Pular para o conteúdo principal

Postagem recente.

O gado bozonarista.

A decadência política do país fez nascer o gado bozonarista.O Brasil retroagiu há mais de quinhentos anos de história, com a ascensão da extrema direita ao poder. Neste retrocesso nasceu o gado bozonarista, que é a classe social, de extrema direita, brotada do cerne do pensar atrasado e ruim a era das trevas a qual o país vive atualmente.   O gado bozonarista é esse grupo de pessoas de pensamento político de extrema direita, com padrões econômicos diferentes.  No aspecto econômico esse grupo é subdividido em dois subgrupos: o do gado rico e pobre.  Eles são contra e fazem de tudo para reduzir o tamanho do Estado, porém o foco central é vender o patrimônio nacional as empresas estrangeiras a preços irrisórios.

O vírus da covid-19 avança no Brasil.

Exclusivo o Coronavírus está em amplo crescimento no país.

O vírus da covid-19 visto a partir da lente do microscópio. Ele  tem o formato ou perfil de uma coroa,  daí vem esse nome de coronavírus. É  pertencente a família do coronavírus da síndrome respiratória aguda grave 2 (SARS-CoV-2)
O vírus da covid-19 visto a partir da lente do microscópio.
O fim dessa pandemia no Brasil está se estendendo excessivamente. O sofrimento, a dor e os demais desdobramentos, de cada pessoa que perdeu seu ente querido é inexplicável. Essa mesma situação se estende para toda a população independente de ser ou não atingido diretamente.
Lamentavelmente os números ultrapassaram os tristes dígitos de mais de 1 milhão e meio de casos confirmados, são até hoje (1.545.458) entre a população de todo o país. E mais de 60 mil mortos (63.254) desde o primeiro óbito há menos de 4 meses em São Paulo. EM 17 de março de 2020,  segundo confirmação do Ministério da Saúde.
já era época para estar no fim dessa pandemia, mas o que se é noticiado diariamente é o aumento dos casos de contágios e de óbitos em todo o país.
O achatamento da curva da covid-19 (Sars-Cov-2) somente aumenta em vez de partir para o fim. O mês de julho iniciou com os números trágicos nunca visto nesse país Continental. Os números apontam para uma real tragédia que ainda está muito além de sua consumação. Muitos fatores contribuem para esse distanciamento do fim da pandemia no Brasil.
As confusões nas administrações, desde o governo Federal ao menor município do país; são visíveis. Ninguém se entende, alguém dita uma norma e outro descumpre, algo inédito e estranho.    A população segue no mesmo ritmo dos péssimos exemplos de seus administradores, porém   em razão de toda essa falta de coordenação, a nível nacional, estadual e municipal e de maneira homogênea; as pessoas se contaminam e morrem diariamente.

Os negacionistas ignorantes, dessa pandemia são os disseminadores do vírus onde moram.

O mais preocupante é o fato de, diante dessa tragédia, a teimosia de muitas pessoas que não acredita e negam essa realidade macabra. Esses negacionistas são os responsáveis diretos para essa disseminação do novo coronavírus (Sars-Cov-2), que é letal para os habitantes da comunidade onde vivem.
Geralmente muitos destes negacionistas inábeis e fundamentalistas, seguem as orientações do seu líder maior, o próprio chefe da nação. Ele desde o início negou tudo, desrespeitou as medidas de combate ao vírus adotada pela OMS e conclamou a população à volta ao trabalho, ainda que colocando a vida de todos em riscos.
É triste! Mas infelizmente essa ideia persiste entre os negacionistas, os cegos mentalmente da teoria da Terra plana. Toda essa gente imunda, são os maiores agentes propagadores da covid-19 no Brasil.
Eles fazem questão de continuar na desobediência quanto as normas de segurança e proteção; contra o vírus da covid-19. Em razão de toda essa falta de respeito o avanço da pandemia entre os brasileiros é assustadora e permanece a sensação de impotência dos profissionais, da área da saúde, diante do controle epidemiológico e combate essa pandemia por falta de apoio do governo e do povo teimoso e ignorante.

Os heróis dessa guerra apresentam cansaço.

Profissional da saúde se preparando para atender pacientes-olhar de preocupação.
Profissional da saúde se preparando para atender pacientes.
Os heróis dessa pandemia que são todos os profissionais da saúde de todo o país se mostram cansados diante dessa tragédia brasileira. Eles estão numa guerra perigosíssima, onde o inimigo pode atacar de todas as formas, horas e lugares imprevisíveis do Brasil.  Os relatos de muitos são alentadores, mas se percebe que estão desanimados, diante das perdas dos colegas de profissão e principalmente diante das mortes de milhares de irmãos brasileiros vítimas dessa pandemia.
O pior de tudo os trabalhadores da saúde, são obrigados a trabalhar com a falta de materiais, em alguns hospitais, para atender os pacientes humanamente. É uma irresponsabilidade sem tamanha desse governo com essa pandemia, sob todos os sentidos.
Enquanto isso o povo continua a morrer de maneira assustadora dia após dia, a pandemia; se encontra muito longe do fim. O que de fato existe são sinais de recuo, porém o término não!

É muito complicado terminar com a covid-19 no Brasil.

Como é difícil terminar com a covid-19 (Sars-Cov-2)  no Brasil, basta uma cidade ou capital apresentar sinais de recuo desse vírus os prefeitos e governadores, apressadamente abrem normalmente o comércio com regras de distanciamento, mas a população, sedenta para deixar o confinamento, saem todos de uma única vez e geram grandes aglomerações e muitos dessas pessoas são consideraras contaminadas e  consequentemente contamina centenas e milhares de pessoas num único dia.
Quanto mais pessoas circularem nas ruas, maior é a probabilidade de contágios do vírus da covid-19 entre a sociedade, as pessoas e as autoridades não querem entender essa realidade; é lamentável!  O que ocorre com fim do isolamento social nessas cidades, antes do tempo certo, é certamente mais contaminações nas semanas seguintes.
Então no país está se configurando um ciclo perigoso com esse vai e vem, com esse reabre e fecha do comércio. É em razão dessa falta de orientação correta de alguém especializado no Ministério da Saúde (MS) que o Coronavírus (Sars-Cov-2) continua em pleno crescimento no país. É importante sublinhar que o Brasil não tem Ministro da Saúde em plena pandemia, o Ministério da Saúde conta com pessoas que não são médicos, mas existem pessoas que pensa como o chefe da nação, mas exercem cargos alheios a saúde do povo.
Todavia o país não tem estrategistas no comando do Ministério da Saúde, para aplicar medidas eficazes, no combate a essa pandemia; letal da população brasileira.

A situação do Brasil é muito complexa em relação ao fim da covid-19.

A pandemia do novo coronavírus (Sars-Cov-2) no Brasil é preocupante.  Prontamente é o segundo lugar em tudo tanto em contágios, quanto em óbitos. Se essa situação não parar infelizmente; passará a ser o primeiro lugar no mundo.  É considerado atualmente o epicentro da pandemia mundialmente. As confusões na condução de estratégias para combater o avanço da covid-19, inicialmente havia rumo certo. 
Depois em razões de questões ideológicas do governo do Brasil, tais como a anti-ciência,os pesquisadores, os retrocessos as orientações da OMS, dos médicos epidemiologistas, infectologistas e o todo corpo médico clínico, enfermagem, só prejudicou a todos os brasileiros.
Essa gente imunda das trevas ignora o uso das máscaras, nos estabelecimentos comerciais e nas ruas, e defendem o fim do confinamento.  É gravíssimo as postagens das fake News, que eles fazem com a má intenção; de engar e tumultuar a população; em relação a gravidade da pandemia no país.
Enquanto se gerou uma guerra ideológica e partidária de direita em torno da pandemia. O vírus se espalhou rapidamente em todo o país. Como consequências vieram os óbitos sem parar e continua muito longe do fim.

O confinamento social e as dificuldades econômicas.

A foto mostra a cédula de R$ 100 do real do Brasil. Atualmente perdeu o poder aquisitivo em razão da crise econômica.
A foto mostra a cédula de R$ 100 do real do Brasil.
Chegou o confinamento social e a economia começou a quebrar, tudo isso é fruto da ignorância e da estupidez de quem comanda este país de forma errada e inconsequente. Vieram os deboches com a pandemia e os escárnios quando se atingiu o número de dez mil pessoas mortas; vítimas da covid-19(Sars-Cov-2).
Todavia a situação no país é muitíssima grave tanto agora, no auge quanto no final dessa pandemia. Se a situação econômica do país já era péssima, agora pense como será depois do fim, que não há data para esse fim tão esperado.
Certamente o país precisará de ajuda humanitária internacional, para socorrer o povo, porque o governo atual será incapaz de reerguer essa brava e criativa nação.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O abc da mãe e suas qualidades.

As mães e suas qualidades no seu abc.
As mães quantas qualidades elas possuem, desenvolvem e as colocam em prática, diariamente, vinte e quatro horas; durante uma vida inteira em prol dos seus filhos. Entretanto, dificilmente os filhos percebem e reconhece está árdua luta das mães e são gratos a elas.  Observem neste singelo texto, quanto as progenitoras fazem para seus filhos.
Estes dons surgem desde quando ela engravida pela primeira vez dão à luz seus filhos (as). Elas no cotidiano colocam em prática através de sua consciência maternal todas suas qualidades de mães para a proteção, provisão e educação dos filhos. O mais estranho e ingrato é que poucos filhos reconhecem a importância da sua mãe enquanto estão juntos. Muitos somente irão reconhecer e se lamentaram a sua real importância quando elas morrem. Os filhos deveriam observar e valorizar as qualidades da mãe.
Neste simples abc da mãe todos os filhos deveriam sempre observar as qualidades da sua mãe e a valorizar eternamente. Toda…

Você já rotulou alguém de burro?

É uma atitude preconceituosa para ferir o sentimento de outrem e ruim para o convívio social.Quando alguém utiliza este vocábulo burro para qualificar outrem, somente vem comprovar como muitas pessoas têm uma mentalidade maldosa, preconceituosa e intolerante em relação aos seus semelhantes. É inaceitável como é usado no Brasil o termo “burro” entre as pessoas. Muitos usam de maneira intencional para ofender covardemente os seus semelhantes.  Alguns humanos a utilizam de maneira maldosa, preconceituosa e ofensiva. Isso vem ocorrendo desde o início da colonização até os dias atuais.

Candeeiro ou lamparina antiga, mas muito usado no Brasil.

O candeeiro fez parte da vida do povo nos tempos remotos e na atualidade. Candeeiro é a lamparina, artefato antiquíssimo composta sobre duas partes simples. A sua base é feita de lata comum. Um desenho simplório num formato de uma pirâmide. No topo desta pirâmide usa-se pavio de fabricado de algodão. Ele é umedecido com querosene, que é colocado na parte de baixo, como podemos observar tem uma forma redonda, mas como base piramidal.
Este utensílio domestica há muitos anos foram usados no país inteiro até chegar às primeiras transmissões de energia elétrica nas capitais e aos poucos foram se disseminado para o restante do país.