Povo nas ruas em defesa da democracia.

http://www.analiseagora.com/
O clamor do povo nas ruas não vai ter golpe!
Hoje a população brasileira que defende a democracia irá as ruas em todo o país para dizer não ao golpe. Este golpe vem sendo há muito tempo arquitetado pela mídia golpista, partidos de direita e a elite conservadora brasileira. Todos juntos estão unidos para voltar ao retrocesso e por isso clamam pela volta da ditadura militar. Inclusive hoje completam 52 anos. Todos eles também apoiaram esta sangrenta ditadura e agora voltam novamente a ferirem a jovem democracia. Quando não respeitam o atual mando da Presidente Dilma Rousseff, eleita democraticamente através da maioria absoluta dos votos em 2014.
Eles querem de todas as formas interromper um mandato legitimo emanado das urnas e impor alguém que não foi escolhido pela vontade popular. Esta é uma manobra claramente golpista. O povo já mais irá aceitar pacificamente uma eventual interrupção da atual administração em andamento, por um Congresso presidido, pelo próprio Presidente da Câmara que está mergulhado até os olhos em corrupção e quer comandar um processo de impeachment como se nada pesasse contra ele e também muitos deputados desta casa legislativa brasileira.   

Somente no Brasil acontece estas atitudes que são contrassenso.  Ora!  Autoridades corruptas querendo presidir uma interrupção de uma presidente da República. O mundo tem que saber destas aberrações e apoiar a nossa democracia contra o golpe da elite reacionária que sempre comandou este país a mão de ferro por mais de 500 anos. Eles não aceitam um governo democrático e popular. Por isso que eles insuflam o ódio, e a intolerância política em nossa nação que foi sempre unida. Hoje assistimos um país lamentavelmente dividido em relação a ideologia. Uns defendendo a democracia e outros querendo o obscurantismo político.

Portanto, contra tudo isso, os cidadãos devem tomar as ruas e exigir das instituições democráticas brasileira, que respeitem a nossa democracia. E principalmente todos gritarem em alto e bom tom não ao golpe! Todavia organizado pela mídia golpista, os partidos de direita e a elite reacionária brasileira. Eles vêm   planejado este golpe desde o dia em que o TSE divulgou resultado oficial das eleições de 2014 até o momento não aceitaram este resultado das urnas. Agora estão mais furiosos e raivosos para concretizarem este golpe recheado de ódio, preconceito e discórdia   bem planejado pela elite reacionária deste país. ‘Não vai ter golpe, pode ter luta’!