Pular para o conteúdo principal

Dia para pensar sobre a valorização do professor

OS PROFESSORES SÃO OS HERÓIS DA EDUCAÇÃO NESTE BRASIL E ESTÃO SENDO HUMILHADOS PELOS GOVERNANTES.



professor o herói permanente 

Neste dia do professor não podemos esquecer-nos de lembrar que este bravo profissional da educação passa por um momento histórico preocupante na questão da valorização profissional. Em tempos áureos o mestre era simplesmente venerado por seus alunos, familiares dos alunos e a sociedade em geral. Hoje tudo mudou o professor vive uma situação de desvalorização e humilhação profissional sem precedentes da história da educação do nosso país.

Hoje é simplesmente um oportuno dia para toda sociedade brasileira promover uma séria reflexão sobre o futuro do profissional dos professores. E quais rumos que o sistema educacional irá seguir para começar a resgatar a autoestima profissional dos educadores brasileiros; e consequentemente uma educação de qualidade. Não se produz educação de qualidade com professores desmotivados, abatidos profundamente em sua autoestima profissional abaixo de suas forças como ser humano.

Infelizmente moramos em um país onde as coisas supérfluas nas áreas governamentais são prioridades.  A educação é deixada de lado juntamente com os trabalhadores educacionais e seus problemas históricos. Onde vamos parar deste jeito não valorizando os professores e o sistema educacional como todo. Não vale propostas demagógicas em ano em que precede uma eleição geral. Os professores precisam sim de atitudes sérias, de politicas públicas que venham valorizar o profissional como tal criar boas condições de trabalho nas escolas. Tendo em vista uma responsabilidade nobre em ensinar a pensar, a ser um mediador no processo de ensino aprendizagem. O professor precisa de serenidade de paz no seu cotidiano para contribuir na aprendizagem dos alunos.

Infelizmente o que vemos ultimamente em nosso país os professores passando por situações de vexame e de vergonha: apanhando e sendo humilhados.    Os professores primeiramente estando lentamente destruídos em seu âmago pelos governantes que começam a não pagar um salario digno aos mestres. Fazem politicas com claros objetivos de minar a carreira dos futuros professores. Retiram direitos legais dos professores por conta de mentirosas contenções de despesas. Tem muitos governadores dos Estados da Federação que até agora não horam em pagar o piso salarial dos professores alegando falta de dinheiro. Isto que é uma lei federal e simplesmente descumprem e não acontecem absolutamente nada com estes senhores que são legítimos foras da lei. Estão descumprindo leis que eles mesmos criaram em outras épocas, foram homologadas pela justiça, mas desrespeitam a justiça e permanecem na impunidade dando um péssimo exemplo para a sociedade.

Os professores hoje quando se mobilizam para defenderem o que ainda resta de direitos os governos dos estados tratam como se fossem marginais e mandam suas policias de choques jogarem spray de pimenta, bombas de gás lacrimogêneas e fazem coisas humilhantes para os professores: surram, agridem, machucam violentamente os mestres que zelam pela educação destes Brasil. O mais recente episodio de violência contra os professores do Brasil no Estado do Rio de Janeiro. Nesta última greve onde imagens de violência repudiáveis correm o mundo. 

Em sala de aula professores são agredidos violentamente por alunos de forma física, verbal e moralmente. Tem pais de alunos que deveriam proibir seus filhos de fazer uma barbárie destas. Já aconteceram casos em que até país são incompreensíveis com os professores e chega irem até a escola para tirar satisfações com os professores e agridem os professores.
De todos os lados os professores são agredidos raramente os mestres são reconhecidos. As formas de desmotivação dos professores são piramidais começam com os governantes que fazem de tudo para destruir a carreira profissional dos professores, pagando pessimamente mal, tirando seus direitos adquiridos e tratando os professores com violência, destroem o sistema educacional como um todo sucateando as escolas, etc. nas escolas os professores também são desmotivados por uma série de motivos e muitos chegam a desistir, partem para outras profissões.

o blog analiseagora  homenageia os heróis da educação 

Hoje nas universidades brasileiras os cursos de menor procura são de habilitação para o magistério em qualquer área do conhecimento. Ninguém que ser mais professor no Brasil devido a tudo isto que já falei e tem muito mais. Os alunos desde pequenos que tem vocação para o magistério desistem de seguir a carreira futuramente porque vêm todos os dias o sofrimento que passa seus professores e pro isto não querem seguir uma carreira que pode trazer problemas futuros então partem para outra profissão.  O governo brasileiro está começando a concluir seu plano de destruição da educação iniciando por acabar com os sonhos de muitos jovens: desistirem de ser professor. Professor incomoda os governos por quer os professores ensinam a pensar. Historicamente sabemos que uma nação onde o povo deixa de pensa é muito fácil de governar.  Por isso investir em educação para que? É muito mais simples impor um sistema de educação onde o aluno não pense. Um bom exemplo: o ensino politécnico que o governo está empurrando para todos. Bastam formar técnicos, trabalhadores técnicos em série e não pensadores, estes podem incomodar futuramente o governo.

PARABÉNS PROFESSORES POR SEUS EXEMPLOS DE MUITA CORAGEM E LUTAS CONTÍNUAS.  

Postagens mais visitadas deste blog

O abc da mãe e suas qualidades.

As mães e suas qualidades no seu abc. As mães quantas qualidades elas possuem, desenvolvem e as colocam em prática, diariamente, vinte e quatro horas; durante uma vida inteira em prol dos seus filhos. Entretanto, dificilmente os filhos percebem e reconhece está árdua luta das mães e são gratos a elas.  Observem neste singelo texto, quanto as progenitoras fazem para seus filhos.
Estes dons surgem desde quando ela engravida pela primeira vez dão à luz seus filhos (as). Elas no cotidiano colocam em prática através de sua consciência maternal todas suas qualidades de mães para a proteção, provisão e educação dos filhos. O mais estranho e ingrato é que poucos filhos reconhecem a importância da sua mãe enquanto estão juntos. Muitos somente irão reconhecer e se lamentarem a sua real importância quando elas morrem.

Indiferença sentimento negativo presente nas relações humanas.

A indiferença está presente na vida humana e   setores da sociedade. A indiferença um dos sentimentos humanos extremamente impresumível inerte em sua índole humana. Todavia, quando despertada provoca indignação à pessoa alvejada. Este sentimentonegativo pode estar infiltrado em inúmeras circunstancias da vida. O mais preocupante é a insensibilidade neste mundo individualista; mesmo diante de muitas amizades virtuais vazias e geladas de sentimentos.
Podemos perceber nas relações familiares em gerais e entre amigos. No plano social há muitas situações onde as pessoas reagem plenamente indiferentes em relação aos semelhantes nas situações de fragilidade e incapacidade. São característicos dos humanos reagirem indiferentemente frente os problemas alheios. No âmbito governamental o sentimento de indiferença é visível e constante por parte das autoridades que se comportam em total indiferença frente aos problemas sociais do povo. Também este sentimento é muito presente entre nação dominante …

Quando a ganância vem ofuscar a razão.

Quando a razão é ofuscada pela ganância do ter, o homem caminha para autodestruição do ser.A ganância um dos sentimentos inatos dos homens carregados de muitas perversidades próprias de sua natureza pecaminosa e insaciável para querer tudo que os sentidos percebem. Averiguada, desde o início da humanidade até os dias de hoje, tem causado muitas dores e sofrimentos ao ganancioso e a sociedade. Na atualidade surge com mais intensidade e métodos extremamente nefandos para conseguir os desejos materiais impossíveis, muito dinheiro e poder sem limites. O brilho das moedas recebidas de maneira fraudulenta vem ofuscar a razão deixando a entorpecida para qualquer tentativa de chamar a reflexão, a sanidade humana, fundamentada nos valores éticos e morais.