Pular para o conteúdo principal

Postagem recente.

A pandemia da covid-19..

A pandemia do COVID-19 está pressionando fortemente os sistemas de saúde em todo o mundo. *O rápido aumento da demanda de instalações e profissionais de saúde ameaça sobrecarregar alguns sistemas de saúde e impedir sua operação efetiva. Em surtos anteriores, observou-se que, quando os sistemas de saúde são sobrecarregados, a mortalidade por doenças para as quais existem vacinas ou tratamentos também pode aumentar drasticamente. Durante o surto da doença pelo vírus Ebola 2014-2015, o excesso de mortes por sarampo, malária, HIV / AIDS e tuberculose atribuíveis ao colapso dos sistemas de saúde excedeu o número de mortes por Ebola (1,2) .
"A melhor defesa contra qualquer surto é um sistema de saúde robusto", disse o diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus. "O COVID-19 mostra a fragilidade de muitos sistemas e serviços de saúde em todo o mundo e está forçando os países a tomar decisões difíceis sobre a melhor forma de atender às necessidades de seus cidadãos".
Par…

O material escolar encarece o ensino dos brasileiros.

O material escolar encarece a educação desde o ensino infantil ao superior.


A imagem mostra o notebook que muitas escolas exigem e encarece o ensino dos alunos do Brasil.
O notebook vem a onerar a educação dos brasileiros.
A educação no Brasil se torna cara para os alunos por causa dos preços altos dos materiais escolares. Eles   são geralmente inflacionados, pela alta carga tributária. Esta situação ocorre desde o simples lápis, aos livros didáticos que são caríssimos.  O uniforme padronizado do estabelecimento de ensino que divulgam a sua logomarca da instituição educacional.Além dos materiais de informática como Tablet, Notebook, e computadores, indispensáveis nesta era digital.
Onde os estudantes possam ter a sua disposição para pesquisar, muitas aulas são online, os alunos redigem os trabalhos do dia a dia. Todos os anos na volta às aulas  é uma correria enorme, estressante dos pais para comprarem todos os produtos da   composição das intermináveis listas das escolas. Muitos até contraem dívidas pesadas em bancos e financeiras de cartões de créditos para cumprir as exigências das instituições de ensino. As escolas exigem para comprar coisas que já vem embutidas o seu valor no momento em que se efetua a matrícula. Ainda elas diluem os valores junto às parcelas das mensalidades sem os pais percebam. Fiquem atentos nos materiais que são de obrigatoriedade da instituição de ensino comparem e não dos pais e responsáveis dos alunos. Nem tudo o que solicitado é utilizado pelos alunos durante o ano letivo. Muita coisa fica para a escola.

A Rede particular de ensino são as campeãs em pedir materiais em exagero.

As escolas campeãs na cobrança exagerada de material que extrapolam o orçamento familiar são as da rede particulares de ensino. Esta realidade inicia desde a creche ao ensino superior. A rede pública exige menos materiais e mesmo assim ainda se torna pesado para muitos responsáveis pela educação dos filhos comprarem todos os itens das listas de material escolar. Na escola pública tem uma certa vantagem os alunos receberem do governo federal os livros didáticos para todas as disciplinas. Isso vem aliviar o peso financeiro dos pais e responsáveis. Algumas redes municipais de ensino oferecem kits grátis de material escolar para seus alunos, principalmente os mais carentes economicamente.

O transporte é um dos itens onerosos na educação.

Outro elemento que pesa bastante na educação dos alunos é o transporte escolar. Para que os alunos possam ir e voltar em segurança da casa para escola e vice-versa, os pais pagam um preço alto mensalmente. Pense bem! Juntando tudo dar um somatório pesado na formação educacional dos brasileiros, isto a partir do ensino infantil ao ensino médio. A maioria dos pais e responsáveis não   suportam arcar com o peso do ensino.   
Muitos alunos até desistem de estudar porque não conseguem comprar tudo que as escolas exigem nas suas listas de compra de material escolar.
Se nas séries iniciais até o ensino médio já caro estudar. Quem consegue ultrapassar esta travessia e chegar o ensino superior esta realidade que já cara se transforma em caríssima. As faculdades e universidades particulares os alunos sem condições financeiras não consegue pagar.  A não ser que lute para alcançar uma boa nota no ENEM e tenha a oportunidade ser selecionado com os programas do MEC e entrar com uma bolsa de estudo integral nas universidades públicas ou particulares. Ainda assim, o cotidiano do estudante brasileiro de baixa renda é muito sacrificado. Exige muita força de vontade para seguir adiante com os estudos a até chegar a formatura. Muitos trabalham e estudam para poder sobreviver, aos poucos entra em um ritmo intensivo entre trabalhar e estudar gerando estresse partindo para o encerramento precoce dos estudos. É como o sonho de um dia conseguir concluir a formação superior fosse abortada neste instante.

A ralidade do estudante brasileiro é muito difícil.

Portanto, a realidade do estudante brasileiro não é fácil. Se nas séries iniciais os pais e responsáveis têm dificuldade para honrar as exigências das escolas que oferecem um ensino de qualidade esta situação se complica quando os alunos conseguem chegarem ao ensino superior.
As autoridades governamentais precisam serem zelosas com o ensino do povo brasileiro. Os parlamentares devem criar políticas públicas que viessem a beneficiar a todos os estudantes desde a creche ao ensino superior na compra do material escolar. Ora, como é do conhecimento do mundo o Brasil é o país que mais desperdiça dinheiro público em corrupção. São bilhões de reais que abastecem a vala abjeta da corrupção brasileira. Se esta dinheirama fosse aplicada para comprar todos os materiais escolares resolveria a  situação de todos os nossos estudantes.
Todos sairiam ganhando, aluno e país porque o governo estaria investindo na formação dos estudantes. Investindo pesado em conhecimento, ciência e tecnologia de ponta. Somente assim o país começaria sair a curto, médio e longo prazo do vergonhoso Rank 38º lugar da educação em relação ao mundo. Para uma nação que goza de uma riqueza  extraordinária até recebeu a classificação de 7ª economia mundial. Todavia convive com uma contradição que deve ser urgentemente resolvida entre educação e economia. Todos hão de convir que não combina um país rico, mas pobre em educação.



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O abc da mãe e suas qualidades.

As mães e suas qualidades no seu abc. As mães quantas qualidades elas possuem, desenvolvem e as colocam em prática, diariamente, vinte e quatro horas; durante uma vida inteira em prol dos seus filhos. Entretanto, dificilmente os filhos percebem e reconhece está árdua luta das mães e são gratos a elas.  Observem neste singelo texto, quanto as progenitoras fazem para seus filhos.
Estes dons surgem desde quando ela engravida pela primeira vez dão à luz seus filhos (as). Elas no cotidiano colocam em prática através de sua consciência maternal todas suas qualidades de mães para a proteção, provisão e educação dos filhos. O mais estranho e ingrato é que poucos filhos reconhecem a importância da sua mãe enquanto estão juntos. Muitos somente irão reconhecer e se lamentarem a sua real importância quando elas morrem.

Você já rotulou alguém de burro?

É uma atitude preconceituosa para ferir o sentimento de outrem e ruim para o convívio social.Quando alguém utiliza este vocábulo burro para qualificar outrem, somente vem comprovar como muitas pessoas têm uma mentalidade maldosa, preconceituosa e intolerante em relação aos seus semelhantes. É inaceitável como é usado no Brasil o termo “burro” entre as pessoas. Muitos usam de maneira intencional para ofender covardemente os seus semelhantes.  Alguns humanos a utilizam de maneira maldosa, preconceituosa e ofensiva. Isso vem ocorrendo desde o início da colonização até os dias atuais.

Candeeiro ou lamparina antiga, mas muito usado no Brasil.

O candeeiro fez parte da vida do povo nos tempos remotos e na atualidade. Candeeiro é a lamparina, artefato antiquíssimo composta sobre duas partes simples. A sua base é feita de lata comum. Um desenho simplório num formato de uma pirâmide. No topo desta pirâmide usa-se pavio de fabricado de algodão. Ele é umedecido com querosene, que é colocado na parte de baixo, como podemos observar tem uma forma redonda, mas como base piramidal.
Este utensílio domestica há muitos anos foram usados no país inteiro até chegar às primeiras transmissões de energia elétrica nas capitais e aos poucos foram se disseminado para o restante do país.