Pular para o conteúdo principal

Postagem recente.

Os dois palestrantes na CPI da covid-19 foram extraordinários.

A ciência iluminou a CPI a despontar as mentiras negacionista do governo.   A Imunização de Rebanho uma prática da direita.   A CPI da COVID-19 no Senado Federal, fez muito bem, ter convidado para ouvir a voz da Ciência sob a sabedoria dos cientistas, na sexta-feira (11/06/2021).  A renomada microbiologista Natália Pasternak e o renomado médico sanitarista Cláudio Maierovitch . Os dois discorreram críticas categóricas às ações desse desgoverno do país em meio ao combate com ineficiência, da pior pandemia da história, sem sombras de dúvidas já é a maior tragédia humana, sem precedentes em terras brasileiras.

O Brasil poderia ter sido o primeiro a iniciar a vacinação no mundo.

O depoimento do Diretor do Butantan, revolta todos os brasileiros.

 

A CPI da COVID-19 no Senado Federal. A imagem mostra figuraras geométricas: a bola sobre o dada, quase caindo, a imagem passa a linguagem da firmeza de quem diz a verdade e quem mente está pronto para cair em contradições.
CPI da COVID-19 no Senado Federal. 


As pessoas que assistiram ao depoimento da CPI da COVID-19 no Senado Federal, no último dia 27/05/21, do Diretor do Instituto Butantan de São Paulo, o renomado Médico, Cientista e pesquisador o Sr. Dimas Covas, deixa qualquer cidadão revoltado com este desgoverno do Brasil.

Ele afirmou que o Brasil poderia ter sido o primeiro país a iniciar a vacinação, mas tudo foi boicotado por Bolsonaro. Segundo ele, isso não ocorreu em razão dos “percalços” para concluir o fechamento do contrato entre o instituto e o desgoverno do Brasil, via Ministério da Saúde. Segundo o depoente, a “grande demora” para a Anvisa aprovar de maneira emergencial a vacina da CoronaVac.

Essa vacina seria produzida numa parceria entre o Instituto Butantan e o laboratório chinês SinoVac. Infelizmente o negacionista cego, as deselegâncias do governo do Brasil e principalmente, as questões políticas ideológicas do atraso da extrema-direita brasileira atrapalharam os projetos e planos na produção da vacina que salvaria milhares e milhares de vidas da nação. 

“O mundo começou a vacinar no dia 8 de dezembro. No final de dezembro, o mundo tinha aplicado mais de 4 milhões de doses, e tínhamos no Butantan 5,5 milhões, e mais 4 milhões em processamento. Sem ter contrato com o ministério. Podíamos ter começado antes? O Brasil poderia ter sido o primeiro país a iniciar a vacinação se não fossem esses percalços, tanto contratuais como de regulamentação, afirmou Dimas Covas”.  (Dimas Covas em depoimento à CPI).

O Brasil ultrapassará em breve os números macabros de 500 mil mortos pela COVID-19.

 

O país em poucos dias, passará de meio milhão (500 mil) de vidas perdidas. No entanto, só em saber que grande parcela destas mortes das pessoas para a COVID-19 poderia ter sido evitada, gera revoltas. Não obstante, porque, simplesmente o então desgoverno bozonarista, não quis comprar as vacinas por birra política e ideológica, para com a nação chinesa. Ele desdenhou da vacina chinesa várias vezes, foi uma ação totalmente, sem nenhuma diplomacia e repudiável diante do mundo. O então presidente, ainda comprou uma guerra deselegante contra os cientistas chineses, sem nenhum fundamento e ficou muito feio a posição dele, perante outras nações, em plena pandemia.

A nação precisa, saber de estes descasos em relação à vacina.

 

A foto mostra a Vacina de Oxford-AstraZeneca,  contra a C0VID-19 e em conjunto com a Fio Cruz, RJ, Brasil.
A foto mostras os frascos de vacinas que está em falta.

Todas essas mortes são o resultado cruel desse desgoverno com a vacina, que fez e continua a fazer pouco caso em relação à saúde do seu povo. É simplesmente revoltante e a população precisa (saber) tudo isso. Ter o conhecimento de que, essa tragédia tem responsáveis e precisam ser punidos como manda a lei.

A CPI da COVID-19 tem essa nobre missão para identificar os culpados e entregá-los à Justiça para que sejam tomadas as providências cabíveis ao rigor da lei. Seja quem for, tem mais ou menos poderes, mas se recai a culpa destas mortes, precisam responder pelos seus crimes e pagar rigorosamente. Evidente, que esta ação não trará a vida das vítimas, mas a nação precisa, saber quem são os responsáveis e que todos sejam punidos.

A CPI ainda está no início dos trabalhos, foi instalada em 27/04/21.

 

A CPI da COVID-19 ainda está longe de terminar, apenas tem pouco mais de 30 dias de sua instalação. Contudo, através das pessoas ouvidas foram reveladas muitas culpabilidades dos responsáveis pela saúde da população. Todavia, faltam muitas pessoas ligadas a essa tragédia para prestarem seus depoimentos. No entanto, no decorrer dos depoimentos muitas coisas sombrias precisam ser esclarecidas e outras serão reveladas para que a presidência da CPI tenha elementos comprobatórios e provas irrefutáveis, para que possa repassar ao relator Renan Calheiros. Será ele que irá elaborar o relatório final. Este relatório será votado e após a sua aprovação, será entregue à justiça. Através do Ministério Publico Federal (MPF) que irá direcionar os processos contra os culpados por esta tragédia. Se espera que a justiça com muito rigor puna a todos os responsáveis, segundo as leis do Código Penal do Brasil.

Todos esperam que a justiça possa instituir a pena para cada responsável por essa tragédia que se abateu sobre a nação. Contudo, sempre é imprescindível sublinhar, que parte de tudo isso, poderia ter sido evitado.

Não obstante, as negligências propositais, do desgoverno brasileiro e sua equipe da área do Ministério da Saúde, clamam por justiça.

 

Os órfãos da COVID-19 são muitos no Brasil.

 

O legado macabro que já entrou para a história do governo negacionista e de extrema-direita do país, será os milhares dos órfãos, as famílias desfeitas, de todas as vítimas da pandemia, que ele e sua equipe sempre debocha tem ampla parcela de culpa. Estes desvalidos, entrarão para a biografia do seu desgoverno.

No Brasil são muitas as pessoas que permanecem com sequelas, são muitos brasileiros que estão em depressão. O Luto continuará para sempre, as dores e os sofrimentos não terminarão, a saudade dos entes queridos permanecerá para sempre.

 

A indiferença do governo perante a pandemia, é muito forte.

 

O mais revoltante desta história macabra é a indiferença, do governo do Brasil. Ele nunca levou a sério o poder letal do vírus da pandemia para a população. Não atendeu aos apelos e as orientações da OMS, dos médicos, dos cientistas, dos infectologistas e dos virologistas. 

Os deboches do bozonaro.

Ele seguiu o caminho mais perigoso, o do obscurantismo, diante da pandemia, o negacionista tosco à moda brasileira. Para completar vieram os deboches, as ironias e os escárnios diante de uma realidade tão cruel, quanto dessa pandemia mundial. Não satisfeito, com a dor e o sofrimento da população, ele mesmo ajudou na disseminação do vírus, deu o pior exemplo de um chefe da nação, não usa máscaras e promove grandes aglomerações. Age como se tudo estivesse em plena normalidade, algo que está muitíssimo longe de ocorrer no país, por não haver vacinas suficientes para todos.

A pandemia no Brasil está muito longe do fim.

 

Portanto, neste ritmo de grandes perdas humanas a pandemia, ainda está muitíssima do fim. Porque se pensa mais no dinheiro, no lucro, do que na vida. As pessoas estão se contaminando e morrendo diariamente porque não tiveram ajuda do governo para ficar em casa nos momentos críticos da doença.

O que ocorreu em auxílio na pandemia foi uma piada de mau gosto para as pessoas necessitadas permanecerem em suas casas? Foi mais um escárnio e ainda assim, a humilhação foi grande para aqueles conseguirem ficar nas grandes filas dos bancos para conseguir a esmola humilhante e muitos nem conseguem. O que arranjaram foi se contaminar mais e muitos foram a óbitos!

A CPI da COVID-19 terá ainda muito trabalho e certamente grandes e surpreendentes aos brasileiros e se espera que todos os membros da CPI não retirem o foco das investigações. Os Senadores da República têm essa missão nobre para com toda a população do Brasil.

Assista na integra o depoimento de Dimas Covas. 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O abc da mãe, para expressar, as suas qualidades.

As mães possuem suas qualidades no abc da vida.   A imagem diz o  abc da mãe  As mães, quantas qualidades elas possuem, desenvolvem e as colocam em prática, diariamente, vinte e quatro horas; durante uma vida inteira em prol dos seus filhos. Entretanto, dificilmente os filhos percebem e reconhecem esta árdua luta das mães e são gratos a elas. Observem neste singelo texto, quanto as progenitoras fazem para seus filhos.   Estes dons surgem desde quando ela engravida pela primeira vez dando à luz seus filhos (as). Elas no cotidiano colocam em prática através de sua consciência maternal todas suas qualidades de mães para a proteção, provisão e educação dos filhos. O mais estranho e ingrato é que poucos filhos reconhecem a importância da sua mãe enquanto estão juntos. Muitos somente irão reconhecer e lamentar a sua real importância quando elas morrem. Os filhos deveriam observar e valorizar as qualidades da mãe.   Neste simples abc da mãe, todos os filhos deveriam sempre obser

Você já rotulou alguém de burro?

Essa atitude é preconceituosa, ela  ferirá o sentimento de outrem e ruim para o convívio social. A expressão Burro comprova o preconceito  entre as pessoas.  Quando alguém utiliza este vocábulo burro para qualificar outrem, somente vem comprovar como muitas pessoas têm uma mentalidade maldosa, preconceituosa e intolerante em relação aos seus semelhantes. É inaceitável como é usado no Brasil o termo “burro” entre as pessoas. Muitos usam de maneira intencional para ofender covardemente os seus semelhantes. Alguns humanos a utilizam de maneira maldosa, preconceituosa e ofensiva. Isso vem ocorrendo desde o início da colonização até os dias atuais.

Candeeiro ou lamparina antiga, mas muito usado no Brasil.

O candeeiro fez parte da vida do povo nos tempos remotos e na atualidade. Sem luz se usa o candeeiro. Candeeiro é a lamparina , artefato antiquíssimo composta sobre duas partes simples. A sua base é feita de lata comum. Um desenho simplório num formato de uma pirâmide. No topo desta pirâmide usa-se pavio de fabricado de algodão. Ele é umedecido com querosene, que é colocado na parte de baixo, como podemos observar tem uma forma redonda, mas como base piramidal. Este utensílio domestica há muitos anos foram usados no país inteiro até chegar às primeiras transmissões de energia elétrica nas capitais e aos poucos foram se disseminado para o restante do país.