Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2013

O desenvolvimento humano do é lento

VINTE ANOS PARA AUMENTAR A QUALIDADE DE VIDA NO BRASIL

Não vamos ser tão radicais para afirmar que o país não está desenvolvendo. Está sim, mas de uma forma lenta e desigual. Há um processo de crescimento nos índices sociais de desenvolvimento humano em diversos municípios brasileiros. Já mais podemos nos contentar ao ritmo deste desenvolvimento social que poderiam ser mais acelerados. Temos um ritmo lento para resultados não tão expressivos em proporção ao tempo para alguns dígitos no Rank nacional entre os municípios brasileiros.

Foi o que mostrou esta pesquisa da ONU e que agora foi divulgada. Fica evidente o lento ritmo para alcançar um pequeno avanço nos índices na melhora do desenvolvimento humano no Brasil. O IDHM (índice de desenvolvimento humano municipal) é um índice composto por três indicadores de desenvolvimento humano: longevidade, educação e renda. Segundo está pesquisa de 1991 a 2010 o país chegou ao índice de 47,5% de desenvolvimento. Dados pesquisados nos 5.565 mun…

A vida dentro dos cadastros e arquivos da sociedade

OS HUMANOS VIVEM EM SOCIEDADE DESDE O NASCER AO MORRER ENTRE CADASTROS E ARQUIVOS.

Você já parou alguns minutos de sua vida e já pensou em quantas vezes preencheu cadastros e mais cadastros em diversos departamentos públicos, ou de empresas privadas, igrejas, cartórios, bancos, instituições financeiras, escola, universidades, sindicatos, clubes, lojas, supermercados, etc. Ou preencheu formulários e mais formulários cadastrais em contas da internet que, constam os seus dados pessoais, além daqueles bancos de dados que poucas pessoas sabem como seus nomes foram chegar até lá. Estes incluem o seu nome e dados pessoais sem permissão. Isto ocorre desde que você nasceu até o último cadastro, que emitirá a sua certidão de óbito. Existem os famosos arquivos mortos é bom deixar bem claro que estes arquivos mortos não são daqueles onde as pessoas permanecem vivas. Ligadas a uma serie de documentos inativos, mas que pela lei devem ser guardados por até vinte anos. Até existem empresas especial…

Imigração e colonização alemã no RS.

O vale dos sinos comemora o dia da imigração e colonização alemã. Hoje faz 192 anos que chegaram as primeiras famílias imigrantes alemães encarregados de uma missão muito nobre e ao mesmo tempo difícil, promover a colonização desta área da região sul do Brasil, a província do Rio Grande do Sul. Esta região estava ameaçada pelos vinhos e irmãos de origem castelhana. Mais precisamente em 25 de julho de 1824 chegaram a São Leopoldo as margens do Rio dos sinos aproximadamente 39 famílias alemãs.Estes imigrantes eram procedentes de Hunsrück, Saxônia, Württemberg e Coburgo (Baviera) Alemanha. Depois vieram várias outras famílias de diversas partes da Alemanha e que foram trazidas e distribuídas em toda a região do vale dos sinos.
O blog analiseagora presta uma singela homenagem a todos estes bravos imigrantes alemães que chegaram nesta nossa região do sul do Brasil e através de muitas dificuldades naquela época conseguiram de uma forma determinante enfrentando todas as intempéries inesperada…

O frio do Brasil e seus contrastes sociais.

Nesta matéria apenas irei refletir sobre os contrastes sociais que o frio causa para a população. O frio do sul do Brasil tem alegra e preocupação para muitas pessoas. São os dois lados do mesmo fenômeno meteorológico o frio que é tão ansiosamente desejado e esperado por muitas pessoas e ao mesmo tempo temido por outras pessoas socialmente despreparadas devido às péssimas condições financeiras. Quanto aos aspectos técnicos só cabe aos profissionais da meteorologia analisar e comentarem metodicamente cada movimentação deste episódio gélido destas regiões brasileiras.   Estes últimos dias vários meteorologistas vêm alertando para a maior queda na temperatura nas regiões sudeste e principalmente na região sul do Brasil.
Momento muito esperado de grandes expectativas para uns e preocupação para uma grande maioria da população. Muitos especialistas no assunto preveem brusca queda na temperatura provocando: neve, chuva congelada e frio intenso como nunca visto durante há vários anos. Para os…

Jornada mundial da Juventude construindo um mundo melhor.

Jorna mundial da juventude já tem sua história desde os anos 80.

A Igreja Católica tem esta grande missão de cuidar bem da sua juventude e para isto sempre procurou promover eventos desta envergadura internacional envolvendo os jovens católicos, mas o convite é estendido a todos os jovens do mundo. Para isto o papa João Paulo II pensou nesta feliz ideia de promover a cada período de três anos em países diferentes; a jornada mundial da juventude. Semente semeada em 1984 vem dando certo e fazendo história. 
E que brotou seus primeiros frutos em 1986 na sua primeira edição em Roma.  Agora chega ao Brasil culminando com a visita do primeiro papa latino-americano, o Argentino Papa Francisco, o nosso grande vizinho e atual chefe da Igreja Católica. A sociedade mundial e algumas instituições como a igreja católica que tem abrangência numa grande parcela da população vulnerável aos perigos do mundo moderno, os jovens.

O homem na permanente luta para buscar a perfeição.

Reconhecer e corrigir o erro é uma ação nobre do ser humano. Todos os humanos inconscientemente possuem em sua mente a pretensão da perfeição.  Algo que jamais conseguirá, pois em sua essência somos constituídos de uma centelha de imperfeição. Muitos de nós lutamos uma vida inteira tentando a todos os cuidados construir e produzir as coisas em seu último grau de perfeição inquestionável. 

Uma atitude louvável, mas que nem sempre podemos cumprir em sua radicalidade, não por incompetência, mas devido às casualidades inesperadas geralmente inexplicáveis no momento dos acontecimentos. Partindo do princípio de uma pessoa ser perfeccionista, perícia absoluta em tudo que faz, ainda assim, não se consegue realizar esta façanha humana da perfeição. 

Momento de pausa e avaliação das manifestaçoes no Brasil

A maior paralisação do Brasil.

A maior paralisação do Brasil organizado pelas centrais sindicais.O Brasil nesta quinta-feira,13 de junho de 2013, fez uma das maiores paralisações desde quando começaram as manifestações que aparecem os clamores nação nas ruas. O movimento organizado pelas centrais sindicais que representam a maioria dos trabalhadores brasileiros fez o povo brasileiro parar.  Os organizadores “do dia nacional de lutas” com uma pauta de lutas bem definida contribuíram definitivamente para a população parar de uma forma ou de outra. Desta vez sem muita violência e atos de vandalismos como das outras vezes, com raras exceções. 
Jamais deixaremos de exaltar a iniciativa das primeiras manifestações populares, espontâneas e sem bandeiras que contagiaram o Brasil e certamente devem continuar nos próximos dias ou meses.

A manhã todos na ruas para reivindicar um Brasil melhor

A manhã não é dia de ficarmos em casa ,mas irem para as ruas  protestar  e não permanecer no conforto dos lares diante das telas dos computadores, notebooks, tablets, e Smartfones, diante das redes sociais simplesmente. Olhar algumas reportagens tendenciosas  da televisão  deturpadoras  dos reais objetivos deste movimento nacional. Manifestação  que surgiu com as insatisfações do povo diante da realidade que está aí, fazendo o povo sofrer. Além do mais são maquiadas pelo governo afirmando para o mundo que o povo brasileiro vive um mar de rosas. Porém, brasileiros não é hora de parar,mas de engrossar, encher todas as ruas deste país contra o sofrimento do povo que parece não ter mais fim.

Plebicisto instrumento de partipação democrático do cidadão