Pular para o conteúdo principal

Postagem recente.

O Dilúvio Gaúcho: Uma Cantiga de Esperança

  Dilúvio Gaúcho: Uma Cantiga de Esperança O resgate da Égua Caramelo, criado por IA. Céus rasgados, feridas abertas! Raios faíscam na noite escura, Trovoadas rugem como feras famintas, Chuva implacável, dilúvio sem cura. O Rio Grande, gigante adormecido, Transborda em fúria, monstro desperto! Engolindo casas, sonhos e memórias! Em marcha implacável para o mar aberto. Gritos ecoam na noite tenebrosa, Suplicando ajuda em vão, em clamor! Famílias separadas pela correnteza impura, Lares desfeitos, futuro em suspenso, dor. O luto paira no ar úmido e pesado! Lágrimas brotam como flores murchas, sem cor. Memórias de vidas que se foram num segundo. Em um piscar de olhos, tudo tragado, sofrimento e horror. Mas no meio da dor, um brilho teima em surgir. A força do povo gaúcho, inabalável, sim, senhor! Unidos em laços de fraternidade e amor. Reconstruindo vidas com fé e bravura, um novo ardor. E lá, em meio ao caos, um cavalo ergue-se! Caramelo, bravura em meio à fúria das águas. Resistindo com

Os bozonaristas terroristas e golpistas atacaram a democracia.

 

Os atos terroristas de Brasília foram inspirados no Capitólio americano.


A foto mostra os terroristas golpistas invadindo o Prédio do Congresso Nacional em  8 de janeiro de 2023.
Os terroristas golpistas invade o Congresso Nacional/créditos: Revista Veja.  

 


A perigosa e desastrosa invasão na Praça dos Três Poderes no DF, Brasília, em 8/01/2023 foi nos mesmos "modus operandi" do Capitólio americano nos Estados Unidos. Lamentavelmente lá houve perdas humanas.

No Brasil, porém, felizmente ocorreram perdas materiais nas sedes dos Três Poderes da República Federativa do Brasil.

Contudo, os terroristas e golpistas brasileiros foram ousados, porque já estavam com o roteiro cinematográfico pronto, era apenas seguir as ordens do diretor que estava no exterior em viagem muito suspeita, isso porque ele era o responsável para manter a segurança do Distrito Federal.

Contudo, o roteirista do filme golpista tipo amador, já havia escrito pessimamente e no guião (do inglês: “script”), era aplicar o Golpe de Estado e desta vez seria no mais estilo vil, o militar, entretanto e felizmente deu tudo errado. Não obstante, era semelhante àqueles filmes que são ruins produzidos e seus resultados são um desastre singular para os protagonistas, coadjuvantes e figurantes. Eles queriam repetir o filme de 2016, todavia, com os terroristas golpistas vieram com uma ação forte, o agravante do golpe militar.

Todos hão de lembrar que em 2016, a Presidenta Dilma Rousseff sofreu o golpe parlamentar da extrema-direita, o mais grave já produzido com a conivência do Congresso Nacional. A preparação desse golpe ocorreu nas manifestações golpistas de 2013 e reforçadas em 2014, 2015 e 2016.

 

Os golpistas de 2023, tem suas origens no ano de 2014.

 

Para entender a gênese desse ato terrorista e golpista de 2023 é imprescindível retroceder até o ano de 2014. Todos hão de lembrar que no momento no qual o TSE proclamou a vencedora das eleições daquele ano, que foi a Presidenta Dilma Rousseff reeleita para o segundo mandato, nasceu o ódio no Brasil através do Aécio Neves. Este ser repugnante e frustrado do histórico Estado de Minas Gerais. Ele foi o pivô de todas as tramas que vieram a unir os extremistas de todo o país e os parlamentares do Congresso Nacional eleita para aquela fatídica legislatura, a qual com o Traidor da Pátria o Golpista Michel Temer consumou o golpe de 2016.

 

Todos lembram das manifestações golpistas de 2013, elas tiveram continuidade nos anos 2014 e 2015 até às vésperas das votações na Câmara e no Senado Federal do golpe de 2016. No entanto, com as bênçãos do STF, o país entrou no túnel do retrocesso até a ascensão da extrema-direita nas eleições da fakeada de 2018 . Contudo, o Brasil mergulhou no caos absoluto com o desgoverno que levou a maior crise econômica da história e deixou a democracia brasileira sempre ameaçada.

 

30/10/2022, a maioria da população disse não à ascensão da direita no Brasil.

 

Contudo, em 30 de outubro de 2022, ocorreu verdadeiramente a redenção da nação, com a vitória do Presidente Lula. O país retornou da era das trevas para as luzes, saiu da escuridão da “caverna platônica” para fazer brilhar a vida “sem medo de ser feliz” novamente. A extrema-direita não reconheceu a vitória e começou sob o comando de alguém que se achava dono do país e da democracia a promover os atos antidemocráticos. Todos os episódios terroristas já haviam sido organizados passo a passo e colocaram em prática de sobressalto na Praça dos Três Poderes, num pleno domingo e alguns em recesso.

 

O Brasil viveu 4 anos de retrocesso e obscurantismo.

 

No entanto, durante estes 4 anos de obscurantismo se gerou o ódio de maneira tão forte no país, que dividiu a nação de forma muito definida, entre direita extremista doentia e esquerda. Muitas famílias continuam divididas e grandes amizades antigas foram desfeitas e certamente será difícil a apaziguaram de muitas situações. Há casos em que vários casais terminaram seus casamentos por causa da divisão política no país.

Infelizmente, muitas famílias não se reúnem mais para comemorar datas festivas em razão do messianismo falso, que o desgoverno passado instalou neste país. O Brasil sempre foi o mais considerado povo unido e feliz. Hoje há muita gente raivosa e doentia que irão precisar de muitas clínicas psiquiátricas para se desintoxicar desse rancor que corrói a alma.

 

Os profissionais ou mercenários da fé, trocaram as suas funções de formas absurdas. O campo religioso, os pastores e padres representantes e apoiadores da direita doentia, em vez de pregarem o Evangelho que Jesus mandou, em suas homilias disseminam o ódio político e muitas fake News nos púlpitos das igrejas. Muitos pastores foram presos por participaram  dos atos antidemocráticos nos acampamentos onde se gestava e pariam os terroristas. Estes ambientes são campos férteis para se gerar o fundamentalismo religioso e anticristão no Brasil.

 

Não obstante, o desgoverno extremista findou os seus malfadados 4 anos de destruição do país antes do prazo legal e foi se refugiar na Flórida, nos EUA, onde se encontra foragido até hoje.

Entretanto, muito se comenta que de lá, ele passava as coordenadas para os seus escudeiros fiéis e submissos, a ele para a execução do Golpe militar frustrado em 8 de janeiro de 2023. Para findar de vez o golpe, o Presidente Luiz Inácio Lula da Silva, decreta a intervenção no Distrito Federal até o próximo dia 31 de janeiro de 2023. Afastou o atual governador e nomeou um interventor para assumir o controle da Ordem no Distrito Federal em Brasília.

A minuta do golpe militar já estava pronta.

 

A Polícia Federal encontrou a minuta do golpe na casa do ex-ministro e Secretário de Segurança do DF, o qual estava com o Ex-Presidente na Flórida, nos EUA. Portanto, ele foi preso aoretornar de lá, dia 14 de janeiro, por ordem do STF o excelentíssimo Sr. Alexandre de Moraes. No dia seguinte foram presos 1500 terroristas golpistas pela PF, por determinação de Alexandre de Morais, muitos já foram liberados com tornozeleiras eletrônicas e responderão os processos no regime semiaberto e os 740 radicais continuam detentos na carceragem da Papuda em Brasília. Confira a lista completa dos terroristas golpistas que afrontam a democracia do país.



 

Muitos desdobramentos virão após os atentados a democracia.

 

A era Bozonarista foi a mais tediosa do Brasil.
A era Bozonarista foi a mais tediosa do Brasil.



Os desdobramentos deste fato desprezível ocorrido em Brasília no dia 8 de janeiro de 2023 terão muitos outros desenrolares e certamente respingaram sobre muitos personagens do desgoverno do Brasil que destruiu essa nação desde o dia 1/01/2019 a 31/12/22. Após ocorreu o agravante da invasão dos terroristas trajados de verde e amarelo que quebraram a sala do STF, Palácio do Planalto e Câmara e Senado Federal, algo nunca visto desde a inauguração da Capital do Brasil, projetada pelo mestre da arquitetura moderna brasileira o grande e inesquecível Oscar Niemeyer. O 8 de janeiro de 2023 pode ser considerado como o dia da infâmia contra os três poderes da República do Brasil, responsáveis e guardiões da democracia. Foi um ataque covarde e frontal à democracia já fragilizada do Brasil. Tudo isso ocorreu sob a conivência e a omissão dos responsáveis pela Segurança Nacional, ao permitirem os acampamentos estranhos nas frentes dos quartéis e os autores pela infraestrutura e a manutenção dessas barracas de terroristas para atentar contra a democracia do país.

 

Os atos antidemocráticos, ocorridos antes e depois das eleições não têm anistia.

 

Portanto, todos aqueles que organizaram, forneceram e participaram dos atos antidemocráticos, golpistas e terroristas naquele dia da infâmia contra a democracia do Brasil, não merecem quaisquer possibilidades de anistia. 

Contudo, é importante alertar a sociedade que já existem deputados da extrema-direita que já protocolaram um projeto de lei para anistiar de maneira ampla todos os criminosos, golpistas e terroristas dos seus crimes praticados na Praça dos Três Poderes em Brasília no dia 8 de janeiro de 2023. No entanto, será um deboche desses deputados favoráveis à impunidade desses criminosos perigosos à democracia do Brasil.

Os parlamentares defensores da democracia brasileira precisam estar atentos a este projeto de lei antidemocrático para livrar todos os golpistas e extremistas dos seus crimes contra a prática.

Nenhum desses criminosos, terroristas e golpistas da extrema-direita merecem anistia. Perdoar esses bandidos seriariam um colossal escarnio a todos os esforços da justiça brasileira para punir com severidade todos os envolvidos com os monstruosos atos antidemocráticos daquele fatídico ato de terrorismo aos Três poderes da República do Brasil.

Todavia, todos eles merecem, sim, a pena capital e ressarcir os danos causados ao patrimônio público nacional. Eles destruíram com a fúria do ódio, então, arquem com as consequências e sirva de lição para que nunca mais venha se repetir essa injúria à democracia brasileira.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O abc da mãe, para expressar, as suas qualidades.

As mães possuem suas qualidades no abc da vida.   A imagem diz o  abc da mãe  As mães, quantas qualidades elas possuem, desenvolvem e as colocam em prática, diariamente, vinte e quatro horas; durante uma vida inteira em prol dos seus filhos. Entretanto, dificilmente os filhos percebem e reconhecem esta árdua luta das mães e são gratos a elas. Observem neste singelo texto, quanto as progenitoras fazem para seus filhos.   Estes dons surgem desde quando ela engravida pela primeira vez dando à luz seus filhos (as). Elas no cotidiano colocam em prática através de sua consciência maternal todas suas qualidades de mães para a proteção, provisão e educação dos filhos. O mais estranho e ingrato é que poucos filhos reconhecem a importância da sua mãe enquanto estão juntos. Muitos somente irão reconhecer e lamentar a sua real importância quando elas morrem. Os filhos deveriam observar e valorizar as qualidades da mãe.   Neste simples abc da mãe, todos os filhos deveriam sempre obser

Candeeiro ou lamparina antiga, mas muito usado no Brasil.

O candeeiro fez parte da vida do povo nos tempos remotos e na atualidade.   Sem luz se usa o candeeiro. Candeeiro é a lamparina, artefato antiquíssimo, composta por duas partes simples. A sua base é feita de lata comum. Pode-se observar que é um desenho simplório, num formato de uma pirâmide. No topo desta pirâmide usa-se pavio de fabricado de algodão. Ele é umedecido com querosene, que é colocado na parte de baixo, como podemos observar tem uma forma redonda, mas como base piramidal.

Você já rotulou alguém de burro?

Essa atitude é preconceituosa, ela  ferirá o sentimento de outrem e ruim para o convívio social. A expressão Burro comprova o preconceito  entre as pessoas.  Quando alguém utiliza este vocábulo burro para qualificar outrem, somente vem comprovar como muitas pessoas têm uma mentalidade maldosa, preconceituosa e intolerante em relação aos seus semelhantes. É inaceitável como é usado no Brasil o termo “burro” entre as pessoas. Muitos usam de maneira intencional para ofender covardemente os seus semelhantes. Alguns humanos a utilizam de maneira maldosa, preconceituosa e ofensiva. Isso vem ocorrendo desde o início da colonização até os dias atuais.