Pular para o conteúdo principal

Postagem recente.

Os dois palestrantes na CPI da covid-19 foram extraordinários.

A ciência iluminou a CPI a despontar as mentiras negacionista do governo.   A Imunização de Rebanho uma prática da direita.   A CPI da COVID-19 no Senado Federal, fez muito bem, ter convidado para ouvir a voz da Ciência sob a sabedoria dos cientistas, na sexta-feira (11/06/2021).  A renomada microbiologista Natália Pasternak e o renomado médico sanitarista Cláudio Maierovitch . Os dois discorreram críticas categóricas às ações desse desgoverno do país em meio ao combate com ineficiência, da pior pandemia da história, sem sombras de dúvidas já é a maior tragédia humana, sem precedentes em terras brasileiras.

A vacina é um direito de todos os cidadãos brasileiros.

Negacionista vis, sabotaram o direito à vacina para a população.

A foto mostra a Vacina de Oxford-AstraZeneca,  contra a C0VID-19 e em conjunto com a Fio Cruz, RJ, Brasil.
A foto mostra a Vacina de Oxford-AstraZeneca/ Fio Cruz, RJ, Brasil.


Infelizmente este direito sagrado à nação foi boicotado, através dos negacionista pífios, que atualmente administram o país. Se não houvesse ocorrido este aborto ideológico, mas o governo do Brasil, se agilizasse para adquirir as vacinas. Já que os cientistas, sinalizavam, grandes esforços para as descobertas das vacinas contra o vírus (SARS-CoV-2), da COVID-19. Não teriam falecido os mais de 422 mil cidadãos (até hoje) através da pandemia.

As consequências primeiras, são evidentes deste descaso, foram as mais 422.418 mil vidas perdidas, e o caos na economia. Cabe sublinhar que o caos econômico no país, já era dramático, antes da pandemia por grande incompetência do atual desgoverno. 

Contudo, se agravou com todos os descasos, indiferenças e os deboches, com a letalidade, diante do vírus da pandemia. O país, em geral, e principalmente a população, obtiveram os maiores prejuízos. Os principais culpados são de conhecimento público.

No entanto, todos já sabem que são os responsáveis por tudo, isso, mas a CPI que foi instalada no Senado Federal, terá como função esclarecer e confirmar, os culpados e se espera que todos sejam imputados e punidos ao rigor da lei. Após a aprovação do relatório, através do Presidente Renan Calheiros, “as conclusões, se for o caso, são encaminhadas ao Ministério Público, para que promova a responsabilidade civil ou criminal dos infratores no Judiciário” (Fonte: Constituição Federal de 1988).

Este direito à vacina, até agora, foi sonegado para a maioria dos cidadãos. Muitos até receberam a primeira dose, mas a segunda quantidade ficou para trás, neste ciclo tão importante, da imunização; não ocorreu por falta da vacina. É simplesmente uma vergonha e descaso com a população.

Todos que não completaram este processo ficarão na insegurança e segundo os infectologistas, é necessário completar às duas doses para ficar imunizado totalmente.

O governo do Brasil sempre demonstrou a má vontade para comprar as vacinas.

 


Portanto, o governo anda na contramão da Ciência. Em vez de ter investido nas vacinas, decidiu confiar e apostar em medicações ineficazes comprovadas cientificamente no combate a COVID-19. O “kit” é composto de: sulfato de hidroxicloroquina, azitromicina e o vermífugo ivermectina. Este conjunto de remédios é bom para outras doenças, menos contra o vírus da pandemia. Certamente este pacote ineficaz será objeto de investigações durante os trabalhos de requerimentos dos depoentes ligados ao Ministério da Saúde, que apoiaram o uso desses fármacos, ineficientes contra a covid-19, após muitos testes científicos realizados através dos cientistas da OMS e dos melhores laboratórios farmacêuticos do Mundo, engajados pesquisas. Inclusive a eficiência da Cloroquina no combate à COVID-19 e demais variantes do vírus.

O país tem dinheiro, falta vontade política para comprar as vacinas.

 

O que se percebe nesta falta das doses da vacina é má vontade, políticas públicas sérias e falta de diplomacia do presidente, em negociar com os laboratórios do exterior para comprar os insumos essenciais, para que as vacinas sejam desenvolvidas no Butantan e Fiocruz do Brasil.

Não é por falta de dinheiro, é por má-fé, e por omissão de interesse que a população de 210 milhões de habitantes sejam imunizados.

É importante destacar que todos pagam pesados impostos para o governo federal, estadual e municipal. Basta ver quantos bilhões essa atual administração arrecada com o Imposto de Renda, mais injusto do mundo, só com este montante já é o suficiente para imunizar a todos. Evidentemente, que existem centenas de outros impostos que todos pagam ao comprar ou vender algum bem de pequeno valor, ou de valores gigantescos e duráveis.

O Tesouro Nacional certamente tem grandes reservas de dinheiro nosso, mas o atual governo, em vez de comprar as vacinas, desvia para outros setores menos importantes para a sociedade, do que a saúde e o combate à pandemia. Os senadores deveriam nesta CPI da pandemia, exigir quanto de dinheiro público, o governo tem reservado para comprar as vacinas para todos, nos melhores laboratórios do mundo.

A CPI da pandemia tem a missão imputar os culpados da tragédia da COVID-19 no Brasil.

 


Portanto, a tragédia continua e poderia ter sido evitada, a Comissão Parlamentar de Inquérito tem o dever de atribuir os culpados e mandar para a justiça. Todos esperam, que de fato os senadores não tenham medo de realizar com zelo essa tarefa que a eles foram delegados.

É importante que no decorrer dos trabalhos da CPI os membros possam elaborar questionamentos incisivos aos depoentes e estes respondam sem mentir todos os pontos falhos que levaram a essa catástrofe humana no Brasil.

Os números são assustadores e já passaram das mais de 422.418 mil vidas tombadas para a pandemia. Esta CPI não pode falhar, mas tem o dever de descobrir os principais responsáveis por essa tragédia humana no país. Essa tragédia, que não para de crescer e está muito longe do fim.

Principalmente, no Brasil, onde tudo é visto com descaso e deboches. O direito à vacina para todos precisa ser cumprida pelas autoridades desta nação. Se os chefes não levarem a sério a pandemia, não terminará nunca.

Portanto, a população precisa sair do comodismo e exigir dos outros poderes façam este governo cumpra o mais urgente possível as vacinas, contra essa pandemia letal, da COVID-19. A sociedade comum toda, tem este direito a vida, e a saúde que se dá a partir da vacinação de todos. Este será o caminho para o Brasil, a longo prazo voltar à normalidade em todos os setores da economia e aos poucos terminar com o desemprego, a fome, a miséria e as mortes por este vírus letal da pandemia.

 

Todavia, neste governo inoperante e incompetente essa realidade será totalmente impossível. A população precisava vislumbrar as eleições gerais de 2022, para eleger o novo Presidente que seja capaz de mudar os rumos desastrosos deste país.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O abc da mãe, para expressar, as suas qualidades.

As mães possuem suas qualidades no abc da vida.   A imagem diz o  abc da mãe  As mães, quantas qualidades elas possuem, desenvolvem e as colocam em prática, diariamente, vinte e quatro horas; durante uma vida inteira em prol dos seus filhos. Entretanto, dificilmente os filhos percebem e reconhecem esta árdua luta das mães e são gratos a elas. Observem neste singelo texto, quanto as progenitoras fazem para seus filhos.   Estes dons surgem desde quando ela engravida pela primeira vez dando à luz seus filhos (as). Elas no cotidiano colocam em prática através de sua consciência maternal todas suas qualidades de mães para a proteção, provisão e educação dos filhos. O mais estranho e ingrato é que poucos filhos reconhecem a importância da sua mãe enquanto estão juntos. Muitos somente irão reconhecer e lamentar a sua real importância quando elas morrem. Os filhos deveriam observar e valorizar as qualidades da mãe.   Neste simples abc da mãe, todos os filhos deveriam sempre obser

Você já rotulou alguém de burro?

Essa atitude é preconceituosa, ela  ferirá o sentimento de outrem e ruim para o convívio social. A expressão Burro comprova o preconceito  entre as pessoas.  Quando alguém utiliza este vocábulo burro para qualificar outrem, somente vem comprovar como muitas pessoas têm uma mentalidade maldosa, preconceituosa e intolerante em relação aos seus semelhantes. É inaceitável como é usado no Brasil o termo “burro” entre as pessoas. Muitos usam de maneira intencional para ofender covardemente os seus semelhantes. Alguns humanos a utilizam de maneira maldosa, preconceituosa e ofensiva. Isso vem ocorrendo desde o início da colonização até os dias atuais.

Candeeiro ou lamparina antiga, mas muito usado no Brasil.

O candeeiro fez parte da vida do povo nos tempos remotos e na atualidade. Sem luz se usa o candeeiro. Candeeiro é a lamparina , artefato antiquíssimo composta sobre duas partes simples. A sua base é feita de lata comum. Um desenho simplório num formato de uma pirâmide. No topo desta pirâmide usa-se pavio de fabricado de algodão. Ele é umedecido com querosene, que é colocado na parte de baixo, como podemos observar tem uma forma redonda, mas como base piramidal. Este utensílio domestica há muitos anos foram usados no país inteiro até chegar às primeiras transmissões de energia elétrica nas capitais e aos poucos foram se disseminado para o restante do país.