Pular para o conteúdo principal

Postagem recente.

O ato de 24 de julho, no país contra bolsonaro.

Os brasileiros se fizeram presentes nas ruas contra o governo. A foto mostra como foi o ato em Porto Alegre, RS. Créditos para o site do PT. O dia 24 de julho já entrou para a história das maiores mobilizações do país e do mundo, como um marco de união das esquerdas,  contra este desgoverno que vem de contramão, ao sofrimento  da população. Contra este desgoverno tem  uma prática comum a indiferença às dores do povo em relação às vacinas, fome e desemprego. Como foi mostrado em todo país, as manifestações trouxeram bem claro o apelo pelo impeachment, em defesa da democracia, a agilidade na vacinação,  o combate à fome e o desemprego em todo o país. Estas bandeiras de grandes lutas,   estiveram presentes nas demais manifestações, nesta e certamente nas próximas que virão nos próximos dias. Nos próximos meses e no ano de 2022 essas manifestações poderão ser sim,   praxe porque ninguém mais suporta mais este desgoverno brasileiro. O descaso é total com a nação, desde posse até os dia

As Festas juninas do Nordeste são animadas.

Caruaru e Campina Grande são as capitais do forró do Nordeste.



O gifs mostra como é de uma legítima fogueira junina do Nordeste do Brasil.
O gifs representa a fogueira junina.


Você que não mora no Nordeste do Brasil, se quiser, pode ir lá se divertir com as festas juninas durante todo o mês de junho. Essas festividades ocorrem durante todos os dias, por isso vem esse nome de festa junina. É o período mais animado daquela região do país.


O principal foco são os bailes, ao som da (sanfona, triângulo e outros instrumentos musicais) em todas as cidades, nas duas principais capitais do forró (gênero musical tradicional do Nordeste) Caruaru em Pernambuco e Campina Grande na Paraíba. São nessas duas grandes cidades que a população respira e dança o forró.

O forró é a música mais animada, a mais tradicional dessas duas cidades, é de todo o Nordeste. Geralmente as festas juninas os participantes vão aos salões de bailes vestidos a rigor, estilo caipira. Assim, os salões de festas juninas têm as suas decorações que lembram as coisas roças.

Os turistas invadem o Nordeste em junho.



Nesses dias de festas vem turistas do mundo inteiro para participarem dos badalados divertimentos, em homenagem a São João e Santo Antônio (Esse é conhecido como o prodigioso casamenteiro) da região. Muitos solteiros(a) aproveitam esse período para fazerem suas promessas ao Santo para encontrarem o seu amor. Até alguns afirmam que são atendidos e desencalham no ano seguinte e se casam no mês de junho. Em razão dessa crença que muitos apaixonados, se casam nos meses de maio e principalmente em junho para agradar o Santo que é o gerenciador do casamento.



A culinária e as redes hoteleiras nas festas juninas.



A foto representa uma coleção de pratos à base de milho das festas juninas do Nordeste do Brasil.
As fotos mostram os pratos típicos a base de milho das festas juninas do Nordeste.


Outro forte elemento durante os festejos de junho, é a culinária nordestina, que geralmente é produzida à base de milho. Os habitantes produzem muitos pratos típicos, saborosos e os turistas amam a culinária do povo criativo do Nordeste brasileiro. As redes hoteleiras da região têm uma fatura excelente nesse mês do ano. Os hotéis permanecem com suas capacidades máximas e da mesma forma as pousadas preparadas para receberem turistas do Brasil e do mundo que são exigentes, em conforto e comodidade. Assim também as companhias aéreas faturam alto com as festas de junho no Brasil. Os aeroportos geralmente nesse período ficam lotados, é considerado como alta temporada semelhante à do Carnaval.


O importante é que durante esse período das festas juninas, a economia da região recebe um ótimo fôlego em dinheiro, tudo porque se ampliam os investimentos nos negócios. Muitos trabalhadores conseguem garantir os seus postos de trabalho. O melhor é que até algumas empresas especializadas nas festas juninas aumentam o número de funcionários.


É uma tradição festiva, gerando empregos e bom desempenho na área econômica da região. É como se diz “unir o útil ao agradável”, além disso, ano após ano se renova e se reavivam fortemente as tradições e a Cultura regional.

As fogueiras homenageiam São João, tradição dos portugueses, e se conservam até hoje no Brasil.

As festas juninas são multiculturais, elas têm suas origens dos santos mais populares portugueses. Foram introduzidas a cultura brasileira com presença deles no país desde o período colonial. Essa tradição forte vem ultrapassando gerações e gerações até a atualidade. No entanto, as fogueiras de hoje não são iguais às do passado em vista, do desmatamento florestal. Geralmente quem ainda faz são os nordestinos do interior e as prefeituras para atraírem os turistas na frente dos arraiais. São nesses locais, onde se fazem as fogueiras gigantescas, para chamar a atenção de todos e manter a tradição cultural das festas juninas.


É importante festejar com segurança, evite acidentes.



O gifs mostra uma fogueira de São João, na época das festas juninas no Noderste.
O gifs mostra a fogueira junina.


Portanto, as festas juninas são animadas, mas precisam de segurança. É importante salientar atualmente, o “item” segurança. Com o êxodo rural que ocorreu no país não é aconselhável que se façam fogueiras debaixo da rede elétrica. Se alguém mantém essa tradição é fundamental consultar os órgãos de segurança de sua prefeitura se há condições de fazer fogueiras ou não.


É melhor deixar que as prefeituras façam em locais apropriados e com segurança para evitar incêndios. Outro elemento condenável são os balões causadores de incêndios nesta época do ano. Assim também são as queimas de fogos de artifícios de maneira incorreta que causam muitos acidentes gravíssimos e com lesões irreversíveis.


É melhor abandonar essa prática perigosa e festejar com segurança e alegria. O uso do álcool com direção principalmente nas saídas das festas ou bailes juninos. Somente conduza seu carro se estiver sóbrio, se não estiver peça um amigo para dirigir. Valorize a sua vida e as de outrem.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O abc da mãe, para expressar, as suas qualidades.

As mães possuem suas qualidades no abc da vida.   A imagem diz o  abc da mãe  As mães, quantas qualidades elas possuem, desenvolvem e as colocam em prática, diariamente, vinte e quatro horas; durante uma vida inteira em prol dos seus filhos. Entretanto, dificilmente os filhos percebem e reconhecem esta árdua luta das mães e são gratos a elas. Observem neste singelo texto, quanto as progenitoras fazem para seus filhos.   Estes dons surgem desde quando ela engravida pela primeira vez dando à luz seus filhos (as). Elas no cotidiano colocam em prática através de sua consciência maternal todas suas qualidades de mães para a proteção, provisão e educação dos filhos. O mais estranho e ingrato é que poucos filhos reconhecem a importância da sua mãe enquanto estão juntos. Muitos somente irão reconhecer e lamentar a sua real importância quando elas morrem. Os filhos deveriam observar e valorizar as qualidades da mãe.   Neste simples abc da mãe, todos os filhos deveriam sempre obser

Você já rotulou alguém de burro?

Essa atitude é preconceituosa, ela  ferirá o sentimento de outrem e ruim para o convívio social. A expressão Burro comprova o preconceito  entre as pessoas.  Quando alguém utiliza este vocábulo burro para qualificar outrem, somente vem comprovar como muitas pessoas têm uma mentalidade maldosa, preconceituosa e intolerante em relação aos seus semelhantes. É inaceitável como é usado no Brasil o termo “burro” entre as pessoas. Muitos usam de maneira intencional para ofender covardemente os seus semelhantes. Alguns humanos a utilizam de maneira maldosa, preconceituosa e ofensiva. Isso vem ocorrendo desde o início da colonização até os dias atuais.

Candeeiro ou lamparina antiga, mas muito usado no Brasil.

O candeeiro fez parte da vida do povo nos tempos remotos e na atualidade. Sem luz se usa o candeeiro. Candeeiro é a lamparina , artefato antiquíssimo composta sobre duas partes simples. A sua base é feita de lata comum. Um desenho simplório num formato de uma pirâmide. No topo desta pirâmide usa-se pavio de fabricado de algodão. Ele é umedecido com querosene, que é colocado na parte de baixo, como podemos observar tem uma forma redonda, mas como base piramidal. Este utensílio domestica há muitos anos foram usados no país inteiro até chegar às primeiras transmissões de energia elétrica nas capitais e aos poucos foram se disseminado para o restante do país.