Ladrões de tempo.

http://www.analiseagora.com/
Atenção cuidado com os ladrões de tempo em sua vida.
Como diz a máxima “tempo é dinheiro” na realidade é mesmo! Principalmente nos dias atuais onde a força de trabalho é calculada em tempo. Dependo do tipo de negócio e trabalho que você gerencia ou labuta, tempo roubado equivale a dinheiro perdido ou roubado. Ora! Todos os segundos, minutos e horas desperdiçados vão juntos muito dinheiro. No final do dia e do mês o prejuízo é grandioso e sem volta. Hoje vivemos cercados de ladrões de tempo de todos os tipos nem os percebemos. Contudo, basta ligar o computador ou qualquer dispositivo móvel conectado à internet para surgirem os ladrões de tempo diversos. Estes surgem de todos os lados, tipos, formas e são ardilosos. Se não tomarmos cuidados queimamos preciosos tempo de nossas vidas navegando sem, ganhar nada e sem chegar a lugar nenhum.
Na vida real não é muito diferente existem várias espécies de ladrões de tempo que atravessam o nosso caminho diariamente. Em todos os setores onde trabalhamos e atuamos permanentemente.
Contudo, entre tantos setores de atividades o de vendas, é o que mais se encontra ladrões de tempo, em maior frequência.  Pessoas que literalmente roubam o seu tempo sem nenhum constrangimento. São aquelas pessoas que prometem comprar ou vender alguma coisa e não vendem ou simplesmente não compram.

Quanta vezes se ouve tocar o telefone é os vendedores da call Center, os conhecidos vendedores de telemarketing querendo vender quaisquer produtos que você não tem interesse nenhum de adquirir. Principalmente os vendedores de cartões de créditos. A maioria destes, são insistentes e até mesmo inconvenientes, procuram de todas as formas venderem o que a você não quer. Você durante a conversa de maneira educada procura despistá-los, mas não tem jeito. Não resta outra solução é pedir de forma ríspida para encerrar o diálogo indesejado. Neste período tem-se perdido muito tempo, dinheiro, sobretudo paciência e muita saúde foram embora. São trabalhadores querendo viver honestamente de seu trabalho. São óbvios que não são todos inconvenientes, muito percebe imediatamente quando a pessoa não quer o produto e imediatamente encerram a proposta de venda.
Porém, com todo o respeito tem aqueles que tiram a paciência. São realmente aqueles despreparados, inexperientes que comentem erros graves no momento de conquistar novos clientes e terminam se frustrando por que não soube vender seu produto e ainda aborreceu futuros clientes, para seu negócio ou trabalho da empresa.

Tem outra leva de ladrões de tempo são aqueles que roubam os seus momentos quando prometem comprar algum produto seu e não compram. Mesmo sabendo que não pode adquirir o produto oferecido, ainda assim faz o vendedor perder seu tempo precioso que equivale a dinheiro. Quem é vendedor sabe quantas vezes se perde outras oportunidades boas vendas para outros clientes, por quer o seu tempo foi roubado, anteriormente por outras pessoas, irresponsáveis que simplesmente passaram uma ilusão, uma falsa promessa de comprar. Com isso foram perdidas muitas horas ou até mesmo dias na esperança de fechar certo negócio com estas pessoas. Todavia, somente souberam roubar o seu tempo. Entretanto, quando chegar no momento exato de fechar a venda ou assinar o contrato de compra e venda a pessoa diz não.

http://www.analiseagora.com/
Os ladrões de tempo atravessam a nossa vida diariamente.

Portanto, em nosso meio existe os ladrões de tempo e se encontra facilmente a única saída que existe é está também preparado para não deixar que estas pessoas não roubem o seu tempo. Isso vale não somente para os negócios, mas também para todas as circunstancias da vida. Se fosse listar teríamos uma grande lista de ladrões de tempo que passam por nossa vida e roubam sem dó e piedade o nosso tempo.
No item amor quantos ladrões de tempo existem de ambos os sexos que roubam o sentimento alheio e também o seu tempo que em certos casos são quase uma vida inteira. Somente depois de uma ocasião percebe que perdeu seu tempo com pessoas que imaginava que amava e não ama e vice-versa. E assim por diante, passam todos os dias em nosso caminho osladrões de tempo, que muitas vezes não percebemos. Somente compreendemos que fomos roubados quando tudo já aconteceu, é fato consumado.

Todavia se deve estar atento ao negociar seja uma compra ou venda, avaliar se está valendo dedicar mais um pouco de tempo ou não, caso contrário partir atrás de novos clientes para fechar negócios. Assim também vale para outras circunstancias de a vida fazer uma profunda avaliação para perceber se não estamos sendo roubado o nosso tempo e se a afirmativa for correta não resta alternativa a não ser sair da zona de conforto e buscar outras formas de compensar o tempo roubado.