Pular para o conteúdo principal

O peixe é pouco consumido entre os brasileiros, em razão dos atravessadores onerarem o preço.

O peixe não importa a espécie deveria fazer parte do cardápio continuamente na alimentação dos brasileiros durante os 365 dias do ano. E não simplesmente durante a sexta feira santa de cada ano.
Peixe o alimento mais consumido na sexta feira santa.
O peixe não importa a espécie deveria fazer parte do cardápio continuamente na alimentação dos brasileiros durante os 365 dias do ano. E não simplesmente durante a sexta feira santa de cada ano. Através de sua grande riqueza em nutrientes e sais minerais saudáveis para a saúde de todos. Além de contribuir no balanceamento de uma dieta alimentar correta. O peixe deveria ser indispensável na alimentação das pessoas de todas as faixas etárias. Ele, somente não é possível ser incluído no cardápio, ao menos uma vez durante a semana; por quer é muito caro no Brasil.

É uma contradição nacional  o nosso litoral banhado através do oceano atlântico, além dos rios, lagos e os açudes especializados na criação de peixes. E assim, transformam o nosso país riquíssimo na produção de pescados, mas de baixo consumo entre a população em função dos preços exorbitantes. Somente quem dispõem de um certo poder aquisitivo alto, pode comer peixes continuamente. O restante do povo substitui com outros alimentos pobres em vitaminas e sais minerais.

Para se ter uma ideia, existe uma média de consumo de pescados, apenas 10,6 quilos per capita durante o ano  ou seja, abaixo do recomendado pela OMS que seria no mínimo 12 quilos de peixes para cada  pessoa  ao ano. Ainda é muito pouco consumo pelo seu alto valor nutritivo. Isto significa que poucas pessoas ingerem este alimento precioso para a saúde em nosso país.
A recomendação dos médicos e nutricionistas é que se adotem no mínimo duas vezes por semana na alimentação das pessoas, para ingerirem peixes nas principais refeições. O que se percebe é que esta quantidade não é incluída nas refeições do nosso povo. Isto porque o peixe em nosso país é muito caro. As pessoas desistem de criar hábito de adicionar na comida maiores quantidades de peixes e pescados em gerais em função deste e de outros motivos.

Primeiro o peixe em nosso país é muito caro, pois se incide uma pesada carga de impostos, mais a ganancia dos atravessadores no fim tudo se transforma num preço insuportável e fica de fora da alimentação.   A nossa costa marítima banhada pelo oceano Atlântico, tem uma rica variedade de peixes, mas o atravessador detém o controle absoluto na comercialização dos pescados.  O peixe para chegar à mesa do povo percorre (exagero) um caminho que daria para ir e voltar à lua tranquilamente. Consequentemente para chegar ao prato do consumidor está valendo a preço de ouro.  Então a maioria do nosso povo procura outras formas de alimentação a preços baixos que caibam no orçamento doméstico, mas são pobres em nutrientes em relação ao peixe.

Em segundo, não há uma política pública séria do governo   para eliminar a presença do atravessador, e que pudesse promover a comercialização direta entre pescador e consumidor. Assim, aumentaria mais a quantidade peixes facilitando a concorrência. E com isso, se barateava o preço do peixe no Brasil. Os atravessadores enriquecem estratosfericamente e consequentemente empobrece os pescadores e a alimentação de todos os brasileiros.
Segundo a FAO (Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura) o consumo per capita aumentou de 9 kg/ano para 10,6 kg/ano nos últimos 8 anos. Ainda é muito pouco para uma população de mais de 200 milhões de habitantes. Necessariamente deve haver uma atenção maior nesta área para a alimentação da população brasileira.

Em terceiro lugar o governo deveria fazer uma campanha educativa para incentivar o consumo do peixe diariamente. Explicando os benefícios de comer peixes eles são ricos em nutrientes e sais minerais. Exemplo ferro, iodo, magnésio, cálcio, sódio, fósforo e etc, e em vitaminas A, E, D, B2, B3, B12 e ácido fólico, básicos para o bom funcionamento do corpo e da mente. Elaborar uma campanha a nível nacional transparente afirmar que a gordura da insaturada é benéfica à saúde. Explicar a importância do ômega três para o bom funcionamento do cérebro e do coração. Como é um ácido graxo é também antioxidante consumindo regularmente diminui os triglicerídeos que produz o colesterol bom evitando as doenças do coração, preservar a memória e regular o humor das pessoas e principalmente dos depressivos, etc.

Portanto comer peixe sempre, todos os dias e não apenas em datas religiosas especificas. Como é no período da semana santa em função da tradição católica, onde não se pode comer carne vermelha, mas somente peixes.
Comer peixe sempre!

Portanto, comer peixe sempre, todos os dias e não apenas em datas religiosas especificas. Como é no período da semana santa em função da tradição católica, onde não se pode comer carne vermelha, mas somente peixes.  Todavia para cumprir com as obrigações religiosas a maioria dos católicos comem peixe especificamente na sexta-feira santa. Depois deste dia a população esquece o peixe e volta a comer as carnes vermelhas e em grandes quantidades. A grande maioria do povo somente volta a comer peixe na próxima sexta-feira santa do seguinte ano.

Esta cultura ou mentalidade poderia ser mudada se de fato houvesse interesse do governo investir na alimentação do povo possibilitar a colocar um alimento rico em nutrientes e sais minerais na mesa dos consumidores a preços acessíveis. Exemplo como nas tradicionais feiras do peixe que geralmente duram uma semana de atividades e as pessoas compram alguns quilos de peixes com preços mais barato, porém depois do fim da feira o preço do pescado volta as alturas.


Enquanto não existir esta vontade política para baratear o preço do peixe, o povo somente comerá em razão dos princípios religiosos uma vez a cada ano e depois continuará se alimentando uma comida pobre que levará a obesidade do povo que já é ajustadora no nosso país. Nesta época do ano várias cidades e capitais fazem as tradicionais feiras de peixes para atender principalmente as exigências dos católicos em somente comerem peixes neste dia. Seria muito bom se este hábito fosse permanente durante o ano inteiro.  A sua saúde do corpo e mente agradeceriam. Então, façam um esforço para comer peixe ao menos duas vezes a semana. Em vez de somente comerem carnes vermelhas e embutidos que são prejudiciais ao seu bem-estar. $$

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O abc da mãe e suas qualidades.

As mães e suas qualidades no seu abc. As mães quantas qualidades elas possuem, desenvolvem e as colocam em prática, diariamente, vinte e quatro horas; durante uma vida inteira em prol dos seus filhos. Entretanto, dificilmente os filhos percebem e reconhece está árdua luta das mães e são gratos a elas.  Observem neste singelo texto, quanto as progenitoras fazem para seus filhos.
Estes dons surgem desde quando ela engravida pela primeira vez dão à luz seus filhos (as). Elas no cotidiano colocam em prática através de sua consciência maternal todas suas qualidades de mães para a proteção, provisão e educação dos filhos. O mais estranho e ingrato é que poucos filhos reconhecem a importância da sua mãe enquanto estão juntos. Muitos somente irão reconhecer e se lamentarem a sua real importância quando elas morrem.

Indiferença é este sentimento negativo presente nas relações humanas.

Este sentimento ruim, a indiferença está presente na vida e setores sociais. A indiferença é um dos sentimentos humanos extremamente impresumível inerte em sua índole humana. Todavia, quando é despertada provoca indignação à pessoa alvejada. Este sentimento negativo pode estar infiltrado em inúmeras circunstancias da vida. O mais preocupante é a insensibilidade neste mundo individualista; mesmo diante de muitas amizades virtuais vazias e geladas de sentimentos. Podem-se perceber nas relações familiares em gerais e entre amigos. 
No plano social, há muitas situações onde as pessoas reagem plenamente indiferentes, em relação aos semelhantes nas situações de fragilidade e incapacidade. São característicos dos homens reagirem indiferentemente frente aos problemas de outrem. No âmbito governamental, o sentimento de indiferença é visível e constante por parte das autoridades que se comportam em total indiferença frente aos problemas sociais do povo. Também este sentimento é muito presente ent…

A quinta sinfonia de Beethoven.

Beethoven e a quinta sinfonia.Beethoven compôs suas obras musicais eruditas na liberdade quebrando velhos paradigmas. O grande gênio da música clássica erudita Ludwig van Beethoven alemão nascido na cidade de Bonn em 1770 e faleceu em 1827 aos 56 em Viena. Um dos grandes compositores do estilo musical erudito, onde no conjunto de sua obra impera a liberdade, ele escrevia suas composições, suas obras quebrando velhos paradigmas da música clássica abrindo novos horizontes para a música erudita.