Já começou o segundo turno das eleições de 2014.

AS ELEIÇÕES AINDA NÃO TERMINARAM, MAS TEM MUITAS NEGOCIAÇÕES E TRABALHO A SEREM FEITOS PELOS MELHORES PONTUADOS NO 1º TURNO.

negociações do 2º turno um vicio da democracia

As eleições ainda não terminaram faltam muita a ser feito pelos partidos, filiados e simpatizantes. E abundantemente a serem negociados entre os dois candidatos primeiros colocados e os derrotados. Esta realidade ocorre nas esferas estaduais e federal em busca do comando do poder executivo. Onde em alguns Estados da Unidade Federativa, haverá eleições para o segundo turno claro, para presidente da República do Brasil o cargo máximo do poder disputado entre dois candidatos.  

Os candidatos derrotados que conseguiram  um ótimo percentual de votos eles irão em absoluto negociar seu apoio aos concorrentes a ou b em troca de cargos. Aqui no Brasil são conhecidos estes cargos como “tetas” para mamar deitados durante quatro anos da gestão do vitorioso (a).
É um dos vícios da democracia brasileira que urgentemente deve ser mudado com a tão esperada reforma politica. O candidato derrotado não poderia exercer nenhuma influencia sobre os eleitores que votaram nele,é uma nova eleição. Por lei os partidos liberassem os filiados e simpatizantes votar em quem quiser de acordo a sua consciência e as melhores propostas para administrar o país.  
Somente assim havia uma grande possibilidade de eliminar esta prática que envergonha a nossa democracia. Dar apoio formal em troca de ministérios, cargos de primeiro,segundo,terceiro escalões, etc.

Imagem  fotos dos candidatos e infográfico do G1

Todos nós somos livres para votar em quem quisermos concomitante se estamos de acordo com o programa de governo. Não precisamos de “capitão do mato” para dizer em quem votar. Não existe voto de “curral” e nem de “cabresto” para votar em alguém. Primeiro vivemos em uma democracia e em segundo temos a Constituição Federal em seu artigo I e paragrafo único que diz 'o poder emana do povo', e uma lei eleitoral nº 12.891/13 que nos garante que o voto seja livre e secreto.  
Portanto, o segundo turno já começou no momento em que foram anunciados os números de votos validos para um lado e outro. Tanto para o poder executivo estadual e federal. Agora vai ser uma nova eleição bem determinada, com concorrentes definidos e suas propostas também claras, onde o eleitor terá mais capacidade de ver qual a direção este ou aquele candidato quer levar o estado ou o Brasil.