O hábito de dormir e despertar cedo se adquire ao longo da existência.

OS HÁBITOS PRÓPRIOS DE CADA CICLO DA VIDA.

o por do sol nos desperta o hábito de dormir cedo

A vida dos humanos é constituída ao longo de sua história, de seus ciclos, fases, períodos cada um pode definir como achar melhor, mas todas têm suas caraterísticas e seus hábitos próprios para cada momento especial de sua história. Apenas vou fixar simplesmente em um hábito importante que muitos executam em certa fase da existência devido a muitos fatores que os levam ao hábito adequado de cada pessoa dormir e acordar cedo.     
Chega um período da vida que mudamos de hábitos sem perceber por si só, já estamos condicionados a fazer coisas que antes era uma tremenda dificuldade para praticar espontaneamente. Estou falando no hábito de ir dormir e despertar cedo. Não adianta insistir chegou aquele horário clássico, mesmo diante de todos os apelos que a internet, televisão ou outros meios de entretenimentos, muitas pessoas obedecem aos apelos preciosos do sono. Isto pode ser espantoso para muitas pessoas, mas também é saudável para a vida de muitos outras que vão formando um grande time, uma seleção que tendo seus hábitos próprios e procuram praticar frequentemente.

Tenho percebido de alguns anos para frente este hábito tem-se repetido de uma forma frequente e intensa. Isto para não dizer condicionado a fazer quase mecânica e automaticamente este novo modo de viver. Uma fase da vida que era muito difícil ir dormir cedo as noites parecia curta demais para tantos atrativos e consequentemente o dia apresentava-se pesado, meio arrastado e longo demais. Hoje tudo está sendo o contrário.
A noite chega e passa velozmente, isto quando não bate a temida insônia. Agora os dias ficam curtos cheios de muitas dificuldades para até cumprir com os compromissos agendados. Principalmente sem condições enérgicas para a conclusão das metas pensadas no dia anterior.  São coisas simples da vida que vem chegando, sem pedir licença se pode entrar ou não no ritmo da vida e vai permanecendo na vida de forma inflexível. Quando percebemos estamos vivendo um novo estilo de vida e a melhor maneira de ser feliz é curtir saudavelmente e de maneira criteriosa este novo estilo de vida.



O ser humano é assim, mesmo tem seus ciclos naturais que vem brotando e o nosso ser começa aceitar sem que provoque grandes transtornos na própria estrutura física e psíquica. Contudo, pensando melhor e nos damos por conta de que nada nesta vida ocorre por acaso ou sem um motivo que provoca esta mudança no novo modo de viver. A conclusão que me parece mais convincente é cada pessoa tem seu motivo imprevisto para estas mudanças de vida surgirem. Portanto, esta realidade acontece por muitos motivos seja por doenças, idade ou outras causas que cada um compreende qual delas se adéqua. Assim somos todos os humanos temos nossas fases de vida cada uma com suas características próprias desde que nascemos até o último segundo que paramos de respirar o sopro de vida. O importante é viver todos os segundos da vida de maneira intensa fazendo o que gosta. Há também aqueles por circunstâncias diversas que os levaram a fazer o que não gosta, mas que façam como aprendizado para amadurecer e ser feliz.