Pular para o conteúdo principal

Postagem recente.

Atenção! Preparem o bolso vazio, para pagar a luz.

Enquanto ninguém tem reajuste salarial, mas a energia encarece. A foto mostra o poste de transmissão de energia elétrica  O último índice médio de preços das tarifas da luz elétrica será de 7,32%. A antiga (antiga porque será privatizada em breve ) CEEE-D  abastece 1,716 milhão de unidades consumidoras. O setor Que se compreende as residências, comércio, área rural e iluminação pública, terá alta de 8,32. O setor industrial que está em rede de alta tensão terá aumento de 5,24%, Tudo sob  as bênçãos da (ANEEl) Agência Nacional de Energia Elétrica. É incrível! parece piada, mas é a realidade, antes fosse. A partir do  próximo domingo 22/20 os consumidores da CEEE pagarão mais caro a energia elétrica, será um reajuste de 7,32%. Porém enquanto isso ninguém tem reajuste salarial há muitos anos e especialmente agora, nesta crise econômica e turbinada com a força da pandemia da covid-19. 

Perfil do eleitor de 2020 é preocupante.

A divulgação do perfil do eleitor nas eleições 2020.

A imagem de fundo verde e caracteres em azul traz o perfil educacional do Eleitorado das Eleições municipais de 2020.
O perfil educacional do eleitorado do Brasil em 2020.


O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) divulgou dados interessantes dos eleitores neste ano conturbado pela covid-19. Os números são 147.918.483 cidadãos e cidadãs votantes. Em relação as eleições de 2016, correu um excelente acréscimo de 2,66%   quando na época eram 144.088.912 eleitores. Porém é este universo, de eleitores aptos para votar, que elegerá no próximo domingo dia 15 de novembro de 2020, os futuros prefeitos e vereadores dos 5.570 municípios do país.

  

Contudo no contexto geral de todas as informações educacionais, divulgados que forma o perfil do eleitor em 2020, os dados mais preocupantes são realmente são o grau de formação educacional, dos eleitores do país.

Estes dados revelam fielmente como a educação do nosso país está indo de mal a pior, ano a pós ano. No entanto nenhum governante tem interesse de reverter este quadro extremamente preocupante e vergonhoso para o Brasil.

A educação nunca foi e nunca será de interesse da classe política dominante.

A educação no Brasil sempre foi abandonada, desde 1500, data da chegada dos portugueses aos dias atuais. Este setor tão essencial para todos, nunca foi e nunca será de interesse para a classe dominante resolver os problemas crônicos. Mas os políticos de extrema direita que sempre estiveram e estão no poder, se alegram com o abandono.  A classe dominante brasileira do meio político, só oferece educação de qualidade para a sua família e amigos, mas o restante da população no pensar mesquinho deles, não precisa de saber por que uma nação culta é perigosa para eles. Certamente está aí a origem dessa pachorra dos brasileiros estarem acovardados de irem as ruas protestar contra este desgoverno bozonarista.

 

Se fosse em outras épocas a população já estariam nas ruas pedindo o impeachment desse desgoverno em razão de todos os seus desmandos, deboches e desmontes do país. No entanto só será possível para uma nação que não tenha medo de pensar e para pensar, necessariamente precisa de escolas que ofereçam uma formação sólida e com pilares no ensino de qualidade para todos. Infelizmente no país se tem   professores valorizados e principalmente com remunerações dignas e justas. Porém o que se tem no país são professores passando fome porque o descaso é total com os educadores da rede pública de ensino dos Estados.

 

Os dados do perfil educacional do eleitor brasileiro são desanimadores.

Observe com muita atenção para estes números acima, do perfil educacional do eleitor e não há outra avaliação que não seja de tristeza e preocupação. Estes dados revelam o abandono da educação por estes governos que (des)administram a pasta mais importante, da nação que é sem dúvida a educação.  Os resultados ruins estão aí que desnudaram um país de pessoas incultas; de maneira genérica. As consequências são gravíssimas para um país onde abandona a educação dos seus cidadãos e cidadãs. Esta regressão no pensar tem se revelado nos últimos tempos, em que se tem uma população que foge do pensar. Muitos preferem a banalidade das coisas sérias, e se refugiam na banalidade que as levam a destruição de uma nação evoluída no tocante a valorização do sistema da educação geral.   

O que ocorreu durante as eleições de 2018 quando a maioria da população trocou o candidato Professor Universitário (Fernando Haddad), e preferiram este que está lá. Mas é inculto, agressivo, nega a educação, a ciência e a pandemia. Além do mais, ele resume essa realidade em seus pronunciamentos vexatórios, quando utiliza seu vocabulário chulo e vergonhoso, revela o quanto, ele   está longe de ser sábio. Infelizmente ele representa essa ampla maioria que o escolheu como Chefe de Estado do Brasil.  Esta escolha ainda que foi democrática (não se poderá nunca esquecer a força das fake News) revela com todas as evidencias o grau de instrução dos eleitores daquele ano. Evidentemente ao fazer um comparativo de 2018 para 2020, se conclui que a situação da educação, se agravou profundamente. Os dados do perfil do eleitor poderão sim, interferir nos resultados das eleições de 2020. Espero que esteja erradíssimo e que seja totalmente diferente. Todos estão torcendo para que realmente se tenha o elemento surpresa, e positivo de mudanças vislumbrando 2022, porque até agora a nação tem sofrido amargamente com este governo que está lá como presidente do país. Esperamos que a decepção, o sofrimento, o descaso, os deboches, as perdas de direitos, o desemprego, as mortes por covid-19, chama a nação a refletir que é chegado o  momento de mudanças, já que a  educação foi jogada as traças,  para evitar a população pensar, os resultados amargos deste governo, faça todos começarem a pensar num país melhor e justo. Porém essas mudanças terão início no próximo domingo e se finalizará em 2022 com a eleições gerais, onde a população de maneira sábia e independente escolherá o novo Presidente que primará pela educação do seu povo.

A educação é a base de mudanças e desenvolvimento de uma nação.

A educação no Brasil foi simplesmente deixada de lado por estes governos de extrema direita que se instalou no país a partir do golpe de 2016 e consumado naquelas eleições, sob a batuta das fake News, de 2018.

Exceto algumas administrações municipais que priorizaram este setor mais importante para o cidadão. Contudo, é possível se contar nos dedos, porque nas eleições municipais, sob o embalo do ódio, do preconceito e do golpe foram eleitas muitas prefeituras afins com o governo central de extrema direita, que tem como missão eliminar a educação.  Seguindo esta lógica perversa do governo central, muitos prefeitos e governadores abandonaram a educação do povo.

É fundamental a população votar certo em 2020, para mudar este desgoverno em 2022.

 

Portanto é imprescindível que os eleitores pensem bem antes de votar para escolher, o futuro vereador e prefeito para administrar seu município e que os futuros gestores públicos sejam defensores e zelosos da educação municipal. Somente com a educação é possível mudar a mentalidade das pessoas e fazer com que a nação cresça na luz da sabedoria, porque atualmente o Brasil anda nas trevas da ignorância. Os resultados desta situação são totalmente preocupantes para todos. O país que despreza o saber estar fadado a morrer lentamente na escuridão e na escravidão dos poderosos de extrema direita.

Todavia, quando você estiver sozinho e sua consciência, no lugar sagrado que é sua urna, o altar da democracia, pense com muito carinho no seu voto, e no ato sublime de votar.  Quando for apertar os números pense que por traz destes números, existe seres humanos que hão de te representar no legislativo e no executivo municipal durante quatro anos.  São eles que terão a obrigação de zelar pela educação dos seus filhos e netos e que estes serão no futuro os próximos administradores do município e país. Portanto, não vote em quem odeia o saber, a ciência, a cultura, a saúde e vida. 

Todavia vote em pessoas que sejam o oposto de tudo isso, o atraso, o retrocesso, e a ignorância, vote em quem tem um históricode defensor da educação. Somente assim, você está contribuindo para históricas transformações municipais e concomitante com o país.

Vou ser bem claro, não vote em nenhum candidato que apoie ou tenha ligação com o presidente bozo, os evite, porque eles representam o que há de mais atrasado no Brasil e no mundo.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O abc da mãe e suas qualidades.

As mães e suas qualidades no seu abc. O abc da mãe e seus significado s As mães quantas qualidades elas possuem, desenvolvem e as colocam em prática, diariamente, vinte e quatro horas; durante uma vida inteira em prol dos seus filhos. Entretanto, dificilmente os filhos percebem e reconhece está árdua luta das mães e são gratos a elas.  Observem neste singelo texto, quanto as progenitoras fazem para seus filhos. Estes dons surgem desde quando ela engravida pela primeira vez dão à luz seus filhos (as). Elas no cotidiano colocam em prática através de sua consciência maternal todas suas qualidades de mães para a proteção, provisão e educação dos filhos. O mais estranho e ingrato é que poucos filhos reconhecem a importância da sua mãe enquanto estão juntos. Muitos somente irão reconhecer e se lamentaram a sua real importância quando elas morrem. Os filhos deveriam observar e valorizar as qualidades da mãe. Neste simples abc da mãe todos os filhos deveriam sempre observar as qualidade

Você já rotulou alguém de burro?

É uma atitude preconceituosa para ferir o sentimento de outrem e ruim para o convívio social. A expressão burro comprava o preconceito entre as pessoas.  Quando alguém utiliza este vocábulo burro para qualificar outrem, somente vem comprovar como muitas pessoas têm uma mentalidade maldosa, preconceituosa e intolerante em relação aos seus semelhantes. É inaceitável como é usado no Brasil o termo “burro” entre as pessoas. Muitos usam de maneira intencional para ofender covardemente os seus semelhantes.  Alguns humanos a utilizam de maneira maldosa, preconceituosa e ofensiva. Isso vem ocorrendo desde o início da colonização até os dias atuais.

Candeeiro ou lamparina antiga, mas muito usado no Brasil.

O candeeiro fez parte da vida do povo nos tempos remotos e na atualidade. Sem luz se usa o candeeiro. Candeeiro é a lamparina , artefato antiquíssimo composta sobre duas partes simples. A sua base é feita de lata comum. Um desenho simplório num formato de uma pirâmide. No topo desta pirâmide usa-se pavio de fabricado de algodão. Ele é umedecido com querosene, que é colocado na parte de baixo, como podemos observar tem uma forma redonda, mas como base piramidal. Este utensílio domestica há muitos anos foram usados no país inteiro até chegar às primeiras transmissões de energia elétrica nas capitais e aos poucos foram se disseminado para o restante do país.