Admitir o erro é nobre.

RECONHECER O ERRO É UM ATO DE GRANDEZA É SABER QUE NINGUÉM ESTÁ IMUNE AO ENGANO.

Todos erram, o mais difícil é reconhecer o erro e pedir desculpas a nação é nobre foi o que fez o IPEA. A pesquisa que este renomado Instituto fez sobre o comportamento social que e dizia que 65,% da população apoiavam o ataque ou estupro as mulheres que usavam roupas que mostrasse o corpo, estava errada. Inclusive um dos responsáveis por esta pesquisa errada pediu exoneração de suas funções. Desde o inicio quando esta pesquisa foi divulgada foi estarrecedora algo mostrava que estava errado. Não necessitava ser um técnico ou cientista em pesquisas para perceber que havia erros, qual leigo atento pode notar erros e jamais concordaria com estes números que foram divulgados. O dado não condiz com o pensamento do povo brasileiro majoritariamente. Não vou ser leviano afirmar que não existe violência contra as mulheres no Brasil. Existe sim, porém, nestas proporções em que a pesquisa apurou. A nação brasileira tem o dever de exigir tolerância zero da violência em geral e principalmente contra as mulheres.
a admissão de erro é um ato de grandeza

Todos erram, o mais difícil é reconhecer o erro e pedir desculpas a nação é nobre foi o que fez o IPEA. A pesquisa que este renomado Instituto fez sobre o comportamento social que e dizia que 65,% da população apoiavam o ataque ou estupro as mulheres que usavam roupas que mostrasse o corpo, estava errada. Inclusive um dos responsáveis por esta pesquisa errada pediu exoneração de suas funções.
Desde o inicio quando esta pesquisa foi divulgada foi estarrecedora algo mostrava que estava errado. Não necessitava ser um técnico ou cientista em pesquisas para perceber que havia erros, qual leigo atento pode notar erros e jamais concordaria com estes números que foram divulgados. O dado não condiz com o pensamento do povo brasileiro majoritariamente. Não vou ser leviano afirmar que não existe violência contra as mulheres no Brasil. Existe sim, porém, nestas proporções em que a pesquisa apurou. A nação brasileira tem o dever de exigir tolerância zero da violência em geral e principalmente contra as mulheres.
Hoje as mulheres não somente do Brasil, mas também do mundo, não aceitam serem violentadas por maníacos que estão espalhados por todo o mundo. Ainda no Brasil lamentavelmente tem homens covardes e entre eles que batem estupram mulheres e muitas delas não os denunciam fazendo ocorrência policial. No Brasil existe a lei Maria da Penha que dar proteção total as mulheres e põe na cadeia os homens covardes e violentos que surram e estupram mulheres.  Muitas se são ameaçadas e se escondem no medo. Em contra partida estes covardes, que usam da força contra as mulheres continuam soltos, sem punições. Esta realidade cruel vai levar alguns anos para mudar. É questão de mentalidade, os órgãos públicos, lei e ONGs devem trabalhar neste sentido fazendo campanhas conscientizadoras em todas as mídias para transformar esta cultura negativa do medo em uma cultura positiva da coragem. Para que as mulheres vítimas de todos os tipos de violência não permaneçam no silencio da dor. Ninguém poderá viver na dor provocada pelas ameaças e chantagens de qualquer espécie, organizada por qualquer pessoa mal intencionada e covarde.  

Portanto, ninguém está imune às erros mesmo os grandes institutos que são especializados em fazer pesquisas importantes para a sociedade, à grandeza está no reconhecimento do erro e pedir desculpas ao povo. Mesmo que este índice de 26% esteja correto e que concordam com “ataques às mulheres que usam roupas que mostram o corpo”. É um índice elevadíssimo, jamais concordarei com este grupo que pensa violento e o nosso país não merece este rótulo  de truculento, a sociedade como um todo tem a obrigação de lutar contra todos os tipos de violência em nosso país e principalmente com as mulheres. Os poderes públicos e os nossos governantes e parlamentares devem pensar em construir politicas públicas eficazes para combater e erradicar a violência de nosso país a curto, médio e longo prazo.   Exigir do estado brasileiro a paz deve ser o alvo de todos os cidadãos e cidadãs. Pois a vida é vida: é única, linda, e exigimos zelo, respeito e valorização permanente e exaustivamente.      

Comentários