheiro para a organização dessa festa esportiva mundial. Os representantes do Brasil devem terem olhado a planilha, item a item, e tomaram consciência de todos os gastos.  Certamente devem (ou não) levado um tremendo susto das dispendiosas sangrias do dinheiro que sairão dos cofres públicos.
Contudo, diante da emoção que invadiu a mente e o coração dos personagens que formaram o comitê organizadores da copa do mundo no Brasil; não deram muita atenção para valores.

Ao chegarem ao país, de Zurique/Suíça se omitiram em de dizer para a população brasileira o montante das despesas dessa festa sem graça para os pobres, mas (emocionante para a elite preconceituosa, raivosa e de extrema direita que verão os jogos) para um país carente das coisas sociais básicas e urgentes. Pode ter a certeza de quem irá pagar os custos amargos dessa copa do mundo de 2014, serão todos os brasileiros. Rios de dinheiros, partirão dos cofres públicos, serão destinados para a construção dos elefantes brancos, espalhados em todas as cidades sedes, dos jogos dessa copa; tão polêmica e onerosa dos últimos tempos.

Muitas dessas construções padrões FIFA, não servirão socialmente para nada; depois das realizações dos jogos. Evidentemente, muitas arenas terão proveitos, para os clubes das cidades sedes, ao serem usadas para os serviços sociais a serviço da comunidade; se houver uma política de reaproveitamento, dessas construções luxuosas e caras para uma nação carente das coisas sociais elementares, até se justifica, esses gastos nas construções das arenas esportivas. Porém, fatos comprovam que muitas arenas, terão dinheiro público ou privado rasgado, e jogado na lata do grande desperdício.


Agora simplesmente, se esses elefantes brancos, forem só para a realização dos jogos de algumas seleções, e se encerarem por aqui.  Então, de fato é dinheiro do povo jogado no ralo sem volta, apenas para impressionar a FIFA e os turistas do mundo. Os prefeitos e governadores das cidades sedes dos jogos da copa 2014, estão projetando grandes ilusões. Imaginam que virão uma enxurrada de turistas e gastarão, rios de dinheiros em dólares, euros, e tantas outras moedas no período dos jogos. Poderão até ter uma grande desilusão, e frustração quando somarem quanto gastarão para toda a infraestrutura deste megaevento esportivo, e quanto receberão em receita liquida. Certamente, os turistas gastarão nestas cidades valores ínfimos; em relações aos investimentos bilionários para satisfazerem os caprichos de uma copa do mundo luxuosa.

Na quase véspera da realização desse mundial, o país está prestes a passar diante de um vexame histórico sem precedentes na história das copas. Praticamente todos os estádios estão com suas construções e reformas atrasadas.  Há grandes polêmicas (essas polemicas partem de gente contra o governo) para a conclusão definitiva das arenas. Somente agora os governadores, os prefeitos estão percebendo quanto de dinheiro essa copa do mundo já tem levado dos cofres públicos. Muitos prefeitos e governadores já ameaçaram a suspensão do dinheiro público para investir nas obras em gerais da copa. A FIFA é enfática não assumirá despesas nenhuma. É como ela dissessem assim, todos sabiam de suas responsabilidades, então agora assumam tudo e se vierem reclamar, há tempo de suspender.

As reações da “população brasileira” (todos golpistas) estão fortes nas ruas contra a gastança da copa. Enquanto, o governo brasileiro gastou bilhões em construções dispendiosas para atender as exigências da FIFA. A sociedade está ainda carente de educação, saúde, segurança e transporte de qualidade.  As manifestações tendem se acirrarem nas proximidades desse evento e durante a realização do mundial nas cidades sedes. Todavia não se enganem essas manifestações cheiram fascismo e certamente se dizem acéfalas, mas tem alguém por traz mal-intencionado querendo derrubar o governo usando simplesmente a copa do mundo como pano de fundo.

Poderá ocorrer manifestações golpistas fora dos estádios enquanto a bola rola nas arenas.

A bola rolando nas arenas da copa 2014.
Hipoteticamente poderá ocorrer a seguinte situação, enquanto a bola estiver rolando, nos estádios luxuosos para agradar os olhos dos turistas, os dirigentes da FIFA e os habitantes do mundo, tudo pago através do suado dinheiro do contribuinte brasileiro, poderá ocorrer protestos. No lado de fora ou nos entornos próximos desses estádios, poderá ocorrer grandes manifestações (com tendências golpistas), que poderá entrar em cena bombas de gás lacrimogêneo, gás de pimenta, correrias por todos os lados, cassetetes, violência, quebra quebras etc.  

Todos contra os gastos da copa (agitação promovida pela a elite raivosa e golpista).  E a cobrança dos manifestantes (de extrema-direita) por melhorias na educação, hospitais, mobilidade urbana, segurança, aumento de salários, fim da corrupção, fim do fator previdenciário; são todas causas sociais e essenciais que a copa está levando. Contudo no fundo se ver grandes falácias reivindicatórias, os interesses deles é tomar o poder da presidência da República do Brasil.

Não seja ingênuo, são manifestações movida a hipocrisia, onde a mesma elite raivosa e preconceituosa desfrutará dos benefícios, da copa e inclusive, eles assistirão os jogos e xingarão o governo com palavras torpes.
Se espera que nada disso sobrevenha, e tudo possa ocorrer na paz. O evento está aí não pode ser mais revertido. 


Cofre cheio de moedas de R$ 1 real da moeda do Brasil.

Chega de hipocrisia, com tendências extremistas de extrema direita. Então o melhor mesmo é que tudo aconteça dentro da maior serenidade, alegria, e integração entre os povos que uma copa pode oferecer, mesmo sugando o dinheiro da nação. Os turistas irão gastar milhares de dólares, euros e outras moedas nas lembranças da copa do mundo, além dos voos, hospedagens, hotéis e alimentações, já está valendo.  E mesmo assim, tudo que eles gastarem durante o período dos jogos da copa 2014, servirá para pagar os gastos da conta de luz e água, gastas em um único jogo.

Os turistas e as seleções irão conhecer algumas coisas peculiares do Brasil. Exemplos a cultura, costumes, artesanato, degustar a culinária, passear pelos pontos turísticos e se encatarrem vendo as lindas paisagens do país.  Todos devem ser hospitaleiros e torcer para que em meio a tantas polêmicas (suspeitas dos golpistas) se possa realizar uma linda festa mesmo utilizando o dinheiro público, que já está fazendo falta e fará intensamente depois da copa. 

Diante desta situação que vislumbra um cenário turbulento depois do fim deste evento. Ainda assim, é importante torcer para que os nossos jogadores batalhem aguerridamente para conquistarem o hexacampeonato, pelo menos isso, e não venha acontecer mais esse vexame de perder em casa esse título tão cobiçado por todos os competidores.

Postagens mais visitadas deste blog

O abc da mãe e suas qualidades.

As mães e suas qualidades no seu abc. As mães quantas qualidades elas possuem, desenvolvem e as colocam em prática, diariamente, vinte e quatro horas; durante uma vida inteira em prol dos seus filhos. Entretanto, dificilmente os filhos percebem e reconhece está árdua luta das mães e são gratos a elas.  Observem neste singelo texto, quanto as progenitoras fazem para seus filhos.
Estes dons surgem desde quando ela engravida pela primeira vez dão à luz seus filhos (as). Elas no cotidiano colocam em prática através de sua consciência maternal todas suas qualidades de mães para a proteção, provisão e educação dos filhos. O mais estranho e ingrato é que poucos filhos reconhecem a importância da sua mãe enquanto estão juntos. Muitos somente irão reconhecer e se lamentarem a sua real importância quando elas morrem.

Você já rotulou alguém de burro?

É uma atitude preconceituosa para ferir o sentimento de outrem e ruim para o convívio social. Quando alguém utiliza este vocábulo burro para qualificar outrem, somente vem comprovar como muitas pessoas tem uma mentalidade maldosa, preconceituosa e intolerante em relação aos seus semelhantes. É inaceitável como é usado no Brasil o termo “burro” entre as pessoas. Muitos usam de maneira intencional para ofender covardemente os seus semelhantes.  Alguns humanos a utilizam de maneira maldosa, preconceituosa e ofensiva. Isso vem ocorrendo desde o início da colonização até os dias atuais.

Candeeiro ou lamparina antiga, mas muito usado no Brasil.

O candeeiro fez parte da vida do povo nos tempos remotos e na atualidade. Candeeiro é a lamparina, artefato antiquíssimo composta sobre duas partes simples. A sua base é feita de lata comum. Um desenho simplório num formato de uma pirâmide. No topo desta pirâmide usa-se pavio de fabricado de algodão. Ele é umedecido com querosene, que é colocado na parte de baixo, como podemos observar tem uma forma redonda, mas como base piramidal.
Este utensílio domestica há muitos anos foram usados no país inteiro até chegar às primeiras transmissões de energia elétrica nas capitais e aos poucos foram se disseminado para o restante do país.