O silêncio da noite.

http://www.analiseagora.com/
A imagem mostra na escuridão da noite uma luz  distante a vista 
O silêncio da noite!

Só nós dois, o céu estrelado.
Não havia luar.
Caminhávamos a beira da praia.
O vento soprava, os cabelos voavam.

Juntinhos nos abraçávamos. Completamente apaixonados.
Avistávamos de muito longe uma pequena luz a romper a escuridão da noite.

Escutávamos serenamente as ondas do mar, idêntica a mais linda canção de amor.
Silenciosamente sussurrávamos é lindo!

A noite parecia somente nossa.
Começamos a correr, até se cansar.
A areia da praia estava macia semelhante o mais belo cetim.
Era o nosso tapete mais luxuoso.
O mar preparou exclusivamente para que pudéssemos andar.

Ao se aproximar era uma linda cabana e um fogo de chão.
Para nos aquecer da brisa do mar.
Estávamos cansados, deitamos na areia macia, amamos apaixonadamente.

Adormecemos abraçados durante aquela noite especial.
Acordamos!

O sol estava nascendo.

Nossos olhos brilhando de felicidade.
Este momento singular de amor, nunca mais iremos nos esquecer.



O fogo de chão para aquecer a noite em analiseagora.




Comentários

  1. Que bello Cicero...Tanto el poema como la imagen...Gracias por compartir
    Abracitos con cariño...!!! :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa tarde minha querida amiga Maria Del Socorro Duarte! Muito obrigado pela visita especial ao blog analiseagora. Volte sempre.
      Esta simples poesia saiu da essência do meu ser e por isso mesmo tem muito de um momento real e maravilhoso vivido que ficou difícil de descrever. Todavia, expressei tudo de bom que estevava bem guardado com muito amor e carinho em meu âmago com palavras simples como a própria poesia é, mas de grandiosidade inexplicável para mim. Boa tarde e beijos em seu coração.

      Excluir

Postar um comentário

Por gentileza deixe seu comentário é muito importante.