Pular para o conteúdo principal

Postagem recente.

Iluminando Mentes é uma jornada da Alegoria da Caverna à Educação Moderna.

  Da Caverna à Luz: transformando a Educação de forma, compaixão e criatividade. A cena criada por IA da alegoria da Caverna de Plantão. A Alegoria da Caverna de Platão, narrada em A República*, é uma metáfora filosófica atemporal que explora o caráter da realidade, do conhecimento e da educação. Nesta história, os prisioneiros acorrentados desde o nascimento só têm acesso às sombras projetadas na parede de uma caverna, acreditando serem a realidade. Ao se libertar, um prisioneiro experimenta a luz do sol e a diversidade da realidade, retornando à caverna para compartilhar suas descobertas com os outros. A educação moderna, sob diversos aspectos, se assemelha à caverna platônica. Muitas vezes, os estudantes estão confinados em um espaço limitado, recebendo informações sem contexto ou aplicação prática, como se estivessem presos a uma parede. A abordagem superficial limita o desenvolvimento do pensamento crítico e da compreensão mais aprofundada do mundo, perpetuando a ignorância e a al

Quem não controlar o seu consumo sofrerá.

O sofrimento é uma das características inerentes a todos os homens.


A imagem mostra uma estrela de 18 pontas de fundo azul e caracteres em branco e está inscrito: Consumir para compensar a angústia.
Consumir para compensar a angústia.


Ninguém neste mundo e nesta vida está livre de algum tipo de dor. Todos sofrem por enfermidades, por falta de trabalho, comida e vida digna. Outros sofrem por amor não correspondido ou em razão de uma traição. 

Outros sofrem por não ter dinheiro e o mais cruel é o fim das reservas bancárias que o faz sofrer e tirar o sentido da vida.

Existem pessoas tão ricas que pode comprar tudo o que quer e for produzido de mais moderno, sofisticado e prático dos grandes fabricantes de todos os produtos das áreas de tecnologia, carros, mansões e outras coisas mais. 

Não há objeto de desejo para eles, no clicar de seu aplicativo de compras tem tudo em seu domínio. Contudo, ainda que possua tudo, assim mesmo são as pessoas mais infelizes da face da Terra.


No entanto, ao passar o momento da emoção de ter comprado tudo o que desejou volta a ser miserável de espírito. O que foi adquirido em poucos minutos os escravizam? Já não presta mais. Permanece na expectativa de novos lançamentos de tudo o que é material pareceu-se o correto, entretanto, em pouco tempo descobre que tudo isso é algo inverossímil aos seus desejos e sentimentos. Amanhã não vale mais nada! Então, parte para outros caminhos perigosos. Aqui que poderá levar ao precipício das grandes dores e amarguras até o fim da vida.


O homem nunca está feliz com o que tem, sempre busca mais.


É incrível! Contudo, o homem jamais se satisfaz com o que tem e o que adquiriu. Ele permanece nesta ansiedade eterna, para alcançar o impossível e no momento que consegue realizar seu sonho do que parecia inacessível, não demora muito e realiza o seu feito materialista. Essa nova conquista, não demora muito para brotar uma hodierna insatisfação existencial. Há um vazio do sentido da vida e que vem a se sucumbir na sociedade consumista sem limite. Ela apresenta infindáveis, algo novo como sendo a última invenção humana é insubstituível. Não obstante, aparece o ser humano insatisfeito, mais uma vez cai na armadilha do consumo e o faz sofrer para comprar o que seu padrão de vida financeira não o permite adquirir. Infelizmente, esse ser insatisfeito e infeliz vem gerar outras vias e atalhos ilegais para conseguir o que está fora do seu padrão econômico. Quais são as consequências futuras para o ser humano materialista e sofredor? Poderão ser extremamente gravíssimas porque vão responder por todos seus crimes, os quais poderiam ser evitados e viver felizes com que se tem para existir de maneira grata e de bem com a vida.


O sistema capitalista faz muitas pessoas sofrerem, para consumir suas bugigangas descartáveis.


O homem da atualidade ou era digital vive o grande dilema do sistema capitalista para consumir de forma escravagista e numa velocidade sem freios. Nesta nova era da inteligência artificial,  a qual se sobrepõe à digital, entretanto, a produção de novidades, em todas as áreas e aplicativos serão mais intensos nos próximos anos. Contudo, a sociedade será impulsionada a comprar e consumir de maneira frenética porque a inteligência artificial é a moda na tecnologia da informação de vanguarda. No entanto, é necessário muito cuidado para que toda essas parafernálias tecnológicas não venham a te encantar demasiadamente e te causar grandes angústias para obter a qualquer custo. Lembre-se tudo isso são iguais às ondas do mar elas vêm e vão num movimento permanente e sua duração é fugaz.


Como evitar os sofrimentos nesta era tão confusa?


Portanto, os mais diversos tipos de agonias existem e durante toda a existência, evitá-los é impossível. Todavia, o que se pode fazer é procurar evitar pesquisar mais, além daqueles os quais são imprevisíveis. Fique alerta! Todos vivemos na imprevisibilidade de algum tipo de sofrimento existencial quanto a essa realidade, não existe imunidade para nenhum ser mortal e humano. Contudo, nós seres racionais podemos nos precaver de coisas que têm a tendência a desembocar diante de um sofrer sem fim. Fuja rapidamente das coisas fáceis, dos atalhos dos caminhos imediatos tudo isso pode ser sim, grandes armadilhas para uma vida dolorosa.

Todavia, procurar viver na mais profunda simplicidade, esse estilo de vida, pode sim reduzir a dor, entretanto, não significa que alguém irá eliminar as aflições da existência. Este atributo a adversidade e a agrura fazem parte da natureza humana e nenhum homem escapará dele. Não se lamente com o seu sofrer,  porque pessoas em suas adjacências podem sim, está lidando com problemas dez vezes maiores do que o seu. Portanto, todos de alguma forma ou de outra,  têm e administram, as suas dores, algumas com maior ou menor grau de intensidade.


Onde você pode ver in loco, pessoas com mais sofrimentos?

Se você tem a curiosidade de confirmar essa realidade, vai visitar as comunidades pobres do seu bairro e cidade. Lá sim, verás que está reclamando de estômago saciado. Outro local para você comprar quem sofre mais é ir visitar ou fazer consultas e até na imprevisibilidade das circunstâncias da sua saúde permanecer internado num hospital público, ou particular do Brasil. Independente da instituição de saúde verás que a sua dor é mínima em relação às centenas que sofrem e muitas delas já receberam o diagnóstico do médico de que terá pouco tempo de vida. 

LEIA MAIS: Os humanos vivem toda a existência em plena imprevisibilidade.


Portanto, pare de reclamar e seja grato ao que tens e viva no contentamento,  de ter mais saúde, o seu  pão diário, a sua casa para morar e o seu automóvel para se deslocar ao trabalho ou passear com a família. Basta de querer abarcar o mundo das bugigangas tecnológicas que são descartáveis e viver na simplicidade do que você tem e seja grato por tudo.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Candeeiro ou lamparina antiga, mas muito usado no Brasil.

O candeeiro fez parte da vida do povo nos tempos remotos e na atualidade.   Sem luz se usa o candeeiro. Candeeiro é a lamparina, artefato antiquíssimo, composta por duas partes simples. A sua base é feita de lata comum. Pode-se observar que é um desenho simplório, num formato de uma pirâmide. No topo desta pirâmide usa-se pavio de fabricado de algodão. Ele é umedecido com querosene, que é colocado na parte de baixo, como podemos observar tem uma forma redonda, mas como base piramidal.

O abc da mãe, para expressar, as suas qualidades.

As mães possuem suas qualidades no abc da vida.   A imagem diz o  abc da mãe  As mães, quantas qualidades elas possuem, desenvolvem e as colocam em prática, diariamente, vinte e quatro horas; durante uma vida inteira em prol dos seus filhos. Entretanto, dificilmente os filhos percebem e reconhecem esta árdua luta das mães e são gratos a elas. Observem neste singelo texto, quanto as progenitoras fazem para seus filhos.   Estes dons surgem desde quando ela engravida pela primeira vez dando à luz seus filhos (as). Elas no cotidiano colocam em prática através de sua consciência maternal todas suas qualidades de mães para a proteção, provisão e educação dos filhos. O mais estranho e ingrato é que poucos filhos reconhecem a importância da sua mãe enquanto estão juntos. Muitos somente irão reconhecer e lamentar a sua real importância quando elas morrem. Os filhos deveriam observar e valorizar as qualidades da mãe.   Neste simples abc da mãe, todos os filhos deveriam sempre obser

Você já rotulou alguém de burro?

Essa atitude é preconceituosa, ela  ferirá o sentimento de outrem e ruim para o convívio social. A expressão Burro comprova o preconceito  entre as pessoas.  Quando alguém utiliza este vocábulo burro para qualificar outrem, somente vem comprovar como muitas pessoas têm uma mentalidade maldosa, preconceituosa e intolerante em relação aos seus semelhantes. É inaceitável como é usado no Brasil o termo “burro” entre as pessoas. Muitos usam de maneira intencional para ofender covardemente os seus semelhantes. Alguns humanos a utilizam de maneira maldosa, preconceituosa e ofensiva. Isso vem ocorrendo desde o início da colonização até os dias atuais.