O primeiro de maio de 2015 vai ser de protestos.

O PRIMEIRO DE MAIO NO BRASIL E NO MUNDO DEVE SER DE PROTESTOS PARA DEFENDER OS DIREITOS DOS TRABALHADORES.

 Primeiro de maio no Brasil todos na rua para defender direitos 

Geralmente o primeiro de maio feriado internacional é para festejar o dia do trabalhador e do trabalho. Sempre foi e será, esse momento de festas e protestos em todo o mundo. Este ano no Brasil não vai acontecer festa. O trabalhador não tem nada o que festejar. Somente têm a lamentar, a se preocupar e protestar contra tudo que está acontecendo em nosso país. 
Vivemos um momento seríssimo de varias crises. A crise econômica, inflacionária, desemprego, corrupção, roubo de diretos trabalhistas, violência contra os trabalhadores que vão as ruas protestarem, reivindicando direitos, reajustes salarias e greves etc. O Brasil vive o pior momento contemporâneo de sua história. A crise econômica e a recessão chegaram e não vislumbram data para irem embora e deixar o nosso povo viver em paz e trabalhando.

Neste primeiro de maio de 2015, esperamos ser um dia de grandes protestos dos trabalhadores brasileiros para defender e reivindicar seus direitos. Direitos esses roubados pela Câmara Federal, quando aprovaram a PEC 4330. Com este projeto de lei aprovado dia 22/04/2015. Os Deputados Federais simplesmente mantiveram possibilidade de empresa terceirizar atividade-fim.  Esta PEC resgata a escravidão brasileira revogada pela Princesa Isabel em 13 de maio de 1888. Mesmo que faltem algumas votações até chegar à mesa da presidente Dilma Rousseff para ser sancionada, tudo pode ou não mudar. O povo nas ruas pressionará o governo a tomar uma posição favorável aos trabalhadores.



Porém o que se nota é uma grande disposição dos senadores votar por unanimidade a lei da terceirização do trabalho sem garantias trabalhistas. Tudo indica que vai passar pelo Senado sem grandes modificações. Essa escravidão somente deixará de ser implantada no país se a Presidenta da Republica vetar completamente. Ainda existe essa faísca de esperança para os trabalhadores brasileiros se livrarem dessa escravidão oficial. Entretanto, é fundamental que a manhã os trabalhadores estejam nas ruas organizados através de seus sindicatos e suas centrais sindicais para protestar contra esse projeto maléfico a vida do trabalhador brasileiro



Confronto entre servidores e PM. Muitas bombas são usadas pela polícia:(Foto: Banda B)
Portanto, esse primeiro de maio mostra ser bem diferente dos demais. Ontem dia 29/04/2015 o governo do Estado do Paraná reprimiu violentamente os professores em greve. Quando os mesmos foram impedidos de se aproximarem da assembleia legislativa daquele Estado. Lá os deputados votavam projetos de lei que modificaram o sistema de previdência dos professores. O que se viu foram cenas de guerra contra educadores. Eles simplesmente lutavam para defender seus direitos previdenciários. É fundamental que todos os trabalhadores venham para as ruas protestar pacificamente para defender seus direitos tirados pelos deputados. E impedir que esse projeto nocivo seja impedido de seguir adiante no Senado onde lá se encontra para apreciação, votação e aprovação. Além de exigir o fim da inflação, corrupção e cobrar que o nosso país venha voltar a crescer e todos venham respeitar a democracia. Mesmo assim, o blog analiseagora deseja um feliz dia primeiro de maio onde os governos possam respeitar os direitos e a integridade física e moral dos trabalhadores do Brasil e do mundo.