Pular para o conteúdo principal

Acampamento farroupilha.


OS GAÚCHOS DEIXAM O ACONCHEGO DE SUAS CASAS PARA HABITAREM E CONFRATERNIZAREM NO ACAMPAMENTO FARROUPILHA.

acampamento farroupilha no parque da harmonia em Porto Alegre RS

Os gaúchos tem uma maneira peculiar e tradicional de relembrar a guerra dos farrapos que ocorreu em 1835-45 contra o império brasileiro. Tudo ocorre durante a conhecida e famosa semana farroupilha, que é sempre no parque da harmonia entre os dias 07 a 20 de setembro, inclusive neste dia é feriado estadual. 

Acontece o desfilhe temático na capital e em quase todas as cidades do RS que encerram os festejos farroupilhas quando acontece oficialmente há a extinção da chama crioula geralmente pelas autoridades do estado e representantes dos movimentos tradicionalistas.    O ritual de ascender à chama crioula no dia 07 com uma centelha do fogo simbólico da Pátria. É organizado em alguma cidade do estado já escolhida no ano antecedente aos festejos folclóricos farroupilhas. Em 2014 foi realizada esta cerimônia tradicionalista na cidade de Cruz Alta para percorrer todos os 496 municípios gaúchos, transportadas por vários grupos de tradicionalistas montados a cavalo.

É uma festa gigantesca entre os gaúchos muitos deixam o aconchego de seus lares para passarem todos os dias acampados entre familiares e amigos para terem uma noção como viviam os guerreiros farrapos e fazerem uma grande confraternização racionalista. Neste período se eleva o número de turistas de outros estados e fora do país para visitarem Porto Alegre, participar e prestigiar esta façanha memorável dos gaúchos.
os tradicionalistas levando a chama crioula a cavalo.

Além dos 400 piquetes tradicionalistas fixos, mais conhecidos como: Grupo de Tradições Gaúchas (CTGs) durante este período festivo, milhares de pessoas visitam por dia o parque da harmonia em Porto Alegre para esta festa regada a chimarrão, churrasco, música regionalista gaúcha e, sobretudo muita cultura que retrata como era a vida do povo durante a guerra dos farrapos e a vida do gaúcho atual. Sempre procurando retroceder aquela época num grande momento ufanista; misturando os hábitos antigos a modernidade.  

Toda esta festança gaúcha acontece ao lado do lago do rio Guaíba; um lugar apropriado para muitas inspirações musicais, danças, culinária, poesias, romantismo e muito saudosismos.  Este palco natural ao ar livre serve para difundir a maior festa folclórica do RS. Contém uma área que abrange 65 hectares de terra para abrigar esta multidão dia e noite. O parque harmonia possui um nome oficial designado por lei municipal nº 5885 desde 25 de março de 1987, que passou a ser denominado de parque Maurício Sirotsky Sobrinho.

a chama crioula permanece acesa no imaginário do gaúcho como símbolo de luta 

Contudo os cidadãos preferem preservar na memória o antigo nome de parque da harmonia, pois o próprio nome já traduz o desejo de todo o povo gaúcho, brasileiro e mundial que na atualidade somos sedentos por harmonia entre todos os povos. A semana farroupilha além de celebrar a memória dos heróis farrapos deixa um legado de paz para a geração atual preservar todos os anos. Por isso que entre os gaúchos é mais conhecido como parque da harmonia do que o nome oficializado pela prefeitura porto-alegrense. Deste modo, entre tradição, folclore e a busca incansável da caracterização do gaúcho; resultam na luta de todos por paz, e harmonia entre todos os gaúchos, brasileiros e todos os povos do mundo.

Postagens mais visitadas deste blog

O abc da mãe e suas qualidades.

As mães e suas qualidades no seu abc. As mães quantas qualidades elas possuem, desenvolvem e as colocam em prática, diariamente, vinte e quatro horas; durante uma vida inteira em prol dos seus filhos. Entretanto, dificilmente os filhos percebem e reconhece está árdua luta das mães e são gratos a elas.  Observem neste singelo texto, quanto as progenitoras fazem para seus filhos.
Estes dons surgem desde quando ela engravida pela primeira vez dão à luz seus filhos (as). Elas no cotidiano colocam em prática através de sua consciência maternal todas suas qualidades de mães para a proteção, provisão e educação dos filhos. O mais estranho e ingrato é que poucos filhos reconhecem a importância da sua mãe enquanto estão juntos. Muitos somente irão reconhecer e se lamentarem a sua real importância quando elas morrem.

Indiferença sentimento negativo presente nas relações humanas.

A indiferença está presente na vida humana e   setores da sociedade. A indiferença um dos sentimentos humanos extremamente impresumível inerte em sua índole humana. Todavia, quando despertada provoca indignação à pessoa alvejada. Este sentimentonegativo pode estar infiltrado em inúmeras circunstancias da vida. O mais preocupante é a insensibilidade neste mundo individualista; mesmo diante de muitas amizades virtuais vazias e geladas de sentimentos.
Podemos perceber nas relações familiares em gerais e entre amigos. No plano social há muitas situações onde as pessoas reagem plenamente indiferentes em relação aos semelhantes nas situações de fragilidade e incapacidade. São característicos dos humanos reagirem indiferentemente frente os problemas alheios. No âmbito governamental o sentimento de indiferença é visível e constante por parte das autoridades que se comportam em total indiferença frente aos problemas sociais do povo. Também este sentimento é muito presente entre nação dominante …

Quando a ganância vem ofuscar a razão.

Quando a razão é ofuscada pela ganância do ter, o homem caminha para autodestruição do ser.A ganância um dos sentimentos inatos dos homens carregados de muitas perversidades próprias de sua natureza pecaminosa e insaciável para querer tudo que os sentidos percebem. Averiguada, desde o início da humanidade até os dias de hoje, tem causado muitas dores e sofrimentos ao ganancioso e a sociedade. Na atualidade surge com mais intensidade e métodos extremamente nefandos para conseguir os desejos materiais impossíveis, muito dinheiro e poder sem limites. O brilho das moedas recebidas de maneira fraudulenta vem ofuscar a razão deixando a entorpecida para qualquer tentativa de chamar a reflexão, a sanidade humana, fundamentada nos valores éticos e morais.