Pular para o conteúdo principal

Calma no momento de procurar objetos perdidos em casa.

Na era digital há muitas facilidades de se encontrar imagens de objetos e até poder localizar.

Jóias que se perdem dentro de casa e não se consegue encontrar.
Quem nunca perdeu alguma coisa de extrema importância. Na pressa se tem uma grande dificuldade, para encontrá-la, principalmente em meio a ansiedade. Se acende a insegurança de que tudo está perdido, a partir de então, não se tem mais segurança, somente se imagina nas consequências do porvir.  Geralmente, até quando se escreve algum artigo e na pressa de encerrar os trabalhos durante o expediente, e ao desligar o computador ou notebook, se esquece de salvar. Mesmo que o dispositivo salve automaticamente muito tempo se perde para encontrar e as alterações necessárias, não foram salvas. Trabalho de muitas horas foram perdidos. Assim também ocorrem com os objetos perdidos em casa que são importantíssimos para um determinado evento e em razão de vários motivos se perdem nos momentos mais impróprios.  
Apenas para ilustrar esta situação de desespero para encontrar algo que some dos olhos e que não poderia sumir.
Vejam, hoje se vive e quase todos trabalham no mundo, dos arquivos digitalizados, onde se utiliza a tecnologia das miniaturas, onde se armazenam e organizam milhões de pastas, contendo textos, e-mails, documentos, gráficos, planilhas, som, imagens, áudio, fotos, músicas e etc.
Na era da tecnologia da informação, se arquiva tudo, em um mesmo item como um pendrive, e ao mesmo tempo em que tem a comodidade de ter tudo em um só lugar, mas também se corre o risco de perder tudo de uma única vez. E corre o risco de deixar à pessoa sem saída. Claro que este risco pode ser evitado, já que existem as empresas gigantes com seus provedores na internet, que guardam tudo isto nos seus sistemas de nuvens, para armazenamentos, de dados. Além dos conhecidos drives particulares que são ótimas ferramentas para os trabalhos na era digital.  Você pode acessar essas ferramentas de qualquer lugar e hora. Porém, num momento de desespero, para buscar e chegar a encontrar, quaisquer objetos perdidos em casa, todos os membros da família passam grandes angústias.   E principalmente, todos se esquecem que existem estes recursos, mas geralmente todos passam por grandes sofrimentos. Quando passa o sufoco alguém lembra ah! Poderia ter utilizado essa ou aquela ferramenta online que teria resolvido o problema e localizado com facilidade, mas...

Procurar objetos importantes em casa na hora imprópria causa ansiedades, trapalhadas, agitações e sofrimentos.

Alguém digitando e se não salvar poderá tudo ou parcial.
A pior coisa que pode acontecer em sua vida é quando você está apressado contando os segundos, minutos para ir ao um evento importantíssimo e instantaneamente, perde um dos objetos indispensáveis para a realização daquele acontecimento da vida ou do ano.
Seja quaisquer um desses elementos, mas sem eles não poderá ir por que tudo dependerá dessas peças fundamentais para que se possa acontecer o evento.   É como se fosse à chave de abertura de todo o episódio do início ao fim e seus desdobramentos.
Então, jamais poderão ir ao local do acontecimento sem este objeto que é a razão de ser do episódio, exemplos palestras, discursos, preleções de quaisquer área do conhecimento, negócios, apresentação de uma marca e eventos sociais de toda a natureza e etc. Nas piores das hipóteses quando não há solução, resta apelar para o improviso e se a pessoa não tem a arte de improvisar, a plateia perceberá de imediato que algo está errado e todos perceberão o fiasco, a melhor alternativa é cancelar.

Surge um desespero para encontrar o que mais se precisa na pressa e na rapidez não se acha coisa nenhuma.  Podem vascular a casa por todos os lugares de baixo para cima e vice-versa nada se encontra, o relógio começa a disparar os ponteiros as horas voam numa velocidade como nunca havia acontecido. Para complicar ainda mais a situação se houve gritos de alguém, não vai dar certo! Começa a atrasar tudo, não se chegará a tempo, vai perder o lugar, a promoção, a vaga do estacionamento, a imprensa está anunciando que o trânsito está congestionado, os organizadores estão ligando que faltam poucos minutos para anunciar o início do evento aos convidados, a plateia está aposta na expectativa do início da apresentação e etc e etc.   Tudo agora dependerá da sua presença, vamos, vamos, o tempo está se esgotando!

Antes já estava tudo uma trapalhada, neste momento o sistema nervoso, começa a disparar a adrenalina, tudo se anda a passos largos para o desespero total. As coisas começam se tornar uma grande bagunça à casa inteira fica mais desorganizada. No corre, corre, no vira e mexe de uma coisa e outra, consequentemente todas as dependências do lar vai se construindo um cenário de furacão.   O escritório principalmente supera a bagunça do quarto de quaisquer adolescentes.

Numa grande busca a um objeto perdido dentro da casa, as conversas desencontradas, atrapalham mais, do que ajudam.

Assim como, são duas ou mais pessoas procurando, aí sim, começa então, as intermináveis conversações e troca de informações desencontradas, por que estão todos ansiosos, para encontrar tal objeto como se fosse uma caça ao tesouro. A situação começa a entrar em descontrole absoluto. E ninguém mais acha nada e o mais estressante é que às vezes tal coisa, está em frente de todos os caçadores e ninguém; em razão da agitação percebe. Geralmente todos já passaram centenas de vezes diante dele e não os perceberam. Somente depois de todos se acalmaram, relaxarem é que perceberam rapidamente tal objeto importante, que o responsável pelo desenvolvimento do evento não pode ir de mãos, bolso, ou pasta vazia. Pois o mesmo tem muitas funções, informações e utilidades, por isso mesmo não dava para sair de casa sem ele.

Mas finalmente que tal objeto importante poderia ser? Ora! Qual quer um que se possa imaginar. Exemplos, a chave do carro, do cofre, o passaporte, a bilhete da passagem do próximo voo e tantas outras coisas que se perde naquele intente mais inoportuno. Quaisquer um que você possa perder em casa e dará um grande trabalho para encontrar, por mais organizado que seja. Cada um provavelmente, já tenha passado por situações semelhantes. Todavia, coloque seu objeto dentro desta situação ou que já fez você passar por situações iguais algum dia em sua vida.

Num momento de buscar algo perdido dentro de casa somente resta uma coisa a fazer, usar de muita calma.

Manter os objetos importantes em cofres evitará transtornos.
Portanto, diante de uma situação dessa a única coisa a fazer se houver possibilidade é manter a calma. Parar, é o primeiro passo, para fazer uma espécie de reconstrução quem usou a última vez, onde e como? O segundo passo é durante esses   alguns instantes, sentar respirar fundo, tomar uma água e procurar refazer esse trajeto investigativo, quem, onde, quando e como foi usado e o principal onde poderia haver deixado? O terceiro passo é a partir de aí ir tentando lembrar, seguindo estes passos em que, onde e como foi usado, isso poderá facilitará e a ajudará nas buscas. 
Afirmo isso, por experiência e consegui encontrar algo indispensável para a realização de uma atividade, em um local que nunca imaginaria que poderia estar. Há muitos outros métodos de buscas e cada um deve usar o melhor, sobretudo em qualquer circunstância manter a calma. Algo é certo no desespero nada em absoluto se encontrará, a ansiedade atrapalha mais e mais e não ajudará para nada.


Para se ter segurança em procurar objetos perdidos dentro de casa é fundamental que todos tenham calma essa é a palavra-chave num momento de desespero e angústia para encontrar algo perdido e importante que tanto precisa de imediato.

Geralmente é fundamental depois de algum sufoco desses é recomendado manter bem seguro essas coisas importantes, em uma caixa com cadeado, e principalmente em um bom cofre com senha digital e forte, que talvez seja o mais indicado para evitar transtornos futuros.

Comentários

  1. Interessante artigo .
    No mundo atual , num futuro próximo, todos deverão possuir esse objetos para ter um pouco de segurança .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essa situação geralmente ocorre naqueles momentos inapropriados e somente resta uma coisa calma. Se temos a certeza que foi perdido em casa uma hora ou outra se encontrará. Agora se foi não foi aí tudo permanecerá na incerteza e na angustia.

      Excluir

Postar um comentário

Por gentileza deixe seu comentário é muito importante para nosso trabalho.

Postagens mais visitadas deste blog

O abc da mãe e suas qualidades.

As mães e suas qualidades no seu abc. As mães quantas qualidades elas possuem, desenvolvem e as colocam em prática, diariamente, vinte e quatro horas; durante uma vida inteira em prol dos seus filhos. Entretanto, dificilmente os filhos percebem e reconhece está árdua luta das mães e são gratos a elas.  Observem neste singelo texto, quanto as progenitoras fazem para seus filhos.
Estes dons surgem desde quando ela engravida pela primeira vez dão à luz seus filhos (as). Elas no cotidiano colocam em prática através de sua consciência maternal todas suas qualidades de mães para a proteção, provisão e educação dos filhos. O mais estranho e ingrato é que poucos filhos reconhecem a importância da sua mãe enquanto estão juntos. Muitos somente irão reconhecer e se lamentarem a sua real importância quando elas morrem.

Você já rotulou alguém de burro?

É uma atitude preconceituosa para ferir o sentimento de outrem e ruim para o convívio social.Quando alguém utiliza este vocábulo burro para qualificar outrem, somente vem comprovar como muitas pessoas tem uma mentalidade maldosa, preconceituosa e intolerante em relação aos seus semelhantes. É inaceitável como é usado no Brasil o termo “burro” entre as pessoas. Muitos usam de maneira intencional para ofender covardemente os seus semelhantes.  Alguns humanos a utilizam de maneira maldosa, preconceituosa e ofensiva. Isso vem ocorrendo desde o início da colonização até os dias atuais.

Indiferença é este sentimento negativo presente nas relações humanas.

Este sentimento ruim, a indiferença está presente na vida e setores sociais. A indiferença é um dos sentimentos humanos extremamente impresumível inerte em sua índole humana. Todavia, quando é despertada provoca indignação à pessoa alvejada. Este sentimento negativo pode estar infiltrado em inúmeras circunstancias da vida. O mais preocupante é a insensibilidade neste mundo individualista; mesmo diante de muitas amizades virtuais vazias e geladas de sentimentos. Podem-se perceber nas relações familiares em gerais e entre amigos. 
No plano social, há muitas situações onde as pessoas reagem plenamente indiferentes, em relação aos semelhantes nas situações de fragilidade e incapacidade. São característicos dos homens reagirem indiferentemente frente aos problemas de outrem. No âmbito governamental, o sentimento de indiferença é visível e constante por parte das autoridades que se comportam em total indiferença frente aos problemas sociais do povo. Também este sentimento é muito presente ent…