Pular para o conteúdo principal

A dor da alma é uma dor invisível.

http://www.analiseagora.com/
A imagem diz:a dor mais dolorida é a dor da alma.
A DOR DA ALMA.

A dor da alma não se vê cicatriz.
Somente a sente, quem a traz na alma.
Carrega nas entranhas da psique.
Não sabe o motivo da dor;
Nem dar sinal de curar.
A dor da alma é assim, invisível!
Não se sabe de onde vem,
Nem o tempo de sarar!

Existe a dor provocada...
E a dor não instigada.
A dor que some -se sem ver.
Há também a dor eterna do ser!
Está a dor estranha;
É a dor da alma.
Aparece sem se perceber;
É a aquela que não se entende.
Não se vê nada, só dói e dói sem cessar.


Não, sabe do seu por quê;
Sua origem;
Somente doí, dói e dói, interruptamente.
Uma dor sem medida.
Sem motivo;
Uma dor sem fim;
Sem tempo para terminar.
Esta é a dor da alma!

Ela machuca o cerne humano.
A essência humana permanece dolorida.
Agitada, angustiada e solitária.
Faz sangrar o coração;
Sem derramar nada...
Mas dói, dói, dói e dói sem fim!

A dor invisível age assim:
Eu não vejo.
Tu vês.
Ele não vê.
Nós não vemos.
Vós não vedes.
Eles não veem.
Ninguém ver.
Somente eu a sinto!

Quem sente a dor da alma.
Somente pode avaliar como ela dói;
Como ela faz abrasar sem haver fogo,
Ela faz cortar as entranhas do ser sem navalhas.
Como faz sangrar e espraiar dor em todo o corpo.
Sem derramar uma gota de sangue!

A dor da alma faz lacrimejar;
Faz chorar;
Nas escondidas;
A luz do dia, na escuridão da noite;
E na escuridão do ente.
Faz os olhos inchar de tanto chorar;
Faz criar olheiras invisíveis, aos olhos de outrem.
Faz gritar sem alguém ouvir;
O moribundo sofre a dor estranha, silenciosamente!

A dor da alma faz o mortal gemer.
Gemer de dor sem fim; faz gerar
Ser amargo, persona non grata!
A dor invisível só a sente;
Quem está no êxtase da dor.

Quem sofre de dor estranha; sabe
Simplesmente que;
Dói, dói, dói e tão-só dói sem parar.

Não há remédio que cure.
Químico, homeopático, ortomolecular e etc.
Espécie nenhuma, faz aliviar a dor;
Dor inexplicável, e intensa da alma.


A melhor medicação é aquela:
Da compreensão;
Do saber ouvir;
Do forte abraço, do amigo, da amiga, dos vizinhos e etc.
E principalmente de um grande amor verdadeiro.
Aquele amor presente na alegria e na dor.
Este amor faz sarar qual quer tipo de dor visível e invisível.
Só e somente o amor é capaz de curar todas as dores.
De todos os mortais humanos,
Que vivem nas amarguras existências das dores intensas!


Comentários

  1. Respostas
    1. Muito obrigado! Muinha amiga querida,beijos em seu coração.

      Excluir
  2. Que grandeza de escrito de escrito poético!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito brigado pelas lindas palavras de incentivo para que eu possa me atrever entrar no mundo da literatura e aventurar escrever alguns versos poéticos. Volte sempre ao nosso blog analiseagora.

      Excluir
  3. Que grandeza de escrito poético!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa noite! seja bem-vinda ao blog analiseagora . Estou feliz pelo belíssimo elogio. Volte sempre ao blog e tenha uma noite feliz,abraços.

      Excluir

Postar um comentário

Por gentileza deixe seu comentário é muito importante.

Postagens mais visitadas deste blog

O abc da mãe e suas qualidades.

As mães e suas qualidades no seu abc. As mães quantas qualidades elas possuem, desenvolvem e as colocam em prática, diariamente, vinte e quatro horas; durante uma vida inteira em prol dos seus filhos. Entretanto, dificilmente os filhos percebem e reconhece está árdua luta das mães e são gratos a elas.  Observem neste singelo texto, quanto as progenitoras fazem para seus filhos.
Estes dons surgem desde quando ela engravida pela primeira vez dão à luz seus filhos (as). Elas no cotidiano colocam em prática através de sua consciência maternal todas suas qualidades de mães para a proteção, provisão e educação dos filhos. O mais estranho e ingrato é que poucos filhos reconhecem a importância da sua mãe enquanto estão juntos. Muitos somente irão reconhecer e se lamentarem a sua real importância quando elas morrem.

Indiferença é este sentimento negativo presente nas relações humanas.

Este sentimento ruim, a indiferença está presente na vida e setores sociais. A indiferença é um dos sentimentos humanos extremamente impresumível inerte em sua índole humana. Todavia, quando é despertada provoca indignação à pessoa alvejada. Este sentimento negativo pode estar infiltrado em inúmeras circunstancias da vida. O mais preocupante é a insensibilidade neste mundo individualista; mesmo diante de muitas amizades virtuais vazias e geladas de sentimentos. Podem-se perceber nas relações familiares em gerais e entre amigos. 
No plano social, há muitas situações onde as pessoas reagem plenamente indiferentes, em relação aos semelhantes nas situações de fragilidade e incapacidade. São característicos dos homens reagirem indiferentemente frente aos problemas de outrem. No âmbito governamental, o sentimento de indiferença é visível e constante por parte das autoridades que se comportam em total indiferença frente aos problemas sociais do povo. Também este sentimento é muito presente ent…

A quinta sinfonia de Beethoven.

Beethoven e a quinta sinfonia.Beethoven compôs suas obras musicais eruditas na liberdade quebrando velhos paradigmas. O grande gênio da música clássica erudita Ludwig van Beethoven alemão nascido na cidade de Bonn em 1770 e faleceu em 1827 aos 56 em Viena. Um dos grandes compositores do estilo musical erudito, onde no conjunto de sua obra impera a liberdade, ele escrevia suas composições, suas obras quebrando velhos paradigmas da música clássica abrindo novos horizontes para a música erudita.