Pular para o conteúdo principal

A crise econômica está tirando o sono de muitos brasileiros.

http://www.analiseagora.com/
Poucas moedas de 1 um real simboliza uma grande crise econômica. 
Para constatar in loco esta dura realidade é bem simples vá até ao seu   banco ou outros e observe   como estão lotados de pessoas tentando pedir empréstimos a juros de agiotagem e renegociando dívidas antigas que até o momento estão quase impagáveis, também ocorre   nas financeiras as de cartões de créditos. Todo este tremendo esforço do cidadão que é muitas vezes até constrangedor para é para adquirir meios para sobreviver e também para horarem os compromissos, assumidos com o próprio banco, as financeiras e comercio em geral. Esta situação se repete em qual quer banco do país seja ele estatal, privado e nas agências dos bancos estrangeiros. Todos estão evitando que seus nomes caiam na lista dos péssimos devedores e nos órgãos de proteção ao crédito que nestes momentos agem como vassalos da idade média.

Muitas pessoas foram iludidas por quer passaram uma ideia de um país contendo uma economia sólida e que todos possuíam poder aquisitivo pujante.  Houve uma espécie de enriquecimento veloz contagiou a todos. Muitos cidadãos foram classificados rapidamente de classe social de baixa para média. Os critérios para esta classificação não foram questionados e agora se percebe que tudo foi pirotecnia, ninguém mudou de classe social coisa nenhuma! Podem discordar, mas a atual realidade mostra que todos continuam na mesma posição ou pior. O dia a dia mostra isso, não precisa ser perito em economia ou sociologia para sentir na pele que ninguém mudou de vida. 

Neste embalo de uma economia sólida as pessoas sem fazer planejamento e orçamento familiar compraram a mais do que podiam comprar ou seja foram bem mais   além do que ganhavam ou ganham mensalmente. Quando a crise econômica apitou, bateu as portas das casas começo chegar então a desesperança.  Mediamente chegaram os sinais fortes da crise! Muitos trabalhadores perderam seus empregos até hoje não conseguiram colocação no mercado de trabalho. Grandes investidores deixaram o país pela falta de confiança. Vem junto, o desemprego, desvalorização da moeda nacional o real. E consequentemente o fator mais temido por todos a volta da inflação.

Muitos brasileiros herdaram nestes últimos anos pesadas dividas que são legitimas bolas de neve. Esta situação ruim para o país está levando muita gente honesta a não dormir sem saber o que fazer para viver decentemente e quitarem suas dívidas. Para muitos cidadãos tão somente tem a certeza das dívidas e principalmente a responsabilidade de prover a família em suas necessidades básicas, sem saberem como equacionar esta triste realidade. Muitos adocem por quer não dormem com qualidade o suficiente para repor as energias do corpo.

Não adianta querer "tampar o sol com a peneira", a situação está péssima para todos os brasileiros. Esta crise tem suas raízes bem conhecidas pelos economistas e não conseguem reverterem por quer as causas são quase irreversíveis a não ser que repousem todo o dinheiro do povo aos cofres públicos que foram gastos com a maldada copa de 2014 e agora com este novo evento esportivo das olimpíadas do RJ de 2016. Todo o dinheiro de todos os escândalos de corrupção desse e de todos os governos passados que administraram este país nestes últimos cinquenta ou trinta anos.  Não adiante responsabilizar unicamente este atual governo, para fazer justiça é necessariamente cobrar dos governos passados os atos de corrupções que ainda estão debaixo do tape podre da corrupção. Neste atual governo a corrupção está sendo investigada. Quem fez coisas erradas está pagando pelos seus erros e devem devolver o dinheiro público. Não vamos ser injustos os atos de corrupções dos governos destes últimos trinta anos deveriam ser submetidos a meticulosas investigações, serem punidos e devolverem o dinheiro do povo corrigidos pela inflação atual.  Se a justiça fizesse isso seriam um grande passo para o país superar esta crise que afeta a todos sem exceções.


Com o passar do tempo se percebe que também sem exceções os políticos são os primeiros grandes responsáveis pela crise econômica nacional. Estes políticos malditos são os legítimos sanguessugas da nação. Se não houvesse esta classe maldita todo o dinheiro que foi roubado poderia ser bem gerenciado e ter evitado o pais cair num precipício como caiu sem volta e com consequências imprevisíveis para todo o povo desta nação sofrida. Todos estão sendo massacrados pelos efeitos desta crise econômica gerada pelos administradores públicos deste país.       

http://www.analiseagora.com/
Uma nota de Cem Reais do Brasil que está sem poder de compra pela sua desvalorização e a inflação.

Obviamente nunca se pode esquecer que atualmente existe uma crise globalizada onde alguns países estão mais e outros menos afetados. Agora chegou mais uma vez o momento de a nação brasileira sofrer pela falta de emprego e consequentemente de dinheiro gerador de todas as dores de cabeça do povo. Somente quem não sente esta crise econômica em suas vidas são estes malditos políticos brasileiros. Tem aqueles infelizes (velhas raposas) que passam mandatos e mais mandatos governando para eles mesmos. O cidadão honesto e trabalhador que encontrem uma maneira de viver e pagar suas contas e além do mais os pesados impostos cobrados pelos governos de todas as esferas administrativas brasileira para sustentar estes malditos políticos. Quem não pagar estes pesados tributos será penalizado de maneira aterrorizante e corre o risco de perder seus bens como por exemplo a moradia para quitar o débito do IPTU e assim por diante. Agora os maiores sonegadores brasileiros não pagam nada e não acontecem nada com eles. Quer dizer são dois pesos e duas medidas. Quem é rico sonega e não acontece nada e quem é pobre se não puder pagar o IPTU do seu imóvel é encampado pela prefeitura e vai a leilão. Já mais ninguém deve deixar de pagar seus corretamente seus impostos. Quem é honesto deve ser nas mínimas e nas grandes coisas de valores e andar de cabeça erguida. Somente assim terá o sono dos justos. Isto é dormir de consciência tranquila.


http://www.analiseagora.com/
Vender perfume e cosméticos é uma alternativa para vencer a crise econômica.

Portanto, todos hão de convir que é o pior momento dos brasileiros. Situação gerada a médio prazo que desembocou numa profunda anormalidade econômica e vem   dificultar a vida dos brasileiros honestos. Muitos não conseguem dormirem tranquilos sabendo que tem dívidas para quitarem e os bancos não esperam. Atrasou um dia eles cobram juros, multas e correções monetárias.   A única solução é procurar encontrar alternativas rápidas que gerem ganhos para viver e começar a pagar algumas contas mais urgentes. Hoje no mercado existe uma ótima alternativa que são as conhecidas vendas diretas ao consumidor. A famosa venda porta a porta não resolve tudo, mas é uma honesta maneira de trabalhar e conseguir sobreviver durante a crise  texto ancora que não tem data para sair. Todavia ninguém pode permanecer na lamentação, mas ir para a ação em campo, é a melhor atitude. Imprescindível fazer uma ampla e séria   pesquisa de produtos que melhor se vende na crise e começar a vender. Tenho amigos trabalham na área de cosméticos e perfumaria e avaliam como uma ótima saída contra esta realidade ruim que passa muitos brasileiros.        

Postagens mais visitadas deste blog

O abc da mãe e suas qualidades.

As mães e suas qualidades no seu abc. As mães quantas qualidades elas possuem, desenvolvem e as colocam em prática, diariamente, vinte e quatro horas; durante uma vida inteira em prol dos seus filhos. Entretanto, dificilmente os filhos percebem e reconhece está árdua luta das mães e são gratos a elas.  Observem neste singelo texto, quanto as progenitoras fazem para seus filhos.
Estes dons surgem desde quando ela engravida pela primeira vez dão à luz seus filhos (as). Elas no cotidiano colocam em prática através de sua consciência maternal todas suas qualidades de mães para a proteção, provisão e educação dos filhos. O mais estranho e ingrato é que poucos filhos reconhecem a importância da sua mãe enquanto estão juntos. Muitos somente irão reconhecer e se lamentarem a sua real importância quando elas morrem.

Indiferença é este sentimento negativo presente nas relações humanas.

Este sentimento ruim, a indiferença está presente na vida e setores sociais. A indiferença é um dos sentimentos humanos extremamente impresumível inerte em sua índole humana. Todavia, quando é despertada provoca indignação à pessoa alvejada. Este sentimento negativo pode estar infiltrado em inúmeras circunstancias da vida. O mais preocupante é a insensibilidade neste mundo individualista; mesmo diante de muitas amizades virtuais vazias e geladas de sentimentos. Podem-se perceber nas relações familiares em gerais e entre amigos. 
No plano social, há muitas situações onde as pessoas reagem plenamente indiferentes, em relação aos semelhantes nas situações de fragilidade e incapacidade. São característicos dos homens reagirem indiferentemente frente aos problemas de outrem. No âmbito governamental, o sentimento de indiferença é visível e constante por parte das autoridades que se comportam em total indiferença frente aos problemas sociais do povo. Também este sentimento é muito presente ent…

A quinta sinfonia de Beethoven.

Beethoven e a quinta sinfonia.Beethoven compôs suas obras musicais eruditas na liberdade quebrando velhos paradigmas. O grande gênio da música clássica erudita Ludwig van Beethoven alemão nascido na cidade de Bonn em 1770 e faleceu em 1827 aos 56 em Viena. Um dos grandes compositores do estilo musical erudito, onde no conjunto de sua obra impera a liberdade, ele escrevia suas composições, suas obras quebrando velhos paradigmas da música clássica abrindo novos horizontes para a música erudita.